• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.1999.tde-05092012-115106
Documento
Autor
Nome completo
Lauro Cesar Ibanhes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1999
Orientador
Banca examinadora
Sa, Evelin Naked de Castro (Presidente)
Almeida, Marcia Furquim de
Carvalheiro, Jose da Rocha
Lefevre, Fernando
Sposati, Aldaiza de Oliveira
Título em português
O Setor Informal Urbano: A Organização e as Condições de Saúde de um Grupo de Vendedores Ambulantes
Palavras-chave em português
Condições de Vida e Saúde e Saúde Mental e Trabalho
Grupo
Organização
Setor Informal Urbano
Vendedores Ambulantes
Resumo em português
OBJETIVO: Este trabalho analisa a organização e as condições de vida e problemas de saúde referidos de um grupo de vendedores ambulantes em um espaço geográfico delimitado no bairro de Santana na cidade de São Paulo, através de uma amostra intencional disponível de 54 sujeitos. Os objetivos são: identificar as formas básicas de inserção, relacionamento e permanência no grupo, identificar os aspectos físicos, ambientais e organizacionais do processo de trabalho e levantar os itens básicos referentes à situação de emprego, instrução, tipo de moradia, renda individual e familiar e acesso aos serviços de saúde. MÉTODO: Os dados foram coletados por meio de formulários, entrevistas e observações sistematizadas. Busca-se interpretar as representações sociais através de análises de conteúdo. RESULTADOS: Tendo em vista as alterações econômico-socias e o crescimento do setor informal urbano, procura-se melhor conhecer o problema a fim de contribuir na discussão das políticas públicas, particularmente na organização e administração dos serviços de saúde. CONCLUSÕES: Dada a não absorção da mão de obra disponível e o desemprego registrados, parte destes ambulantes, na faixa dos 18 a 24 anos, se inserem no mercado de trabalho através desta atividade; outros, neste grupo de idade e até 30 anos, seguem na precariedade ou informalidade, uma vez que exerciam anteriormente ocupações sem seguir uma profissão ou carreira; outros, nas faixas anteriores, e acima dos 40 anos, são ex-pequenos e médios proprietários e/ou donos de melhores padrões escolares e experiência profissional. O grupo se pauta pela manutenção de padrões mínimos de sobrevivência, de modo particularista e sem uma organização de fato, restrita à tentativa de alguns em articular ações e padrões de comportamentos comuns, como em relação aos clientes. Não se indica atendimento de saúde para as queixas referidas dores de cabeça, costas, estômago e pernas, associadas pela maioria à postura corporal e às tensões advindas da vulnerabilidade e insegurança. São entendidas como problemas de saúde apenas quando os afastam do trabalho. Embora indique-se restrições ao acesso aos serviços de saúde do tipo ambulatorial, os casos relatados de urgência, emergência e controle são suportados pelo setor público. Observa-se um considerável consumo de remédios, inclusive sem prescrição médica.
Título em inglês
The Urban Informal Sector: the Organizations and the Health Conditions of a Street Salesman Group
Palavras-chave em inglês
Group
Health Conditions
Life
Mental Illness and Work
Organization
Street Salesman
Urban Informal Sector
Resumo em inglês
OBJECTIVE: This paper analyse the organization, life and health conditions and referred health disease of a street salesman group in a delimited geographic space at the district of Santana, in São Paulo city, Brazil. The sample consists of a 54 selected intentional subjects. The aims are: identify the beginning in the group, continue and the relationship among them; identify the fisical, environmental and organizational aspects of this occupation and to obtained a basic dates to describe the employment, instruction, habitation, familial and individual gains profile and the accesibility to health service at a quantitative approaches. METHODS: The data were colected by forms, interviews and systematics observations, and examines the data by a social representations technic and theme analysis. RESULTS: In order to contribute to formulate health policy it requires news strategies of interventions and organization of the health services, according the changes of the economical and social rules and the increasing of the urban informal sector and the fisical and psychological risks around their activity. CONCLUSIONS: Due to unemployment, the results show that part of this group at 18-24 year bracket starts their worklife as a street salesman; an other important part, remains at the informal sector as street salesman, cause their temporary or irregular job and career; and a third part is composed by a previously olds owners and high levels profissional and educational background. The group have no organization, actually, but a particular ways to practice. Some of them takes charge to establish a common behaviours, as regarding to costumers. Most of them referred health disease, such as headache, back pain, legs pain and stomachache, due to corporal posture and stress matters. Althought they indicate difficulty to use the ambulatorial public health services, all of the refer urgency and emergency cases are attended by public health units. There is a high numbers of medicine usuary, included no medical prescription.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
LauroIbanhes.pdf (2.67 Mbytes)
Data de Publicação
2012-09-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.