• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.6.2016.tde-19042016-141942
Documento
Autor
Nome completo
Evellin Damerie Venancio Müller Malta
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Conde, Wolney Lisbôa (Presidente)
Szwarcwald, Célia Landmann
Toporcov, Tatiana Natasha
Título em português
Estado  nutricional aos 20 anos como fator de risco para incidência precoce de doenças crônicas não transmissíveis entre adultos de 30 a 49 anos
Palavras-chave em português
Análise de Sobrevida
Doenças Crônicas não Transmissíveis
Obesidade
Regressão de Cox
Resumo em português
Introdução: O excesso de peso em adultos jovens está associado ao desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) e à diminuição da qualidade de vida e ao aumento da mortalidade precoce. A transição da adolescência para a fase adulta é o período de maior risco para a incidência da obesidade. Objetivo: Estimar o efeito o índice de massa corpora (IMC) aos 20 anos sobre a incidência de DCNT em adultos brasileiros com idade entre 30 a 49 anos. Métodos: Foram selecionados 12.079 indivíduos de 30 a 49 anos da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), realizada no ano de 2013. O modelo adotado para determinação das DCNT foi aquele proposto pela Organização Mundial de Saúde. A incidência das DCNT (hipertensão, doenças cardiovasculares, diabetes e câncer, entre outras), informada pela data do diagnóstico, foi modelada como função do IMC aos 20 anos. Os indivíduos sem a doença até o presente foram considerados como censura. As estimativas de sobrevida foram calculadas com o método de Kaplan-Meier (KM) para cada uma das doenças, estratificada por sexo e ajustada por escolaridade. A análise dos fatores de risco para as doenças foi feita utilizando-se o modelo de riscos proporcionais de Cox. Resultados: Nas curvas de sobrevida KM, indivíduos com IMC >=25kg/m² apresentaram incidência mais elevada e precoce de DCNT, principalmente hipertensão, diabetes e depressão. A idade mediana para incidência do diabetes em obesos foi de 47 anos para homens e 48 anos para mulheres. A incidência da hipertensão arterial foi 4,2 por mil com sobrevida mediana de 48 e 44 anos em mulheres com excesso de peso e obesidade, respectivamente. Dentre os fatores de risco associados as DCNT, o tabagismo em idade precoce foi associado à incidência de depressão. Conclusão: O excesso de peso em adultos jovens aumenta a incidência precoce de DCNT, com efeitos negativos na qualidade de vida, lazer e produtividade, além de aumentar a demanda por serviços de saúde. Torna-se necessário que a intervenção para redução dessas doenças seja direcionada para o período da infância e adolescência com ações que promovam a redução da exposição desses indivíduos à alimentação de má qualidade e incentivo a prática de atividade, não uso do tabaco e consumo moderado de álcool.
Título em inglês
Nutritional status at age 20 as a risk factor for early incidence of chronic non-communicable diseases among adults from 30 to 49 years.
Palavras-chave em inglês
Chronic Noncommunicable Diseases
Cox Regression
Obesity
Survival Analysis
Resumo em inglês
Introduction: Overweight in young adults is associated with the development of chronic noncommunicable diseases (NCDs) and decreased quality of life and increased early mortality. The transition from adolescence to adulthood is the period of greatest risk for the incidence of obesity. Objective: To estimate the effect of the corpora mass index (BMI) at age 20 on the incidence of NCDs in Brazilian adults aged 30-49 years. Methods: We selected 12 079 individuals 30-49 years of the National Health Research (PNS) held in 2013. The model adopted for determining the NCD was that proposed by the World Health Organization The incidence of NCDs (hypertension, diseases. cardiovascular, diabetes and cancer, among others), informed by the date of diagnosis, and modeled as a function of BMI at age 20. Individuals without the disease to date have been considered as censorship. Survival estimates calculated with the Kaplan-Meier (KM) for each of the diseases, stratified by gender and adjusted for schooling. The analysis of risk factors for the disease made using the model of Cox proportional hazards. Results: In the survival curves KM, individuals with BMI> = 25 kg / m² presented higher and early incidence of NCDs, particularly hypertension, diabetes and depression. The median age for incidence of diabetes in obese was 47 years for men and 48 years for women. The incidence of hypertension was 4.2 per thousand with a median survival of 48 and 44 years in women with excess weight and obesity respectively. Among the risk factors associated with the NCD, smoking at an early age was associated with the incidence of depression. Conclusion: Being overweight in young adults increases the early incidence of NCDs, with negative effects on quality of life, leisure and productivity, and increase the demand for health services. It is necessary that the intervention to reduce these diseases directed to the period of childhood and adolescence with actions that promote a reduction in exposure of these individuals to the poor quality of food and encouraging the practice of activity, no tobacco use and moderate consumption alcohol.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Evellin.pdf (1.38 Mbytes)
Data de Publicação
2016-06-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.