• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.5.2020.tde-22062021-124425
Documento
Autor
Nome completo
Rafael Correa do Nascimento
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Paula, Fabiana Martins de (Presidente)
Galisteo Junior, Andrés Jimenez
Kanunfre, Kelly Aparecida
Pinto, Pedro Luiz Silva
Título em português
Identificação de alvos para o diagnóstico molecular gênero especifico da estrongiloidíase experimental
Palavras-chave em português
Diagnóstico molecular
DNA ribossomal
Estrongiloidíase
Reação em cadeia polimerase
Resumo em português
Strongyloides venezuelensis tem sido utilizado em diferentes estudos experimentais, sobretudo aqueles que objetivam avaliar técnicas para o diagnóstico da estrongiloidíase. No presente trabalho, três regiões alvos (gênero,18S e 28S) do DNA ribossomal de S. venezuelensis foram avaliadas para o diagnóstico molecular da estrongiloidíase experimental. Os ratos foram infectados por via subcutânea com 400 e 4.000 larvas infectantes por S. venezuelensis em dois grupos (400L3 e 4.000L3) e mantidas por 35 dias. Amostras fecais foram coletadas diariamente para contar ovos por grama de fezes (OPG) e realizar a reação em cadeia da polimerase (PCR). A eliminação de ovos nas fezes se iniciou no 5º dia pós-infecção (d.p.i.) e terminou nos 33º e 34º d.p.i., nos grupos 400L3 e 4.000L3, respectivamente. Considerando a PCR-Gênero, à amplificação do alvo ocorreu do 6º ao 29º d.p.i. (400L3) e do 6º ao 34º d.p.i. (4.000L3). Para PCR-18S, a amplificação do fragmento alvo foi do 5º ao 30º d.p.i. (400L3), e do 5º ao 31º d.p.i. (4.000L3). Em relação a PCR-28S, pode-se observar que a amplificação do fragmento alvo ocorreu do 1º a 34º d.p.i. (400L3), e do 1º ao 35º d.p.i. (4.000L3). Com base na OPG, as amostras fecais dos 2º, 5º, 8º, 11º, 15º, 23º e 35º d.p.i. foram selecionadas para extração de DNA; seguida pela PCR (gênero, 18S e 28S); e sequenciamento. As sequencias obtidas dos produtos PCR-28S apresentaram 95 a 100% de identidade com as sequências de Strongyloides, para ambos os inoculos. Com isso, é possível reforçar a aplicação da PCR-28S no diagnóstico de estrongiloidíase experimental e humana
Título em inglês
Identification of targets for the specific molecular diagnosis of the experimental strongyloidiasis
Palavras-chave em inglês
Molecular diagnosis
Polymerase chain reaction
Ribosomal DNA
Strongyloidiasis
Resumo em inglês
Strongyloides venezuelensis has been used in different experimental studies, such as those aimed at the evaluation of diagnostic techniques for strongyloidiasis. In this study, three regions (genus, 18S and 28S targets) of S. venezuelensis ribosomal DNA were evaluated for the molecular diagnosis of experimental strongyloidiasis. Rats were infected subcutaneously with 400 or 4,000 S. venezuelensis infective larvae (400L3 and 4,000L3), and kept for 35 days. Fecal samples were collected daily to count eggs per gram of feces (EPG) and to perform the polymerase chain reaction (PCR). EPG started on the 5th day post-infection (pi) and ended on days 33 and 34 pi, in 400L3 and 4,000L3 groups, respectively. PCR-genus the amplification occurred from days 6 to 29 p.i. (400L3) and 6 to 34 p.i. (4,000L3). For PCR-18S, the amplification of the target fragment was from days 5 to 30 p.i. (400L3), and days 5 to 31 p.i. (4,000L3). Regarding the PCR-28S, it can be seen that the amplification of the target fragment was from days 1 to 34 pi (400L3) and days 1 to 35 pi (4,000L3). Based in EPG, fecal samples were selected from days 2, 5, 8, 11, 15, 23 and 35 pi for new DNA extraction; a new PCR (genus, 18S and 28S); and sequencing. The PCR-28S products showed 95-100% values of identity in the database with the Strongyloides sequences. Therefore, it is possible to reinforce the application of PCR-28S in the diagnosis of strongyloidiasis experimental and human
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-06-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.