• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.55.2014.tde-07042014-100038
Documento
Autor
Nome completo
Fabio Willian Zamoner
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2014
Orientador
Banca examinadora
Liang, Zhao (Presidente)
Lopes, Alneu de Andrade
Travieso, Gonzalo
Título em português
Técnica de aprendizado semissupervisionado para detecção de outliers
Palavras-chave em português
Aprendizado semisupervisionado
Competição e cooperação de partículas
Detecção de outliers
Resumo em português
Detecção de outliers desempenha um importante papel para descoberta de conhecimento em grandes bases de dados. O estudo é motivado por inúmeras aplicações reais como fraudes de cartões de crédito, detecção de falhas em componentes industriais, intrusão em redes de computadores, aprovação de empréstimos e monitoramento de condições médicas. Um outlier é definido como uma observação que desvia das outras observações em relação a uma medida e exerce considerável influência na análise de dados. Embora existam inúmeras técnicas de aprendizado de máquina para tratar desse problemas, a maioria delas não faz uso de conhecimento prévio sobre os dados. Técnicas de aprendizado semissupervisionado para detecção de outliers são relativamente novas e incluem apenas um pequeno número de rótulos da classe normal para construir um classificador. Recentemente um modelo semissupervisionado baseado em rede foi proposto para classificação de dados empregando um mecanismo de competição e cooperação de partículas. As partículas são responsáveis pela propagação dos rótulos para toda a rede. Neste trabalho, o modelo foi adaptado a fim de detectar outliers através da definição de um escore de outlier baseado na frequência de visitas. O número de visitas recebido por um outlier é significativamente diferente dos demais objetos de mesma classe. Essa abordagem leva a uma maneira não tradicional de tratar os outliers. Avaliações empíricas sobre bases artificiais e reais demonstram que a técnica proposta funciona bem para bases desbalanceadas e atinge precisão comparável às obtidas pelas técnicas tradicionais de detecção de outliers. Além disso, a técnica pode fornecer novas perspectivas sobre como diferenciar objetos, pois considera não somente a distância física, mas também a formação de padrão dos dados
Título em inglês
A semi-supervised technique for outlier detection
Palavras-chave em inglês
Outlier detection
Particle competition and cooperation
Semi-supervised learning
Resumo em inglês
Outloier detection plays an important role for discovering knowledge in large data sets. The study is motivated by plethora of real applications such as credit card frauds, fault detection in industrial components, network instrusion detection, loan application precoessing and medical condition monitoring. An outlier is defined as an observation that deviates from other observations with respect to a measure and exerts a substantial influence on data analysis. Although numerous machine learning techniques have been developed for attacking this problem, most of them work with no prior knowledge of the data. Semi-supervised outlier detection techniques are reçlatively new and include only a few labels of normal class for building a classifier. Recently, a network-based semi-supervised model was proposed for data clasification by employing a mechanism based on particle competiton and cooperation. Such particle competition and cooperaction. Such particles are responsible for label propagation throughout the network. In this work, we adapt this model by defining a new outlier score based on visit frequency counting. The number of visits received by an outlier is significantly different from the remaining objects. This approach leads to an anorthodox way to deal with outliers. Our empirical ecaluations on both real and simulated data sets demonstrate that proposed technique works well with unbalanced data sets and achieves a precision compared to traditional outlier detection techniques. Moreover, the technique might provide new insights into how to differentiate objects because it considers not only the physical distance but also the pattern formation of the data
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-04-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.