• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.7.2019.tde-12122019-135921
Documento
Autor
Nome completo
Fernanda Leticia Frates Cauduro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Prado, Claudia (Presidente)
Cavalcanti, Carolina Magalhães Costa
Hilu, Luciane
Leite, Maria Madalena Januario
Püschel, Vilanice Alves de Araujo
Vaz, Débora Rodrigues
Título em português
Design thinking: metodologia inovadora para a formação docente em enfermagem
Palavras-chave em português
Design Thinking
Docentes de enfermagem
Ensino Superior
Formação pedagógica
Inovação
Metodologias ativas
Resumo em português
Introdução: A adoção de metodologias inovadoras para a formação docente em enfermagem é desafiadora, porém necessária. As estratégias pedagógicas utilizadas para a formação do enfermeiro docente devem ir ao encontro das demandas de saúde, as quais se encontram em constante transformação, constituindo-se esta uma tarefa complexa. Nesse sentido, o Design Thinking se apresenta como uma metodologia ativa inovadora a qual agrega na formação docente do enfermeiro, despertando-o para a empatia, trabalho colaborativo, criatividade e resolução de problemas inerentes a prática pedagógica. Objetivo: Analisar as contribuições do Design Thinking como metodologia ativa inovadora na formação docente em enfermagem. Método: Estudo de caso qualitativo, fundamentado na teoria sócio-interacionista de Lev Semionovich Vygotsky. Para a produção de dados optou-se pela condução de uma oficina pedagógica pautada nas fases do Design Thinking para Educadores. Participaram 15 docentes em formação, mestrandos e doutorandos de um Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, de uma Universidade Pública situada em Curitiba Paraná. A oficina pedagógica foi estruturada em três etapas e sete atividades, com duração total de oito horas. Os dados foram áudio e vídeo gravados, respeitando-se os aspectos éticos. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa com seres humanos, sob o Parecer n°2.607.086. Resultados: A fim de atender aos preceitos do Design Thinking, a pesquisadora assumiu o papel de mediadora e designer thinker líder do projeto, ao passo que os participantes de designers thinkers. Na primeira etapa da oficina duas dinâmicas foram aplicadas com o intuito de aproximar os participantes aos conceitos de empatia e trabalho colaborativo; após, estabelecerem-se três grupos e o desafio estratégico Como podemos avaliar o aprendizado do aluno? foi exposto, o qual serviu como fio condutor para todas as etapas e atividades subseqüentes. Além disso, foram executadas estratégias de resgate a conhecimentos prévios, pesquisa exploratória e elaboração de mapas da empatia e personas. Na segunda etapa, as ideias mais viáveis, desejáveis e praticáveis foram delimitadas para que, então, fossem prototipadas. Na terceira etapa, os protótipos apresentados foram nomeados como Avaliação de Múltiplos Casos, Trajeção da Aprendizagem e Instrumento de Avaliação. Complementar ao processo, um instrumento de avaliação com perguntas abertas e fechadas foi aplicado a fim de se obter feedback acerca das estratégias e recursos utilizados. Conclusões: Sob a perspectiva do referencial teórico, o Design Thinking mostrou-se como uma metodologia ativa a qual se vale de diversos elementos mediadores que atuam na Zona de Desenvolvimento Proximal dos participantes, a exemplo o mapa da empatia e a persona. Por meio do trabalho colaborativo e interação social, propiciou a formação docente, bem como instigou a criatividade ao prever a elaboração de protótipos. O Design Thinking contribuiu para a formação docente dos participantes à medida que o tema avaliação da aprendizagem foi problematizado, houve partilha de conhecimentos, experiências e busca coletiva para a resolução de um problema de forma inovadora e criativa.
Título em inglês
Design Thinking: innovative methodology for teacher training in nursing
Palavras-chave em inglês
Active methodologies
Design Thinking
Faculty of nursing
Higher Education
Innovation
Pedagogical training
Resumo em inglês
Introduction: The adoption of innovative methodologies for teacher training in nursing is a challenge and also a necessity. Pedagogical strategies used for the formation of the nurse faculty must meet the demands of health, which are in constant transformation, being this a complex task. In this sense, the Design Thinking is an active innovative methodology which aggregates on teacher training of nurses, awakening empathy, collaborative work, creativity and solving problems inherent in pedagogical practice. Goal: Analyze the contributions of Design Thinking as active innovative methodology in teacher education in nursing. Method: Qualitative, case study, based on the theory of interactionist partner Lev Semionovich Vygotsky. For the production of data, we opted for conducting an educational workshop based on the stages of Design Thinking for educators. 15 teachers participated in training, Master students and doctoral candidates of a graduate degree program in nursing, a Public University located in Curitiba Paraná. The pedagogical workshop was structured in three phases and seven activities, with total duration of 8 hours. The data were recorded audio and video, in conformity with the ethical aspects. The project was approved by the Committee of ethics in research with human beings, under the opinion n°2.607.086. Results: In order to meet the requirements of the Design Thinking, the researcher assumed the role of mediator and designer thinker project leader, whereas participants of designers thinkers. In the first step of two dynamic workshop were applied with the aim of bringing the participants to the concepts of empathy and collaborative work; After setting three groups and the strategic challenge "How do we assess student learning?" Was exposed, which served as the guiding principle for all the steps and subsequent activities. In addition, rescue strategies have been implemented to previous knowledge, exploratory research and elaboration of maps of empathy and personas. In the second step, the most viable, desirable and feasible were defined for that, so they were prototype. In the third step, the prototypes presented were named as "Multiple assessment Cases", "Trajeção" and "learning assessment tool". Complementary to the process, an assessment tool with open and closed questions was applied in order to obtain feedback about strategies and resources used. Conclusions: From the perspective of the theoretical, Design Thinking showed up as an active methodology which is worth of various elements mediators working in the zone of Proximal Development of participants, for example the map of empathy and persona. Through the collaborative work and social interaction, provides teacher training, as well as encourages creativity by providing for the development of prototypes. The Design Thinking contributed to the teacher training of the participants as the theme "assessment of learning" was problematic, there was sharing of knowledge, experiences and collective search for solving a problem in a creative and innovative way.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.