• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Caroline Fernandes Grecco
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2019
Orientador
Banca examinadora
Nassur, Maria Eugenia Queiroz (Presidente)
Iamamoto, Yassuko
Jesus, Dosil Pereira de
Rocha, Eduardo Carasek da
Título em português
Desenvolvimento de fase monolítica com grupos amino e nano partículas para a determinação de carbidopa, levodopa, benserazida, dopamina e 3-O-metildopa em amostras de plasma de pacientes com a doença de Parkinson por HILIC-MS/MS no modo column switching
Palavras-chave em português
3-O-metildopa
Benserazida
Capilar com fase monolítica de sílica híbrida com grupos amino e nano partículas
Carbidopa
Doença de parkinson
Dopamina
HILIC-MS/MS no modo column switching
Levodopa
Resumo em português
A Doença de Parkinson (DP) é caracterizada como uma doença neurodegenerativa e idiopática, que afeta cerca de 1% da população mundial com mais de 65 anos, podendo manifestar-se também em indivíduos com menos de 40 anos (Parkisonismo Precoce). A DP é causada pela deficiência do neurotransmissor dopamina na via nigroestriatal e cortical, interferindo principalmente no sistema motor. A levodopa (LD) é um eficiente pró-fármaco (descarboxilada pelo aminoácido aromático descarboxilase em dopamina) para o controle dos sintomas da DP. A levodopa tem sido associada aos inibidores da dopa-descarboxilase periférica, tais como a carbidopa ou benserazida, para aumentar a disponibilidade da LD no sistema nervoso central e diminuir os efeitos adversos da dopamina formada no sistema periférico. O tratamento prolongado da DP com a LD pode levar a flutuações do motoras e discinesias. Neste projeto, o capilar com fase monolítica de sílica híbrida com grupos amino e nano partículas SBA-15 foi desenvolvido e caracterizado para análises por cromatografia líquida com interação hidrofílica acoplada à espectrometria de massas em tandem (HILIC-MS/MS) no modo column switching para a determinação de carbidopa, levodopa, benserazida, dopamina e 3-O-metildopa em amostras de plasma de pacientes com a doença de Parkinson. A fase monolítica sintetizada foi caracterizada química e morfologicamente através das técnicas de Espectroscopia vibracional na região do infravermelho por transformada de Fourrier (FTIR), Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) e Microscopia Eletrônica de Transmissão (MET). A análise por FTIR indicou a incorporação dos grupos funcionais a estrutura da fase monolítica, enquanto as análises por MEV e MET indicaram, respectivamente, a polimerização in situ e a morfologia hexagonal ordenada das nano partículas. O método HILIC-MS/MS no modo column switching com coluna monolítica na primeira dimensão apresentou linearidade adequada com concentrações que variaram de LIQ até 2,00 ug mL-1 com coeficientes de determinação (R2) maiores do que 0,9910. Os valores de exatidão (EPR) intra e interensaio variaram de -10,97% a 12,29% e -9,33% a 10,41%, respectivamente. Os valores de precisão (CV) intra e interensaio variaram de 3,45% a 13,35% e 7,65% a 17,61%, respectivamente. O método apresentou valores de LIQ de 33 ng mL-1 para carbidopa, 22 ng mL-1 para levodopa, 170 ng mL-1 para benserazida, 1,2 ng mL-1 para dopamina e 10 ng mL-1 para 3-O-metildopa. Segundo os parâmetros de validação analítica avaliados, o método HILIC-MS/MS no modo column switching é adequado para determinação de carbidopa, levodopa, benserazida, dopamina e 3-O-metildopa em amostras de plasma de pacientes com a Doença de Parkinson
Título em inglês
Development of a monolithic phase with amino groups and nanoparticles for the determination of carbidopa, levodopa, benserazide, dopamine and 3-O-methyldopa in plasma samples from patients with Parkinson's disease by HILIC-MS / MS in column switching mode
Palavras-chave em inglês
3-O-methyldopa
Benserazide
Carbidopa
Dopamine
Hybrid capillary
Hydrophilic interaction liquid chromatography (HILIC)
Levodopa
Parkinson's disease
Tandem mass spectrometry (MS/MS)
Resumo em inglês
Parkinson's disease (PD) is an idiopathic neurodegenerative disease that affects about 3% of the Brazilian population aged over 65 years. It can also be seen in individuals less than 40 years old (Parkinsonism). PD is caused by deficiency of the neurotransmitter dopamine in the nigrostriatal and cortical pathway, compromising mainly in the motor system. Levodopa is an efficient prodrug (decarboxylated by the aromatic amino acid decarboxylase in dopamine) to control PD symptoms. Levodopa (LD) has been associated with peripheral dopa decarboxylase inhibitors, such as carbidopa or benserazide, to increase the availability of LD in the central nervous system and to reduce the adverse effects of dopamine formed in the peripheral system. Prolonged PD treatment with LD can lead to fluctuations in motor performance and dyskinesia. We have developed and characterized a hybrid organic-inorganic monolithic column containing amino groups and mesoporous nanoparticles and used it in the first dimension in the column-switching mode to determine carbidopa, levodopa, benserazide, dopamine, and 3-O-methyldopa in plasma samples from PD patients by employing hydrophilic interaction liquid chromatography coupled to tandem mass spectrometry (HILIC-MS/MS). We chemically and morphologically characterized the hybrid organic-inorganic monolithic column containing amino groups and mesoporous nanoparticles by Fourier-transform Infrared Spectroscopy (FTIR), Scanning Electron Microscopy (SEM), and Transmission Electron Microscopy (TEM). FTIR analysis indicated that the functional groups were incorporated into the monolithic phase structure, whereas the SEM and TEM analyses respectively confirmed the in-situ polymerization (the monolithic phase is chemically bound to the capillary inner surface e) and the hexagonal morphology of the synthesized nanoparticles. The HILIC-MS/MS method in the column-switching mode based on the hybrid monolithic column containing amino groups and mesoporous nanoparticles in the first dimension showed adequate linearity with concentrations ranging from LOQ to 2.00 ug mL-1 and coefficients of determination (R2) greater than 0.9910. The intra and interassay accuracy values (EPR) ranged from -10.97% to 12.29% and -9.33% to 10.41%, respectively. The intra and interassay precision values (CV) ranged from 3,45% to 13.35% and 7.65% to 17.61%, respectively. The method presented LOQ values of 33 ng mL-1 for carbidopa, 22 ng mL-1 for levodopa, 170 ng mL-1 for benserazide, 1.2 ng mL-1 for dopamine, and 10 ng mL-1 for 3-O-methyldopa. According to the evaluated analytical validation parameters, the HILIC-MS/MS method in the column-switching mode can adequately determine carbidopa, levodopa, benserazide, dopamine, and 3-O-methyldopa in plasma samples from PD patients
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-10-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.