• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Larissa Ernesto Pereira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Pecora, Jesus Djalma (Presidente)
Fidel, Rivail Antonio Sergio
Leoni, Graziela Bianchi
Sousa Neto, Manoel Damião de
Título em português
Determinação da área alargada posterior ao retratamento do canal radicular com instrumentos de níquel-titânio
Palavras-chave em português
Instrumentos de níquel-titânio
Preparo do canal radicular
Retratamento endodôntico
Tomografia computadorizada de feixe cônico
Resumo em português
O objetivo do presente estudo foi determinar a área alargada posterior ao retratamento do canal radicular com instrumentos de níquel-titânio em imagens de tomografia computadorizada de feixe cônico. Sessenta raízes mesiais de molares inferiores foram selecionadas e submetidas a tomografia computadorizada de feixe cônico(TCFC) em 4 períodos de: antes do preparo (T1), após o preparo (T2), após o retratamento (T3) e após a complementação do retratamento (T4). Após a TCFC inicial (T1), os dentes foram submetidos ao protocolo de abertura coronária e exploração dos canais com lima manual tipo K n.15, preparados com instrumentos ProTaper Next (até X3: # 30.07), e submetidos novamente a TCFC (T2); A seguir foram obturados pela técnica híbrida de Tagger com cimento AH Plus, e submetidos a 1000 ciclos de termociclagem simulando um período de 12 meses. Subsequentemente, os espécimes foram distribuídos de acordo com os protocolos de desobturação do canal radicular, em três grupos (n=10): G1- Protaper Universal Retratamento (D1: #30.09; D2: #25.08; D3: #20.07;); G2- Mtwo Retratamento (#25.05) e G3- DRaCe (DR1: #30.10; DR2: #25.04). Após a desobturação, os espécimes foram submetidos novamente à TCFC (T3). Em seguida, foram submetidos ao protocolo de complementação para remoção do material obturador, em três grupos (n=10): G1, G2 e G3: PT next X4: #40.06. A seguir os espécimes foram submetidos novamente à TCFC (T4) para avaliação da área alargada do canal radicular. A média e o desvio padrão das variáveis quantitativas foram obtidas. A normalidade dos dados foi avaliada pelo teste de Kolmogorov-Smirnov. As variáveis foram avaliadas pelo Teste-t para amostras pareadas para avaliar a diferença entre a área desgastada entre o preparo (Tomografia 2) e o retratamento (Tomografia 4). As variáveis foram avaliadas pelo Teste de Análise de Variância (ANOVA) post hoc Tukey para a comparação entre Protaper-R (grupo 1), Mtwo-R (grupo 2) e D- Race (grupo 3). Foram considerados significativos valores de p < 0,05. A análise de variância evidenciou diferença estatisticamente significante em relação aos grupos em canal mesiovestibular em nível 2 mm abaixo de furca p<0,038 e em canal mesiovestibular em nível 4 mm abaixo de furca p<0,005. Evidenciou também diferença estatisticamente significante em relação aos grupos 1, 2 e 3 em canal mesiovestibular em nível 2 mm abaixo de furca após o retratamento p<0,028. A diferença média da área alargada entre o preparo e o retratamento em canais mesiovestibulares comparando os grupos Protaper-R, Mtwo-R e D-race evidenciou diferença estatisticamente significante em todos os grupos (p<0,000 e p<0,029) e em canais mesiolinguais valores entre p<0,000 e p<0,029. Conclui-se que as técnicas de complementação avaliadas aumentaram a área do canal radicular, contribuindo para a remoção do remanescente de material obturador, sendo que o sistema Protaper-R ® permitiu maior desgaste. Embora tenha havido ampliação da área do canal radicular em níveis determinados, nenhuma das técnicas avaliadas foram capazes de remover completamente o material obturador dos canais radiculares
Título em inglês
Determination of the enlarged area after retreatment of the root canal with nickel-titanium instruments.
Palavras-chave em inglês
Conical beam computed tomography
Endodontic retreatment
Nickel-titanium instruments
Noot canal preparation
Resumo em inglês
The objective of the present study was to determine the enlarged area after retreatment of the root canal with nickel-titanium instruments in conical beam computed tomography images. Sixty mesial roots of mandibular molars were selected and submitted to concomitant computed tomography (CBCT) in 4 periods of: before preparation (T1), after preparation (T2), after retreatment (T3) and after completing retreatment (T4). After the initial CBCT (T1), the teeth were submitted to the protocol of coronary opening and exploration of channels with manual file type K n.15, prepared with ProTaper Next instruments (up to X3: # 30.07), and again submitted to CBCT); They were then filled by the Tagger hybrid technique with AH Plus cement and submitted to 1000 cycles of thermocycling simulating a period of 12 months. Subsequently, the specimens were distributed according to root canal clearance protocols, in three groups (n = 10): G1 Protaper Universal Retreatment (D1: # 30.09; D2: # 25.08; D3: # 20.07;); G2- Mtwo Retreatment (# 25.05) and G3- DRaCe (DR1: # 30.10; DR2: # 25.04). After disintegration, the specimens were again submitted to TCFC (T3). Afterwards, they were submitted to the complementation protocol to remove the obturator material, in three groups (n = 10): G1, G2 and G3: PT next X4: # 40.06. Afterwards the specimens were again submitted to TCFC (T4) for evaluation of the enlarged area of the root canal. The mean and standard deviation of the quantitative variables were obtained. The normality of the data was evaluated by the Kolmogorov-Smirnov test. The variables were evaluated by the t-Test for paired samples to evaluate the difference between the worn area between the preparation (Tomography 2) and the retreatment (Tomography 4). The variables were evaluated by the Tukey post-hoc ANOVA for the comparison between Protaper- R (group 1), Mtwo-R (group 2) and D-Race (group 3). Values of p <0.05 were considered significant. The analysis of variance showed a statistically significant difference in relation to the groups in mesiobuccal channel at level 2 mm below furca p <0.038 and in mesiobuccal channel at level 4 mm below furca p <0.005. There was also a statistically significant difference in relation to groups 1, 2 and 3 in mesiobuccal channel at level 2 mm below furcation after retreatment p <0.028. The mean difference in the wide area between preparation and retreatment in mesiobuccal canals comparing the Protaper-R, Mtwo-R and D-race groups showed a statistically significant difference in all groups (p <0.000 and p <0.029) and in mesiolinguistic channels values between p <0.000 and p <0.029. It was concluded that the complementation techniques evaluated increased the root canal area, contributing to the removal of the remainder of the obturator material, and the Protaper-R ® system allowed for greater wear. Although there was enlargement of the root canal area at determined levels, none of the techniques evaluated were able to completely remove the obturator material from the root canals
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-08-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.