• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Raphael Carvalho e Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2019
Orientador
Banca examinadora
Queiroz, Alexandra Mussolino de (Presidente)
Fernandes, Patricia Garani
Oliveira, Daniela Silva Barroso de
Segato, Raquel Assed Bezerra
Título em português
Associação do polimorfismo RANK, RANKL e OPG nas doenças peri-implantares
Palavras-chave em português
Implantes dentários
Perda óssea alveolar
Radiografia periapical
Resumo em português
A reabilitação por meio de implantes osseointegrados vem tornando-se uma atividade crescente na odontologia. Hoje em dia a taxa de sucesso vem aumentando devido às novas técnicas e tecnologias, porém a perda do implante dentário decorrente das doenças periimplantares tem se tornado um problema frequente na prática clínica. Contudo não há relação direta com os fatores de risco, até o momento relatado na literatura. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a associação dos genes RANK, RANKL E OPG no desenvolvimento das doenças peri-implantares na Clínica de Especialização em Implantodontia na Faculdade do Amazonas IAES. Cento e quatorze pacientes submetidos a instalação de implantes ossointegráveis foram incluídos na pesquisa. A avaliação clínica incluiu a análise das condições de saúde do paciente e do tecido peri-implantar através de mensuração da profundidade clínica de sondagem, presença de sangramento espontâneo, fenótipo periimplantar, supuração, placa bacteriana e coloração gengival. Radiografias padronizadas avaliaram a altura do osso peri-implantar. A amostra (n=114) foi dividida em 3 grupos: A (saúde peri-implantar), B (mucosite) e C (peri-implantite). Amostras de saliva foram coletadas para avaliação da presença de polimorfismo nas regiões promotoras dos genes das osteoprotegerina (OPG), ligante do receptor ativador do fator nuclear Kappa β (RANKL) e receptor ativador do fator nuclear kappa β (RANK) por meio da técnica de PCR em tempo real. Os resultados mostraram que dos 114 indivíduos incluídos no presente estudo, 71 apresentavam uma condição periimplantar saudável e 43 uma doença (30 com mucosite e 13 com peri-implantite). Idade, biótipo peri-implantar, diabetes e presença de placa periimplantar foram associados à mucosite, enquanto idade, biótipo peri-implantar, tabagismo e etilismo, doença periodontal e placa peri-implantar foram associados à presença de periimplantite (P 0,05). Não houve associação entre a condição perimplantar e qualquer polimorfismo avaliado nos genes RANK, RANKL ou OPG (P> 0,05). Conclui-se que os genes RANK, RANKL e OPG não apresentaram relação com o desenvolvimento das doenças peri-implantares
Título em inglês
Association of RANK, RANKL and OPG polymorphisms in peri-implant diseases
Palavras-chave em inglês
Alveolar bone loss
Dental implants
Periapical radiography
Resumo em inglês
Rehabilitation through osseointegrated implants has become a growing activity in dentistry. Nowadays, a success rate due to new techniques and technologies, however, the loss of dental implants due to peri-implant diseases has become a frequent problem in clinical practice. There is no direct connection with the risk factors, until now reported. The present work makes an evaluation of the RANK, RANKL and OPG genes in the development of the periimplant clinics at the Implantology Specialization Clinic at the Faculty of Amazonas - IAES. One hundred and fourteen patients with an implant installation were included in the study. The clinical evaluation included the analysis of the peri-implant patient and non-tissue health conditions by measuring the clinical depth of survey, presence of spontaneous bleeding, periimplant phenotype, suppuration, plaque and gingival staining. Standardized radiographs assessed the height of the peri-implant bone. A sample (n = 114) was divided into 3 groups: A (peri-implant health), B (mucositis) and C (peri-implantite). Saliva samples were collected for the presence of polymorphism in the promoter regions of the osteoprotegerin (OPG) genes, the Kappa nuclear factor activator receptor (RANKL) and the nuclear kappa factor activator receptor (RANK) by the PCR technique in real time.The results showed that of the 114 individuals in the study, 71 had a healthy peri-implant condition and 43 a diseased condition (30 with mucosites and 13 with peri implantite). Age, peri-implant biotype, diabetes and presence of peri-implant plaques were associated with mucositis, while age, peri-implant biotype, smoking and alcoholism, periodontal and peri-implant plaques were associated with the presence of peri-implantitis (P 0.05). There was no association between the perimplant condition and any polymorphism evaluated in the genes: RANK, RANKL or OPG (P> 0.05). It is concluded that the RANK, RANKL and OPG genes are not related to the development of peri-implant diseases
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-10-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.