• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Carolina Noronha Ferraz de Arruda
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Paranhos, Helena de Freitas Oliveira (Presidente)
Barbosa, Debora de Barros
Pontes, Karina Matthes de Freitas
Silva, Cláudia Helena Lovato da
Título em português
Capacidade de remoção de biofilme e ação antimicrobiana de soluções químicas na higienização de próteses totais e escovas específicas
Palavras-chave em português
Biofilmes
Higienizadores de dentadura
Produtos com ação antimicrobiana
Prótese total
Resumo em português
Este estudo clínico randomizado avaliou o efeito de soluções químicas, quanto à remoção de biofilme e ação antimicrobiana, na higienização das próteses totais superiores e escovas específicas. Quarenta e cinco participantes foram orientados a escovar suas próteses (escova específica para prótese e sabonete neutro) três vezes ao dia e imergí-las, uma vez ao dia, nas soluções: Grupo I- Solução salina (controle negativo); Grupo II- Hipoclorito de sódio 0,2% (controle positivo); Grupo III- Peróxido Alcalino (Efferdent® Power Clean Crystals); Grupo IV- Ricinus communis a 6,25%. Além disso, os participantes também foram randomizados para a imersão (n=23) ou não imersão (n=22) das escovas específicas nas soluções, juntamente às próteses, para avaliação das escovas quanto à ação antimicrobiana e degradação das cerdas. As avaliações foram realizadas antes (Baseline) e após os 7 dias de uso de cada solução. Para a remoção de biofilme, as próteses foram evidenciadas (vermelho neutro 1%), fotografadas e a área de biofilme foi mensurada (Image Tool 3.00). A ação antimicrobiana foi avaliada por meio da contagem de Candida spp. e Streptococcus mutans. Para coleta do biofilme das próteses, as mesmas foram escovadas (escova Tek e solução salina) por 2 minutos, sendo a suspensão transferida para tubos de ensaio. As escovas foram preparadas, colocadas em meio de cultura Letheen Broth (20 mL) e levadas para cuba ultrassônica, seguido de agitação mecânica e centrifugação (6000 rpm, por 7 minutos). Diluições decimais (100 até 10-3) com alíquotas (50 L) de cada diluição foram cultivadas em placas de Petri contendo meio de cultura adequado, para posterior incubação (aerobiose) por 48hs e contagem do número de colônias. As diferenças entre imersão ou não imersão da escova foram avaliadas pelo teste de Mann-Whitney (α=0,05). As propriedades de remoção de biofilme e ação antimicrobiana foram avaliadas pelo teste de Friedman, seguido pelo teste de Wilcoxon (α=0,05). Os resultados mostraram que, para a propriedade de remoção de biofilme, em ambos os grupos (com e sem imersão da escova), as soluções de hipoclorito de sódio a 0,2% [com imersão: posto-médio (PM)=1,41; sem imersão: PM=1,48], Efferdent® (com imersão: PM =2,41; sem imersão: PM =2,25) e Ricinus communis a 6,25% (com imersão: PM=2,48; sem imersão: PM=2,77) foram eficazes e semelhantes (p<0,001). Para as próteses, foi verificada ação antimicrobiana frente a Candida spp. para todas as soluções (hipoclorito de sódio a 0,2%: com imersão PM=2,22, sem imersão PM=2,09; Efferdent®: com imersão PM=2,24, sem imersão PM=2,57; Introdução | 22 Ricinus communis a 6,25%: com imersão PM=2,20, sem imersão PM=2,75). Frente a S. mutans, as soluções de hipoclorito de sódio a 0,2% (com imersão: PM=2,13, sem imersão: PM=1,96) e Efferdent® (com imersão: PM=2,26, sem imersão: PM=2,18) foram as mais eficazes e a solução de Ricinus communis a 6,25% (com imersão: PM=2,39, sem imersão: PM=2,75) apresentou valores intermediários (p<0,001). Não houve diferença significante na contagem UFC/mL de Candida spp. para as escovas, tanto para o grupo que não realizou a imersão das escovas (p=0,108), como para os que realizaram o procedimento (p=0,467). Para S. mutans, não houve diferença significante entre as soluções (p<0,001) para o grupo que não realizou a imersão das escovas, enquanto que para o grupo com imersão da escova o Efferdent e hipoclorito de sódio a 0,2% mostraram redução na contagem UFC/mL de S. mutans quando comparado ao grupo Controle (p=0,001). A solução de Ricinus communis a 6,25% apresentou valores intermediários. As imagens em microscopia eletrônica mostraram grande deterioração das cerdas após 7 dias de uso, e a solução de hipoclorito de sódio promoveu um maior número de ranhuras nas cerdas quando imersas. Concluiu-se que todas as soluções foram efetivas na remoção do biofilme e frente a Candida spp., no entanto, frente a S. mutans, as soluções de hipoclorito de sódio a 0,2% e Efferdent® foram efetivas, enquanto a solução de Ricinus communis a 6,25% promoveu ação intermediária. Em relação as escovas, não houve diferença entre os grupos em relação ao protocolo de imersão e na redução de UFC/mL de Candida spp. e S. mutans
