• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.6.2021.tde-19082021-160201
Documento
Autor
Nome completo
Flávia Bosquê Alves Vieira
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2021
Orientador
Banca examinadora
Olympio, Kelly Polido Kaneshiro (Presidente)
Moreno, Claudia Roberta de Castro
Pereira, Luiz Alberto Amador
Silva, Erica Aparecida Souza
Título em português
Avaliação de saúde e do perfil metabólico de mulheres trabalhadoras inseridas no arranjo produtivo domiciliar e informal de joias e bijuterias de Limeira, SP
Palavras-chave em português
Doenças Crônicas
Exposição Ocupacional
Metabolômica
Plasma
Saúde do Trabalhador
Resumo em português
Introdução: A cidade de Limeira-SP contempla um relevante polo produtivo de joias e bijuterias, bem como um cenário de flexibilização do trabalho, por meio da informalidade e terceirização. Os trabalhadores, assim como a população podem ser expostos a diversos elementos, dentre eles, a elementos potencialmente tóxicos (EPT), como o Arsênio (As), Chumbo (Pb), Mercúrio (Hg), Cádmio (Cd), Níquel (Ni), Zinco (Zn), Cromo (Cr), Cobre (Cu) e Estanho (Sn). Esses EPTs podem ser identificados e quantificados no organismo humano, por meio da análise metabolômica, a qual quantifica os metabólitos relacionados ao metabolismo humano. Objetivo: Descrever o perfil de saúde de trabalhadoras e perfil metabolômico por HPLC-MS de soldadoras inseridas no arranjo produtivo local, informal e domiciliar da produção de joias e bijuterias na cidade de Limeira, SP, e identificar as doenças associadas aos metabólitos encontrados. Metodologia: Este estudo de delineamento transversal incluiu 129 participantes, sendo divididas em dois grupos, denominado "Exposto" (n=72) e "Controle" (n=57). A partir da amostra inicial, foi selecionada uma sub amostra de 15 participantes de cada grupo, "Exposto" e "Controle", para o desenvolvimento da análise metabolômica untargeted no plasma. Todas as participantes responderam questionários de doenças referidas, adaptados do Inquérito Domiciliar sobre Comportamentos de Risco e Morbidade Referida de Agravos não Transmissíveis para coletar informações sobre saúde, hábitos de vida e informações gestacionais. Amostras de sangue foram coletadas para análise de metais e uma subamostra foi selecionada para análise metabolômica untargeted por HPLC-MS. Testes exatos de Fischer foram aplicados aos dados de doenças autorreferidas e consumo de grupos alimentares (p<0,05), bem como teste de comparação de médias para as concentrações de EPT. Para os dados cromatográficos foram aplicados a análise multivariada pelos métodos de análise de Componentes Principais (PCA) e a análise discriminante por mínimos quadrados e parciais (PLS-DA). Resultados: Ao analisar todas as mulheres do estudo, foi encontrada uma diferença estatisticamente significante das doenças respiratórias (p=0,04) para o grupo Exposto, enquanto as mulheres do grupo Controle referiram mais frequentemente tosse seca (p=0,02) e diabetes gestacional (p=0,02). A análise das condições socioeconômicas mostrou que as mulheres de ambos os grupos têm remuneração abaixo do salário-mínimo da época da coleta (2017), embora as mulheres do grupo Exposto apresentem maior remuneração. Para o grupo de soldadoras foi identificada uma maior concentração de Pb no sangue (mediana Exposto= 13,8 μg L-1; mediana Controle=8,3 chumbo μg L-1; p= 0,02; U=58). Conclusão: O total de pessoas do sexo feminino do grupo Exposto referiu doenças respiratórias, enquanto a análise estatística realizada para as amostras metabolômicas não foi capaz de mostrar qualquer padrão de diferenciação entre os grupos de mulheres soldadoras e não soldadoras.
Título em inglês
Evaluation of health and metabolic profile of working women inserted in the local productive, home based and informal arrangement of jewelry and fashion jewelry
Palavras-chave em inglês
Chronic Diseases
Metabolomics
Occupational Exposure
Occupational Health
Plasma
Resumo em inglês
Introduction: The city of Limeira-SP includes a relevant production chain for jewelry and fashions jewelry, as well as a homebase work scenario, through informality and outsourcing. Workers as well as the population can be exposed to various elements, including potentially toxic elements (PTE), such as Arsenic (As), Lead (Pb), Mercury (Hg), Cadmium (Cd), Nickel (Ni), Zinc (Zn), Chromium (Cr), Copper (Cu) and Tin (Sn). These PTEs can be identified and quantified in the human body, through metabolomic analysis, which quantifies metabolites related to human metabolism. Objective: To describe the health profile of female workers and the metabolic profile by HPLC-MS of welders inserted in the local, informal and household production arrangement for the production of jewelry and fashion jewelry in the city of Limeira, SP, and to identify the diseases associated with the metabolites found. Method: This cross- sectional study included 129 participants, being divided into two groups, called "Exposed" (n = 72) and "Control" (n = 57). From the initial sample, a sub-sample of 15 participants from each group, "Exposed" and "Control", was selected for the development of untargeted metabolomic analysis in plasma. All participants answered questionnaires on referred diseases, adapted from the Household Survey on Risk Behaviors and Referred Morbidity of Non- Communicable Diseases to collect information on health, lifestyle and gestational information. Blood samples were collected for metals analysis and a subsample was selected for untargeted metabolomic analysis by HPLC-MS. Fischer's exact tests were applied to data on self-reported diseases and consumption of food groups (p <0.05), as well as a means comparison test for PTE concentrations. For the chromatographic data, multivariate analysis using the Principal Component analysis methods (PCA) and the discriminant analysis by least squares and partials (PLS-DA) were applied. Results: When analyzing all the women in the study, a statistically significant difference was found in respiratory diseases (p = 0.04) for the Exposed group, while women in the Control group reported more frequently dry cough (p = 0.02) and gestational diabetes (p = 0.02). The analysis of socioeconomic conditions showed that women in both groups have remuneration below the minimum wage at the time of collection (2017), although women in the Exposed group have higher remuneration. For the welders' group, a higher concentration of Pb in the blood was identified (median Exposed = 13.8; median Control = 8.3; p = 0.02; U = 58). Conclusion: The total number of females in the Exposed group reported respiratory diseases, while the statistical analysis performed for the metabolomic samples was not able to show any pattern of differentiation between the groups of welder and non-welder women.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
VieiraFBA_MTR_R.pdf (5.67 Mbytes)
Data de Publicação
2021-08-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.