• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.6.2013.tde-06052013-091924
Documento
Autor
Nome completo
Keler Wertz Schender de Lima
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Antunes, Jose Leopoldo Ferreira (Presidente)
Bousquat, Aylene Emilia Moraes
Silva, Zilda Pereira da
Título em português
Percepção dos gestores sobre o uso de indicadores nos serviços de saúde
Palavras-chave em português
Indicadores de saúde
Serviços de saúde
Sistemas de informação
Resumo em português
Introdução: Os indicadores de saúde refletem o quadro real das condições de saúde de uma população. Sua utilização pode orientar os gestores de saúde no planejamento e controle das atividades locais, além de permitir possíveis inferências quanto aos efeitos das decisões e de seus resultados. Objetivo: Este estudo tem como objetivo descrever a percepção dos gestores de unidades de saúde quanto ao uso dos indicadores de saúde em suas ações de planejamento e controle dos serviços de saúde. Metodologia: Trata-se de estudo descritivo e exploratório com abordagem de análise qualitativa. O estudo foi realizado na subprefeitura da Aricanduva, com a entrevista dos gestores das unidades de saúde. Para a interpretação dos dados levantados utilizou-se a análise de conteúdo, modalidade temática. Os trechos das falas dos gestores foram agrupados por temas: Tema 1: Perfil dos gestores das unidades de saúde; Tema 2: Percepção quanto ao uso dos sistemas de informação em saúde para o planejamento e controle dos serviços de saúde; Tema 3: Acesso e discussão das informações em saúde; Tema 4: Percepção sobre a confiabilidade e qualidade dos indicadores; Tema 5: Comparação com outras unidades de saúde (Benchmarking); Tema 6: Entraves na utilização dos sistemas de informação em saúde; Tema 7: Oportunidades de melhoria dos sistemas de informação em saúde. Resultados: Os indicadores de saúde são subutilizados pelos gestores em suas ações de planejamento e controle dos serviços. Os sistemas de informações em saúde são apreendidos como instrumentos técnico-burocráticos por parte dos gestores. Segundo a maioria dos gestores, sua relação com esses sistemas consiste, na inclusão de dados e repasse das informações, sendo reduzida sua utilização gerencial. Alguns entraves foram mencionados pelos gestores em relação ao acesso as informações em saúde. A lentidão dos sistemas foi considerada o principal entrave, seguido pelo escasso número de profissionais capacitados para operar o sistema, falta de oportunidades para formação e atualização dos profissionais, além da pouca integração entre os sistemas. Considerações finais: Verificou-se que, em maioria, os gestores entrevistados não se apropriam dos indicadores de saúde para suas ações gerenciais. Recomenda-se propiciar condições institucionais para uma utilização mais efetiva dos indicadores de saúde como instrumento de gestão das unidades do serviço público de saúde
Título em inglês
Perception of managers on the use of indicators in health services
Palavras-chave em inglês
Health indicators
Health services
Information systems
Resumo em inglês
Introduction: Health indicators reflect the true picture of population health status. Its use can guide health managers for the planning and control of interventions, and allows inferences on the possible effects and consequences of their decisions. Objective: This study aimed to describe the perception of managers of health facilities on the use of health indicators in the planning and control of actions performed at their health units. Methods: We conducted a descriptive study, using a qualitative analysis approach. The study was conducted in the borough of Aricanduva, by interviewing the managers of health facilities. The interpretation of results used the methodological resource of thematic analysis of discourse contents. Segments of the managers discourse were grouped by themes: Theme 1: Profile of managers of health facilities; Theme 2: Perception on the use of health information systems for the planning and control of health services; Theme 3: Access and discussion of health information; Theme 4: Perceptions about reliability and quality of health indicators; Theme 5: Comparison with other health units (Benchmarking); Theme 6: Restriction on the use of information systems in health; Theme 7: Opportunities for improving the system of health information. Results: Health indicators are underutilized by managers in their actions planning and control services. The health information systems are perceived as bureaucratic and technical instruments by managers. According to most the managers, their relationship with these systems consists in the inclusion of data and transfer of information; they scarcely use this tool to instruct decision making. Managers mentioned some barriers in relation to access to health information. The slowness of the system was considered the most important of these obstacles, followed by the small number of professionals trained to operate the system, lack of opportunities for training and updating of professionals, as well as poor integration between systems. Final considerations: Most managers do not fully qualify as users of health indicators in the planning and management of their actions. The provision of institutional resources is recommended to allow for a more effective use of health indicators as a management tool for public health units
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
kelerschender.pdf (905.61 Kbytes)
Data de Publicação
2013-06-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.