• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.6.2021.tde-27012021-150527
Documento
Autor
Nome completo
Ana Carla Coleone de Carvalho
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Paganini, Wanderley da Silva (Presidente)
Guedes, Camila Delanesi
Iwai, Cristiano Kenji
Mucci, José Luiz Negrão
Título em português
A presença de fármacos e cafeína em água superficial e destinada ao consumo humano
Palavras-chave em português
Abastecimento de Água
Água
Cafeína
Escherichia coli
Fármacos
Resumo em português
Com um intenso consumo, e graças ao surgimento de novas técnicas analíticas, a presença de fármacos e cafeína tem sido detectada em meios aquáticos por todo o mundo, mesmo que em baixas concentrações. No entanto, os impactos que podem ocasionar à saúde e ao ambiente ainda não são bem compreendidos. Dessa forma, o objetivo deste trabalho foi avaliar a presença dos fármacos atenolol, carbamazepina, clonazepam, fluoxetina, haloperidol, ibuprofeno, paracetamol, sinvastatina e venlafaxina e da cafeína em água bruta e tratada por uma estação de tratamento convencional, caracterizar as águas de acordo com as características físico-químicas e microbiológicas e verificar as conformidades com os padrões legais, e avaliar os impactos dos compostos detectados nas amostras para o ambiente aquático. As análises foram realizadas por cromatografia líquida acoplada à espectrometria de massas sequencial. As coletas das amostras foram realizadas nos períodos chuvoso e seco. As características físico-químicas analisadas foram cor aparente, turbidez, condutividade e pH. Para a caracterização microbiológica foram quantificados os coliformes totais e Escherichia coli. O impacto dos contaminantes foi avaliado com base em teste de toxicidade aguda, pela coleta de dados na literatura cientifica acerca dos efeitos subletais para organismos aquáticos e pela avaliação de risco, realizada de acordo com o cálculo do quociente de risco. O método analítico mostrou-se adequado em suas figuras de mérito para a análise dos contaminantes. A carbamazepina, a fluoxetina, a venlafaxina e a cafeína, presentes na água bruta foram removidas pelo tratamento da água. As características físico-químicas e microbiológicas da água bruta e da tratada enquadraram-se nos valores estabelecidos pela Resolução Conama nº 357 e pela Portaria de Consolidação nº 5, respectivamente. Os compostos identificados neste estudo podem ocasionar danos a organismos não-alvos e risco ao ambiente aquático.
Título em inglês
The presence of pharmaceuticals and caffeine in surface and treated water
Palavras-chave em inglês
Caffeine
Escherichia coli
Pharmaceuticals
Water
Water Supply
Resumo em inglês
With an intense consumption, and thanks to the emergence of new analytical techniques, the presence of pharmaceuticals and caffeine has been detected in aquatic environments all over the world, even in low concentrations. However, the impacts they can have on health and the environment are still not well understood. Thus, the objective of this work was to evaluate the presence of the pharmaceuticals atenolol, carbamazepine, clonazepam, fluoxetine, haloperidol, ibuprofen, paracetamol, simvastatin and venlafaxine and caffeine in raw water and treated by a conventional treatment plant, to characterize the waters according to the physical-chemical and microbiological characteristics and check the compliance with legal standards, and evaluate the impacts of the compounds detected in the samples for the aquatic environment. The analyses were performed by liquid chromatography coupled with sequential mass spectrometry. Sample collections were carried out in the rainy and dry periods. The physical-chemical characteristics analyzed were apparent color, turbidity, conductivity and pH. For microbiological characterization, total coliforms and Escherichia coli were quantified. The impact of contaminants was assessed based on an acute toxicity test, by collecting data in the scientific literature on sublethal effects for aquatic organisms and by assessing risk, carried out according to the calculation of the risk quotient. The analytical method proved to be adequate in its figures of merit for the analysis of contaminants. Carbamazepine, fluoxetine, venlafaxine and caffeine, present in raw water, were removed by water treatment. The physical-chemical and microbiological characteristics of raw and treated water were in line with the values established by Conama Resolution nº 357 and Consolidation Ordinance nº 5, respectively. The compounds identified in this study can cause damage to non-target organisms and risk to the aquatic environment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CarvalhoACC_DR_O.pdf (4.51 Mbytes)
Data de Publicação
2021-01-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.