• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Fernanda Souza Liévana
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Daldegan, Andiara De Rossi (Presidente)
Carvalho, Fabricio Kitazono de
Honório, Daniela Rios
Oliveira, Danielly Cunha Araújo Ferreira de
Título em português
Efeito do curativo de demora com EGCG, derivada do chá verde, na lesão periapical em cães
Palavras-chave em português
Epigalocatequina-3-galato
Medicação intracanal
Periodontite apical
Resumo em português
O chá verde vem sendo utilizado na prevenção e tratamento de variadas doenças infecciosas e imunoinflamatórias, por apresentar efeitos benéficos decorrentes da presença de Epigalocatequina-3-galato (EGCG). Esta catequina apresenta papel antiinflamatório, anti-oxidante, anti-microbiano e mineralizador e poderia ser utilizado no tratamento da doença periapical. O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito uma pasta à base de EGCG utilizada como curativo de demora em lesões periapicais experimentalmente induzidas em cães. Um total de 80 raízes de pré-molares de cão com rizogênese completa e lesões periapicais experimentalmente induzidas, foram aleatoriamente divididos em 4 grupos submetidos à diferentes protocolos de tratamento endodôntico: 1) curativo de demora com pasta à base de EGCG; 2) curativo de demora com EGCG em veículo aquoso; 3) curativo de demora com pasta à base hidróxido de cálcio (Pasta Calen); 4) tratamento endodôntico em sessão única. Para avaliação da resposta tecidual, os dentes foram avaliados radiograficamente e histopatologicamente. As imagens radiográficas obtidas antes e 120 dias após o tratamento, foram fotografadas e digitalizadas para o programa Image J 1.28 para mensuração das áreas (mm²) radiolúcidas periapicais. Aos 120 dias após a obturação doa canais radiculares os animais foram eutanasiados e os espécimes foram processados histotecnicamente, corados com HE e avaliados com microscopia de luz convencional e de fluorescência (infiltrado inflamatório, espessamento do ligamento periodontal e reabsorção de tecidos mineralizados). Os resultados obtidos foram analisados estatisticamente utilizando os testes quiquadrado, Fisher, Anova e pós teste de Tukey, com nível de significância de 5% em todos os testes. De acordo com os resultados radiográficos, o percentual médio de redução da área radiolúcida (± erro padrão da média) foi semelhante (p>0,05) nos grupos EGCG em veículo aquoso (64,57%; ±7,514); pasta à base de EGCG (59,95%; ±8,023) e pasta à base de hidróxido de cálcio (58,65%; ±6,192). Todos foram superiores ao grupo tratado em sessão única (19,49%; ±2,881) (p<0,01). A análise histopatológica mostrou que os grupos que receberam aplicação de curativo de demora com EGCG ou hidróxido de cálcio, apresentaram reaparação da lesão periapical com semelhança em todos os parâmetros avaliados. Por outro lado, o tratamento em sessão única resultou em manutenção da lesão periapical, com maior espessura do ligamento periodontal (p<0,001), persistência de infiltrado inflamatório moderado ou severo (p<0,01) e presença de reabsorção óssea e cementária (p<0,0001). Foi possível concluir que a pasta à base de EGCG proporcionou o reparo de lesões periapicais, constituindo possível medicação intracanal alternativa
Título em inglês
Effect of intracanal dressing with EGCG, derived from green tea, in periapical lesions in dogs
Palavras-chave em inglês
Apical periodontitis
Epigallocatechin-3-gallate
Intracanal dressing
Resumo em inglês
Green tea has been used in the prevention and treatment of various infectious and immunoinflammatory diseases, since it has beneficial effects due to the presence of Epigallocatechin-3-gallate (EGCG). This catequin present anti-inflammatory, antimicrobial, antioxidant and mineralizing role that could be usefull in the treatment of periapical disease. The aim of the present study was to evaluate the effect of the intracanal dressing with an EGCG paste-based im periapical lesions experimentaly induced in dogs. A total of 80 dog premolar roots with complete rhizogenesis and experimentally induced periapical lesions were randomly divided into 4 groups submitted to different endodontic treatment protocols:1) intracanal dressing with EGCG based paste; 2) intracanal dressing with EGCG in aqueous vehicle; 3) intracanal dressing with based paste on calcium hydroxide (Calen paste); 4) single session endodontic treatment. To evaluate the tissue response, the teeth were evaluated radiographically and histopathologically. Radiographic images are selected before 120 days after treatment, were photographed and scanned for the program Image J 1.28 for the measurement of periapical radiolucent areas (mm2). To 120 days after the root canal filling animals were euthanasied and the specimens processed, stained in the rotin HE and evaluated under conventional and fluorescence microscopy (inflammatory infiltrate, periodontal ligament space and mineralized tissue resorption). The results were compared statistically using chisquare, Fisher, Anova and Tukey post-test, with a significance level of 5% in all tests. According to the radiographic results, the mean percentage reduction of the radiolucent area (standard pattern of the mean) was similar (p> 0.05) in the EGCG groups in aqueous vehicle (64.57%; ± 7.514); EGCG based paste (59.95%, ± 8.023) and calcium hydroxide based paste (58.65%, ± 6.192). All groups were higher for the group treated in single session (19.49%, ± 2.881) (p <0.01). The histopathological analysis showed that the groups that received the prescription of intracanal dressings with EGCG or calcium hydroxide, resulted in periapical lesion repair and were similar in all the evaluated parameters. However, treatment in single session did not repair the periapical lesion resulting in greatest measure of the periodontal ligament (p <0.001), persistence of moderate or severe inflammatory infiltrate (p <0.01) and presence of bone and cementum resorption (p <0.0001). It is possible to conclude that EGCG paste-based allows the periapical lesions repair, constituting possible alternative intracanal medication
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-07-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.