• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2016.tde-15092016-145522
Documento
Autor
Nome completo
Maria Antonietta Mascolli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Günther, Wanda Maria Risso (Presidente)
Lombardo, Magda Adelaide
Schmidt, Maria Luisa Sandoval
Vasconcellos, Maria da Penha Costa
Zioni, Fabiola
Título em português
Combinamos entre nós ou com o tempo?: temporalidades climáticas no cotidiano de idosos moradores do centro de São Paulo
Palavras-chave em português
Brasil
Clima
Cotidiano Urbano
Idoso
Pesquisa Qualitativa
Resumo em português
A relação entre o clima e a saúde do idoso urbano tem sido amplamente abordada em termos quantitativos. Esta pesquisa busca compreender como se constitui a relação dos idosos com o clima no cotidiano urbano e em seu contexto cultural, buscando contribuições para o tema da adaptação em tempos de mudanças climáticas, ao fenômeno da ilha de calor urbana, e para o entendimento sobre o envelhecer na cidade. O objetivo foi compreender como os idosos moradores do centro de São Paulo, Brasil, experimentam e relatam sua experiência sobre o tempo meteorológico e o clima no cotidiano, tanto na vida doméstica quanto na sua movimentação pelo espaço público, integrando perspectivas físicas, subjetivas e ambientais. Trata-se de pesquisa qualitativa, de perspectiva etnográfica e com orientação analítico-descritiva, que utiliza como técnicas de coleta de dados a observação participante, entrevistas semiestruturadas e análise de documentos. A interpretação do material coletado seguiu os pressupostos da análise temática e manteve o foco em práticas sociais. Os participantes da pesquisa revelaram uma relação complexa com o clima e tempo, explicitada por meio da prática narrativa de memórias sociais que elaboram uma construção de clima e, simultaneamente, das práticas antecipatórias e adaptativas às condições atmosféricas que se apresentam no cotidiano. Esta experiência revelou-se corporificada e situada tanto no plano concreto do urbano quanto no plano subjetivo do histórico e social. Conclui-se que o caráter multidimensional da experiência do idoso ao clima e tempo meteorológico, quando capturada do ponto de vista do sujeito, fornece novos subsídios para compreender saúde e envelhecimento urbano de forma ampliada, e insights para políticas públicas nas áreas da vigilância em saúde e do planejamento urbano nesta área temática.
Título em inglês
Do we agree between us or with the weather?: times and climates in everyday life of elderly residents of the center of Sao Paulo
Palavras-chave em inglês
Brazil
Climate
Elderly
Qualitative Research
Urban Everyday Life
Weather
Resumo em inglês
Introduction - The relationship between climate, health and the urban elderly has been widely discussed in quantitative terms. This research seeks to understand how the relationship with climate is built into the everyday life of the elderly who live in cities within their historical, social and cultural context. It aims to generate contributions to the issue of adaptation to climate change, to an urban heat island environment and the debate on aging in big cities. The main objective was to understand how the elderly residents of the center of São Paulo, Brazil, experience and report the experience about weather and climate in daily life, both in domestic and public spaces, integrating physical, subjective and environmental perspectives. This is a qualitative research with an ethnographic approach and an analytical-descriptive orientation, using the techniques of participant observation, semi-structured interviews and document analysis for data generation. The interpretative approach follows the assumptions of thematic analysis and the focus on practices. The participants have revealed a complex relationship with climate and weather: from constructions of climate that emerged during narrative practice of social memories, to anticipatory and adaptive practices to atmospheric conditions they had to deal with in everyday life. The experience has proved to be embodied and emplaced both in the concrete urban dimension and in the subjective dimension of the historical and social context. We conclude showing how the multidimensional nature of the elderly´s experience about climate and weather, when captured from the subject's point of view, provides new insights to more broadly understanding about health and urban aging and contributes to public policy in the areas of health surveillance and urban planning.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-09-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.