• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
Documento
Autor
Nombre completo
Maria Carolina Silvano Pacheco Corrêa Furtado
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2018
Director
Tribunal
Santos, Marcelo José dos (Presidente)
Massarollo, Maria Cristina Komatsu Braga
Mira, Vera Lucia
Rosa, Darci de Oliveira Santa
Título en portugués
Facebook: uma rede para a enfermagem
Palabras clave en portugués
Bioética
Enfermagem
Ética
Mídias sociais
Resumen en portugués
Introdução: O Facebook é o maior site de rede social do mundo e uma importante ferramenta de comunicação. A maneira como os profissionais de enfermagem utilizam-no pode acarretar implicações éticas e legais para si e para as instituições de saúde. Objetivo: Conhecer as representações sociais de enfermeiros sobre o uso do Facebook por profissionais de enfermagem. Metodologia: Trata-se de estudo qualitativo realizado com doze enfermeiros do Estado de São Paulo por meio de entrevista com questões norteadoras. Após a aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa, houve a obtenção dos depoimentos que foram gravados, transcritos e analisados de acordo com o Discurso de Sujeito Coletivo com fundamentação na Teoria das Representações Sociais de Serge Moscovici. Resultados: Após a análise emergiram cinco Ideias Centrais e seus respectivos Discursos do Sujeito Coletivo: O Facebook como ferramenta de comunicação do profissional de enfermagem; A imaturidade do profissional de enfermagem no uso do Facebook; A fragilidade da ética do profissional da enfermagem no uso do Facebook; A prudência como virtude do profissional de enfermagem no uso do Facebook e O uso do Facebook como instrumento gerencial. Conclusões: O Facebook é um importante instrumento de comunicação que contribui, em decorrência de seu uso, na geração de representações sociais da enfermagem. A imagem que o uso do Facebook tem consolidado do profissional da área é de imaturidade no uso da rede social e fragilidade ética pela possibilidade de quebra de privacidade e de confidencialidade. Essa última pode estar relacionada à falta de discussões e reflexões durante a formação e prática profissional e ao fato de ser um meio de comunicação relativamente novo que carece de divulgação de regulamentações. Os enfermeiros percebem tal situação e reconhecem a necessidade de desenvolver a prudência como virtude ética. Para tanto, recomendam ações, a fim de evitar possíveis infrações éticas, pautadas nos princípios éticos e no Código de Ética da Enfermagem, além de alertarem que essa mídia social tem sido cada vez mais utilizada como instrumento de análise para recrutamento e gerenciamento de recursos humanos na área.
Título en inglés
Facebook: a net for nursing
Palabras clave en inglés
Bioethics
Ethics
Nursing
Social Media
Resumen en inglés
Background: Facebook is considered to be one of the largest existing online platforms for social networking and is also an important communication tool communication tool. The way that nursing professionals use this tool may have important health and legal implications to themselves and to health institutions Objective: To explore nurses social representations about the use of Facebook by nursing professionals. Method: A qualitative study was conducted with twelve nurses from São Paulo State using guided questions one-to-one interviews. After the Research Ethics Committee approval, the interviews were tape-recorded, transcribed verbatim, and analyzed using the Collective Subject Discourse, following Serge Moscovici's Theory of Social Representations. Findings: Five Central Ideas and their Collective Subject Discourses were identified: "Facebook as a nursing professional communication tool"; "The nursing professionals immaturity when using Facebook"; "The fragility of the nursing professionals ethics in the use of Facebook"; "Discretion as an important virtue for nurses when using Facebook" and "Facebook as a management tool." Conclusions: Facebook is an important communication tool that contributes to social representations of the nursing profession. Nurses understand the use of Facebook by other nursing professionals as being immature and often unethical, which may compromise patients and professionals privacy and confidentiality. This might be a reflection of the lack of discussions about the use of social media by health professionals during training and practice and of the fact that Facebook is a relatively new communication channel with not well established and disseminated confidentiality regulations. Nurses recognize the need for improvement of nurses discretion as ethical virtue when using social media. Participants recommended the implementation of actions based on ethical principles and on the Code of Ethics of Nursing to prevent ethical infractions. They also warned about the potential implications around the use of social media as a means of recruitment and human resources management in the area.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Maria_CSPC_Furtado.pdf (267.44 Kbytes)
Fecha de Publicación
2019-06-27
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.