• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.59.2016.tde-11052016-104942
Documento
Autor
Nome completo
Alessandro Antonio Scaduto
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2016
Orientador
Banca examinadora
Barbieri, Valeria (Presidente)
Osorio, Flavia de Lima
Lelé, Álvaro José
Miguel, Fabiano Koich
Pasian, Sonia Regina
Título em português
O Teste de Apercepção Temática (TAT) em adultos: dados normativos para o sistema morvaliano
Palavras-chave em português
Avaliação Psicológica., Normas
Técnicas de Autoexpressão Técnicas Projetivas, Teste de Apercepção Temática (TAT)
Resumo em português
No contexto da pesquisa e utilização prática das técnicas de autoexpressão, o Teste de Apercepção Temática (TAT) apresenta reconhecidas vantagens. Apesar de linhas de pesquisa bastante desenvolvidas internacionalmente, não existem estudos atuais sobre as propriedades deste instrumento no Brasil, levantando a necessidade de conhecer seus alcances e limites nesse contexto cultural. Desse modo, o desenvolvimento de normas que descrevam o desempenho típico de uma população não clínica se mostra um importante passo inicial rumo à retomada da pesquisa com o TAT e sua adoção por profissionais. Tendo em vista que a validação das técnicas de autoexpressão se refere aos sistemas de classificação e não aos instrumentos em si, o presente estudo adotou, dentre a miríade de sistemas de categorização das histórias do TAT descritos na literatura, o sistema proposto por Monique Morval, que foi desenvolvido para estudantes e profissionais com pouca experiência com o TAT, utilizando pressupostos da Personologia de Henry Murray, Psicologia Cognitiva e Psicologia do Ego, possibilitando leituras objetivas e qualitativas do material. Considerando o potencial de utilização desse sistema por parte dos psicólogos brasileiros - visto sua semelhança com o atual sistema aprovado para uso pelo Sistema de Avaliação dos Testes Psicológicos (SATEPSI) do Conselho Federal de Psicologia - foram feitos aprimoramentos no assim chamado sistema morvaliano, possibilitando sua adoção no estudo normativo proposto pelo presente projeto. Tais aprimoramentos consistiram na revisão e adição de categorias e subcategorias, a partir de trabalhos brasileiros e internacionais sobre o instrumento. Desta forma, o presente estudo teve por objetivo desenvolver normas para o TAT (Sistema Morvaliano) em adultos, a partir de uma amostra não clínica, aleatória e estratificada por critérios de idade, sexo, escolaridade e nível socioeconômico (NSE) da cidade de Ribeirão Preto (SP). Os participantes foram 100 adultos (25 a 44 anos de idade), selecionados através de visita a domicílios sorteados em bairros de diferentes NSE. Foram realizadas entrevistas de avaliação psicológica individuais, utilizando um roteiro de entrevista semiestruturada, o Teste de Inteligência Geral Não-Verbal (TIG-NV) e 20 cartões do TAT, pré-selecionados de acordo com as recomendações do manual original do instrumento. As histórias do TAT foram categorizadas no sistema morvaliano revisado e seus dados passaram por análises estatísticas e sínteses qualitativas em busca de diferenças de desempenho relacionadas ao sexo, escolaridade e NSE. Os resultados mostram poucas diferenças entre os grupos que justifiquem a elaboração de normas específicas; apesar disso, foi identificada uma tendência (ainda que pequena) de o nível de escolaridade e o NSE favorecerem um melhor desempenho nas variáveis relativas à organização formal das histórias. São discutidas as implicações dos dados obtidos em termos do perfil normativo de desempenho nas variáveis do sistema morvaliano, suas evidências preliminares de validade e futuras direções para estudos sobre o TAT nesse sistema.
Título em inglês
The Thematic Apperception Test (TAT) in adults: Normative data for the morvalian system.
Palavras-chave em inglês
Norms
Projective Techniques
Psychological Assessment.
Selfexpression Techniques
Thematic Apperception Test (TAT)
Resumo em inglês
Within the context of research and practice with self-expression techniques, the Thematic Apperception Test (TAT) presents several advantages widely acknowledged. However, in spite of well-developed research with this instrument being seen in other countries, no recent Brazilian studies have been carried out up to date. Such situation arise the need of efforts in order to show the properties of the TAT in the current Brazilian cultural context, so that its strengths and weaknesses can be known. In this sense, the development of norms on the typical performance of a non-clinic population is an important first step toward resuming the Brazilian studies on the TAT, at the same time such norms could be used by applied professionals. Considering that the validation of self-expression techniques is related to classification systems (and not the instruments themselves), the present project adopts - among the myriad of categorizing systems for TAT stories - the one proposed by Monique Morval, which was developed for students and professionals with no experience with the TAT. Such system adopts assumptions from Henry Murray's Personology, Cognitive Psychology and Ego Psychology, providing both objective and qualitative data on the stories. Due to resemblance of this system with the one currently approved for use by the Evaluation System of Psychological Tests (Sistema de Avaliação dos Testes Psicológicos, SATEPSI) of the Brazilian Federal Council of Psychological, there is a potential for the adoption of such system by Brazilian psychologists. In order to carry out the present project, the now called morvalian system was improved by revising and adding new categories and subcategories, which was based on both Brazilian and international studies regarding. The present project, thus, aimed to develop norms for the TAT (morvalian system) in adults from a randomized, non-clinical sample, which was stratified in terms of age, gender, schooling and socialeconomical levels. The study was carried out in the city of Ribeirão Preto (Brazilian state of São Paulo), with a n = 100 sample (25-44 years of age). Participants were invited to take part of the study during visits to randomly selected houses, located in regions of different socialeconomical levels. Participants were individually assessed, using a semi-structured interview script, a measure of intelligence (the TIG-NV - General Non-Verbal Intelligence Test) and 20 TAT cards, selected according to the original manual of this instrument. Data was compiled with the morvalian system's categories and went through both statistically and qualitative analyzes in search for performance differences related to gender, schooling and socialeconomical levels. The results showed few differences across the groups, which do not support for the elaboration of specific norms. However, results also showed a significant (although small) trend for better performance of groups with better schooling and socialeconomical levels on the variables related to stories' formal organization. Such results are discussed in terms of their implication for describing the normative performance on the morvalian system, preliminary validity evidence and future directions for the TAT within this system.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
doutoradoAlessandro.pdf (993.46 Kbytes)
Data de Publicação
2016-07-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.