Título em inglês
Ability of biofilm removal and antimicrobial action of chemical solutions in the hygiene of dentures and specific brushes
Palavras-chave em inglês
Biofilms
Denture
Denture cleansers
Products with antimicrobial action
Resumo em inglês
This randomized clinical study evaluated the effect of chemical hygiene solutions on biofilm removal and antimicrobial action of denture and specific brushes. Forty-five participants were instructed to brush their dentures (specific brush and liquid soap) three times a day and to soak them, once a day, in the solutions: Group I- Saline solution (negative control); Group II - Sodium hypochlorite 0.2% (positive control); Group III - Alkaline Peroxide (Efferdent® Power Clean Crystals); Group IV Ricinus communis 6.25%. In addition, the participants were also randomized to immersion (n=23) or non-immersion (n=22) of the specific brushes in the solutions, with the dentures, to evaluate the brushes for antimicrobial action and bristle degradation. Evaluations were performed before (Baseline) and after 7 days of use of each solution. For the biofilm removal, the dentures were disclosed (1% neutral red), photographed and the biofilm area was measured (Image Tool 3.00). The antimicrobial action was evaluated by counting Candida spp. and Streptococcus mutans. To collect denture biofilm, dentures were brushed (Tek brush and saline solution) for 2 minutes, and the suspension transferred to test tubes. The brushes were prepared and placed at Letheen Broth (20 mL) and taken to ultrasonic vessel, followed by mechanical shaking and centrifugation (6000 rpm for 7 minutes). Decimal dilutions (100 to 10-3) with aliquots (50 L) of each dilution were grown in Petri dishes containing suitable culture medium, for further incubation (aerobiose) for 48 h and counting the number of colonies. The differences between brushes immersion or non-immersion by the Mann-Whitney test (α=0.05). The properties of biofilm removal and antimicrobial action were evaluated by Friedman test, followed by the Wilcoxon test ( α= 0.05). The results showed that, for the biofilm removal property, in both groups (brush immersion or non-immersion), 0.2% sodium hypochlorite [immersion: Mean-Rank (MR)=1.41; non-immersion: MR=1.48], Efferdent® (immersion: MR=2.41, non-immersion: MR=2.25) and 6.25% Ricinus communis (immersion: MR=2.48; non-immersion: MR=2.77) were effective and similar (p <0.001). For dentures, was founded antimicrobial action against Candida spp. for all solutions (0.2% sodium hypochlorite: immersion: MR=2.22, non-immersion: MR=2.09; Efferdent ®: immersion: MR=2.24, non-immersion: MR=2.57; 6.25% Ricinus communis: immersion: MR=2.20, non-immersion: MR=2.75). Against S. mutans, 0.2% sodium hypochlorite (immersion: MR=2.13, Introdução | 26 non-immersion MR=1.96) and Efferdent® (immersion: MR=2.26, non-immersion: MR=2.18) were the most effective and 6.25% Ricinus communis (immersion: MR=2.39, non-immersion: MR=2.75) showed intermediate values. There was no significant difference in the brushes CFU/mL of Candida spp. for group that did not perform brush immersion (p=0.108), as well as for those who performed the procedure (p=0.467). For S. mutans, there was no significant difference between the solutions (p <0.001) for the group that did not immerse the brushes, whereas for the brush-immersion group, Efferdent and 0.2% sodium hypochlorite showed a reduction in the UFC / mL count of S. mutans when compared to the Control group (p=0.001). 6.25% Ricinus communis presented intermediate values. The electron microscopy images showed a great deterioration of the bristles after 7 days of use, and the sodium hypochlorite solution promoted a greater number of grooves in the bristles. It was concluded that all solutions were effective for biofilm removal and Candida spp.. However, for S. mutans 0.2% sodium hypochlorite and Efferdent® were effective, whereas 6.25% Ricinus communis showed intermediate action. Regarding the brushes, there was no difference between the groups in relation to the immersion protocol and in the reduction of CFU/mL of Candida spp. and S. mutans
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-07-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.