• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.6.2002.tde-07112006-210400
Documento
Autor
Nombre completo
Maria Carmen Martinez
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2002
Director
Tribunal
Paraguay, Ana Isabel Bruzzi Bezerra (Presidente)
Betiol, Maria Irene Stocco
Kimura, Miako
Título en portugués
As relações entre a satisfação com aspectos psicossociais no trabalho e a saúde do trabalhador
Palabras clave en portugués
Análise ergonômica do trabalho
Capacidade para o trabalho
Fatores psicossociais no trabalho
Satisfação no trabalho
Saúde do trabalhador
Saúde mental
Resumen en portugués
Este estudo pretendeu colaborar com a análise das relações entre satisfação com aspectos psicossociais no trabalho e saúde do trabalhador. Método: Realizou-se estudo transversal junto aos empregados de uma empresa de auto-gestão em saúde e previdência privada em São Paulo. O estudo incluiu três etapas: (a) 42 entrevistas exploratórias para verificar a semelhança entre referências da literatura com percepções dos empregados quanto ao conceito e às fontes de satisfação no trabalho; (b) questionários auto-aplicados respondidos por 224 empregados para análise das associações entre satisfação no trabalho e saúde: a escala Satisfação no Trabalho do Occupational Stress Indicator, o SF-36, e o Índice de Capacidade para o Trabalho; e (c) análise ergonômica de 43 postos de trabalho por meio da técnica AET - Análise Ergonômica do Trabalho de Rohmert e Landau, visando identificar aspectos da organização do trabalho interferindo na satisfação no trabalho. Resultados: As percepções dos empregados quanto ao conceito e fontes de satisfação no trabalho foram semelhantes aos conhecimentos da literatura adotada como referencial teórico. Satisfação no trabalho esteve associada com aspectos da saúde mental e com capacidade para o trabalho e estas associações ocorrem independentes de aspectos sócio-demográficos e funcionais. As condições e a organização do trabalho apresentaram características que podem configurar elevada carga mental no trabalho. Conclusões: Foram discutidas as relações entre satisfação no trabalho e saúde do trabalhdor e feitas considerações referentes a mudanças visando melhorias quanto aos aspectos psicossociais no trabalho, favorecendo a satisfação no trabalho e a saúde do trabalhador.
Título en inglés
The relationships among satisfaction with psychosocial factors at work and the worker’s health
Palabras clave en inglés
Job ergonomic analysis
Job satisfaction
Mental health
Psychosocial factors at work
Work ability
Worker’s health
Resumen en inglés
This study intends to collaborate with the analysis of the relationships among satisfaction with psychosocial factors at work and the worker's health. Methods: It took place a cross-sectional study close to the employees of a self-administration company in health and providence private. The study included three stages: (a) 42 exploratory interviews to verify the similarity among references of the literature with the employees' perceptions about the concept and sources of job satisfaction; (b) self-applied questionnaires answered by 224 employees for analysis of the associations among job satisfaction and health: the Job Satisfaction scale of the Occupational Stress Indicator – OSI, the SF-36, and the Work Ability Index; and (c) ergonomic analysis of 43 workstations by AET technique - Job Ergonomics Analysis of Rohmert and Landau, looking for identify spectos of work organization interfering on the job satisfaction. Results: The employees’ perceptions about the concept and sources of job satisfaction are similar to the knowledge of the literature adopted as theoretical framework. Job satisfaction was associated with aspects of the workers' mental health, and with work ability, and this associations happens independent of social-demographic and functional aspects. The job conditions and organization presented characteristics that can configure high mental load at the work. Conclusions: the relationships among job satisfaction and worker’s health were discussed, and made considerations regarding changes seeking improvements of the psychosical aspects at work, favoring job satisfaction and worker’s health.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
MartinezMC.pdf (3.52 Mbytes)
Fecha de Publicación
2006-11-13
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.