• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.6.2021.tde-17022021-190209
Documento
Autor
Nombre completo
Fernanda Correia de Souza
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2021
Director
Tribunal
Antunes, José Leopoldo Ferreira (Presidente)
Domaneschi, Carina
Mello, Tatiana Ribeiro de Campos
Toporcov, Tatiana Natasha
Título en portugués
Mortalidade por câncer de cavidade bucal e orofaringe nos estados brasileiros: uma análise de tendência
Palabras clave en portugués
Câncer Bucal
Câncer da Orofaringe
Papiloma Vírus Humano
Resumen en portugués
Introdução - Os cânceres orais são componentes do grupo de câncer de cabeça e pescoço que representa o sexto tipo de neoplasia maligna de maior incidência no mundo e com tendência de incremento das taxas de mortalidade para os próximos anos. Sua incidência está relacionada a fatores socioeconômicos e sua evolução está associada com a provisão de serviços de saúde. Apesar do esforço dispensado pelos sistemas de saúde, o câncer de cavidade bucal e de orofaringe ainda exerce grande impacto na morbimortalidade, sendo necessário manter a vigilância e prevenção constante. Objetivos - 1) Descrever a magnitude e a tendência das taxas de mortalidade por câncer de cavidade bucal e de orofaringe nos Estados do Brasil e Distrito Federal, entre os anos de 1996 e 2016. 2) Analisar a associação destas taxas com o desenvolvimento humano nos Estados do Brasil e Distrito Federal, 3) Comparar a tendência da mortalidade por câncer de orofaringe, que a literatura indica como sendo relacionada ao HPV, com a tendência da mortalidade por câncer de cavidade bucal, que a literatura indica como não sendo relacionada ao HPV, nos Estados do Brasil e Distrito Federal, entre os anos de 1996 e 2016. Métodos - Este é um estudo ecológico que avaliou dados oficiais georreferenciados sobre população, mortalidade e desenvolvimento humano. O Índice de Desenvolvimento Humano foi obtido através do Programa das Nações Unidas no Brasil. As taxas de mortalidade foram padronizadas por sexo e faixa etária utilizando como padrão a população mundial. Foi utilizada a regressão linear generalizada pelo método de Prais-Winsten. A classificação das taxas de mortalidade foi ascendente (p<0,05 e coeficiente de regressão positivo), declinante (p<0,05 e coeficiente de regressão negativo) ou estacionária (p>0,05). Resultados - A magnitude e as taxas de mortalidade do câncer de cavidade bucal e de orofaringe foram mais elevadas nos estados das regiões sul e sudeste. A tendência para ambos os tipos de câncer teve crescimento mais elevado da mortalidade nos estados das regiões norte e nordeste. A correlação entre os dois tipos de câncer foi positiva. Conclusão - As taxas de variação anual da mortalidade para os dois tipos de cânceres se mostraram análogas. No período inicial e final da série histórica a magnitude das taxas de mortalidade foi mais elevada nos estados das regiões Sul e Sudeste tanto para o câncer de cavidade bucal quanto para o câncer de orofaringe. Porém quando observada a tendência, aos estados das regiões Norte e Nordeste mostraram valores mais elevados.
Título en inglés
Mortality from oral cavity and oropharyngeal cancer in Brazilian states: a trend analysis
Palabras clave en inglés
Mouth Neoplasms
Oropharyngeal Neoplasms
Papillomaviridae
Resumen en inglés
Introduction - Oral cancers are components of the group of head and neck cancer that represent the sixth type of malignant neoplasia with the highest incidence in the world and with an increase on the trend of mortality rates for the next years. Its incidence is related to socioeconomic factors and its evolution is associated with the provision of health services. Despite the efforts made by health systems, cancer of the oral cavity and oropharynx still has a great impact on morbidity and mortality, and it is necessary to maintain constant surveillance and prevention. Objectives - 1) To describe the trend of mortality rates due to oral cavity and oropharyngeal cancer in the States of Brazil and the Federal District, between the years 1996 and 2016. 2) To analyze the association of these rates with human development in the States of Brazil and the Federal District. 3) Compare the trend of mortality from oropharyngeal cancer, which the literature indicates as being related to HPV, with the trend of mortality from oral cavity cancer, which the literature indicates as not being related to HPV, in the States of Brazil and the Federal District, between 1996 and 2016. Methods - This is an ecological study that evaluated official georeferenced data on population, mortality and human development. The Human Development Index was obtained through the United Nations Program in Brazil. Mortality rates were standardized by sex and age group using the world population as standard. Generalized linear regression by the Prais- Winsten method was used. The classification of mortality rates was ascending (p <0.05 and positive regression coefficient), declining (p <0.05 and negative regression coefficient) or stationary (p> 0.05). Results - The magnitude and mortality rates of cancer of the oral cavity and oropharynx were higher in the states of the South and Southeast regions. The trend for both types of cancer had a higher increase in mortality in the states of the North and Northeast regions. The correlation between the two types of cancer was positive. Conclusion - The annual percent rates in mortality for both types of cancers were analogous. In the initial and final period of the historical series, the magnitude of mortality rates was higher in the states of the South and Southeast regions for both oral cavity and oropharyngeal cancer. However, when the trend was observed, the states of the North and Northeast regions showed higher values.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
SouzaFC_MTR_O.pdf (4.83 Mbytes)
Fecha de Publicación
2021-02-17
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.