• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.5.2021.tde-30032022-153806
Documento
Autor
Nome completo
Larissa Alamino Pereira de Viveiro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2021
Orientador
Banca examinadora
Pompeu, José Eduardo (Presidente)
Ferretti-Rebustini, Renata Eloah de Lucena
Pereira, Juliana Franceschini
Schmitt, Ana Carolina Basso
Título em português
Evidências de validade de estrutura interna do Brief-Balance Evaluation Systems Test em idosos residentes em instituições de longa permanência para idosos
Palavras-chave em português
Acidentes por quedas
Equilíbrio postural
Estudo de validação
Idoso
Instituição de longa permanência para idosos
Psicometria
Resumo em português
As quedas em idosos podem ocasionar diversas complicações e institucionalização. Há diversos instrumentos de avaliação do controle postural, no entanto, não há um consenso sobre qual instrumento utilizar como padrão de referência, bem como há uma falha sobre as técnicas de análise das evidências de validade destes instrumentos. Um deles, rápido e simples para aplicação é o Brief-Balance Evaluation Systems Test (Brief-BESTest), com apenas 8 itens, porém sem análises de evidências de validade de estrutura interna (EVEI) para idosos que residem em instituições de longa permanência para idosos (ILPI) até o momento. Dessa forma, o objetivo deste estudo foi analisar as EVEI do BriefBESTest em idosos residentes em ILPI. MÉTODOS: Foi realizado um estudo psicométrico, conduzido em 3 ILPI do município de São Paulo, no período de 2016 a 2020. Foram incluídos idosos com idade igual ou superior a 60 anos; de ambos os sexos; capazes de permanecer em pé, com ou sem dispositivo auxiliar de marcha; com pelo menos 1 ano de residência na ILPI e que aceitassem participar do estudo e assinassem o termo de consentimento livre e esclarecido. Foram coletados dados clínicos, antropométricos e sociodemográficos dos prontuários médicos dos participantes e foram realizadas avaliações de fragilidade, funcionalidade, cognição e equilíbrio, sendo este último avaliado pelo Brief-BESTest. Para a análise estatística, realizou-se a caracterização da amostra e a análise de EVEI do Brief-BESTest, realizada por meio de três técnicas: análise fatorial exploratória (AFE), análise fatorial confirmatória (AFC) e teoria de resposta ao item (TRI). RESULTADOS: Participaram do estudo 126 idosos, sendo 91 (72,2%) do sexo feminino, com mediana de idade de 84,5 (IIQ=14,8) anos. O modelo do Brief-BESTest com melhor solução fatorial incluiu 6 itens, com correlações na matriz policórica que variaram de 0,260 a 0,839. A análise paralela apontou para unidimensionalidade do modelo, com variância total explicada de 73,83%. As cargas fatoriais variaram de 0,613 a 0,878 e, as comunalidades, de 0,376 a 0,722. Este modelo apresentou bons índices de replicabilidade do construto (índice G-H observado = 0,810), bons indicadores de confiabilidade (alfa de Cronbach = 0,883; ômega de McDonald = 0,886; e GLB = 0,942) e bons indicadores de qualidade (FDI = 0,954; EAP = 0,910; SR = 3,177 e EPTD = 93%). Na TRI, verificou-se variação da capacidade de discriminação dos itens de moderada a muito alta (0,777 a 1,833) e dificuldade que variou de - 1,043 a 2,965. Na AFC, verificaram-se valores adequados para os resíduos de covariância e bons índices de ajuste do modelo (GFI = 0,995; TLI = 0,996; CFI = 0,998; NFI = 0,977; RMSEA = 0,028; e SRMR = 0,055). As cargas fatoriais na AFC variaram de 0,503 a 0,791 e a capacidade preditiva dos itens, de 0,253 a 0,626. Decidiu-se nomear o modelo do Brief-BESTest com 6 itens como BriefBESTest-6 e a única dimensão avaliada como equilíbrio funcional. CONCLUSÕES: O Brief-BESTest-6 apresentou boas EVEI em idosos residentes em ILPI. Ele é unidimensional, explica 73,83% da variável latente, possui boa estrutura interna, boa confiabilidade, boa discriminação dos itens e ótimo ajustamento de modelo
Título em inglês
Evidence of validity of the internal structure of the Brief-Balance Evaluation Systems Test in older adults who live in nursing homes
Palavras-chave em inglês
Accidental falls
Aged
Homes for the aged
Postural balance
Psychometrics
Validation study
Resumo em inglês
Falls in the older adults can cause several complications and lead the individual to live in a nursing home (NH). There are several instruments for assessing postural control, however, there is no consensus on which instrument to use as a standard of reference, as well as a flaw in the techniques for analyzing the evidence of validity of these instruments. One of them, quick and simple to apply, is the Brief-Balance Evaluation Systems Test (BriefBESTest), with only 8 items, but without analysis of evidence of validity of the internal structure (EVIS) for older adults who live in NH so far. Thus, this study aimed to analyze the EVIS of the Brief-BESTest in older adults who live in NH. METHODS: A psychometric study was carried out in 3 NH in the city of Sao Paulo, from 2016 to 2020. Older adults aged over 60 years were included; of both sexes; able to remain standing, with or without a walking aid device; with at least 1 year of residency in the NH; and who accepted to participate in the study and signed the informed consent form. Clinical, anthropometric, and sociodemographic data were collected from the medical records of the participants and assessments of frailty, cognition and balance (evaluated by the Brief-BESTest) were carried out. For the statistical analysis, the characterization of the sample and the analysis of EVIS of the Brief-BESTest were carried out using three techniques: exploratory factor analysis (EFA), confirmatory factor analysis (CFA) and item response theory (IRT). RESULTS: One-hundred twentysix older adults participated in the study, 91 (72.2%) were female, with a median age of 84.5 (IIQ=14.8) years. The Brief-BESTest model with the best factorial solution included 6 items, with correlations in the polychoric matrix ranging from 0.260 to 0.839. Parallel analysis pointed to one-dimensionality of the model, with a total explained variance of 73.83%. The factor loadings ranged from 0.613 to 0.878 and the commonalities from 0.376 to 0.722. This model presented good construct replicability indexes (observed GH index = 0.810), good reliability indicators (Cronbach's alpha = 0.883; McDonald's omega = 0.886; and GLB = 0.942) and good quality indicators (FDI = 0.954; EAP = 0.910; SR = 3.177 and EPTD = 93%). In the IRT, there was a variation in the ability to discriminate the items from moderate to very high (0.777 to 1.833) and difficulty that ranged from -1.043 to 2.965. In the CFA, adequate values were found for the residuals of covariance and good model fit indices (GFI = 0.995; TLI = 0.996; CFI = 0.998; NFI = 0.977; RMSEA = 0.028; and SRMR = 0.055). The factor loadings in the CFA ranged from 0.503 to 0.791 and the predictive capacity of the items, from 0.253 to 0.626. It was decided to name the 6-item Brief-BESTest model as BriefBESTest-6 and the only dimension evaluated as 'functional balance'. CONCLUSIONS: The Brief-BESTest-6 presented good EVIS in older adults who live in NH. It is one-dimensional, explains 73.83% of the latent variable, has good internal structure, good reliability, good item discrimination, and excellent model fit
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2022-03-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.