• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.5.2020.tde-29012020-123537
Documento
Autor
Nome completo
Anice de Campos Pássaro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Marques, Amelia Pasqual (Presidente)
Borges, Ana Luiza Vilela
Schmitt, Ana Carolina Basso
Torres, Julio Cesar
Título em português
Grau de conhecimento, conforto, motivação e envolvimento de professoras (es) do ensino fundamental na promoção da educação sexual em meio escolar: estudo transversal
Palavras-chave em português
Educação
Educação em saúde
Educação sexual
Fisioterapia
Saúde escolar
Saúde sexual
Sexualidade
Resumo em português
Introdução: É dever do profissional fisioterapeuta cuidar do paciente em sua completude, incluindo suas condições de vida, relações sociais e familiares, extrapolando o conhecimento sobre as doenças. Portanto, decidiu-se abordar a temática da sexualidade observando a área da educação sexual (ES). Esta área é fundamental por envolver a formação do sujeito crítico, conhecedor de seu próprio corpo, afetando sua vida em diversas fases minimizando, por exemplo, as disfunções sexuais. Objetivo Principal: Avaliar o grau de conhecimento, conforto, motivação e envolvimento das (os) professoras (es) do ensino fundamental em relação à promoção da ES em meio escolar. Objetivo Secundário: Comparar os resultados entre as (os) professoras (es) de diferentes faixas etárias, crenças religiosas e com formação acadêmica em ES. Metodologia: Participaram do estudo professoras (es) do ensino fundamental por conveniência e foi utilizado o Questionário de Educação Sexual em Meio Escolar (QUESME), desenvolvido em Portugal que avalia quatro dimensões referentes à promoção da ES em meio escolar: conhecimento, conforto, motivação e envolvimento de professoras (es). Para utilização adequada do questionário realizou-se: Estudo 1 - Adaptação cultural, validação de conteúdo e confiabilidade e Estudo 2 -Validação de Construto - Análise Fatorial Exploratória: através da análise de componentes principais. Para estimar a fidelidade dos itens aplicou-se o alfa de Cronbach. Análise de Dados: As variáveis são apresentadas através de média, desvio padrão e distribuição de frequência. Para a comparação das médias utilizaram-se: gráficos de dispersão para análise das diferentes faixas etárias; ANOVA One-Way e Teste post-hoc de Tukey para análise entre as crenças religiosas e o Teste t de Student para amostras independentes considerando a formação acadêmica das (os) professoras (es). Foi calculado o Tamanho do Efeito (TDE) preconizado em estudos com variáveis psicológicas e da área da educação. Resultados: Participaram do estudo 396 professoras (es), sendo 77,5% mulheres, 63,3% lecionavam em escola estadual, 47,7% eram católicas (os) e 93,1% declararam-se heterossexuais. Os índices das variáveis analisadas foram: conhecimento: 8,13; conforto: fator 1=4,79 e fator 2=4,12; motivação: subescala de importância=5,16; autoeficácia=4,61; crenças positivas=4,88 e crenças neutras/negativas=4,51; envolvimento: prática pedagógica=2,90 e função pedagógica=2,39. Não houve associação da idade e formação acadêmica inicial em relação às variáveis analisadas pelo QUESME. Através dos TDE, verificou-se que as crenças religiosas tiveram efeito nas variáveis analisadas, com exceção do conforto. Implicações Práticas: O QUESME é o primeiro instrumento validado para a língua portuguesa do Brasil com excelente confiabilidade, capaz de verificar o conhecimento, conforto, motivação e envolvimento de professoras (es) em relação a ES em meio escolar e poderá auxiliar no conhecimento sobre a prática da ES em meio escolar, podendo otimizar o envolvimento em ações, tanto no cotidiano escolar como no desenvolvimento e continuidade de políticas públicas. Conclusão: As (os) professoras (es) apresentam moderado conhecimento relativo à legislação e orientações ministeriais referentes à ES, elevado conforto e motivação. Há insuficiente envolvimento prático em ações específicas de ES, sendo que as (os) professoras (es) concordam que faz parte das suas funções envolverem-se nestas ações. As crenças religiosas tiveram efeito sobre as variáveis do QUESME e a idade e formação acadêmica inicial das (os) professoras (es) não tiveram efeito
Título em inglês
Level of knowledge, comfort, motivation and involvement of elementary school teachers in the promotion of sexual education in school: a cross-sectional study
Palavras-chave em inglês
Education
Health education
Physical therapy specialty
School health
Sex education
Sexual health
Sexuality
Resumo em inglês
Introduction: It is the duty of the physical therapist to care for the patient in their entirety, including their living conditions, social and family relationships, going beyond the knowledge about diseases. Therefore, it was decided to approach the theme of sexuality observing the area of sex education (SE). This area is fundamental because it involves the establishment of a critical subject, knowledgeable of his own body, affecting his life in several phases by minimizing, for example, sexual dysfunctions. Main Objective: To evaluate the degree of knowledge, comfort, motivation and involvement of elementary school teachers regarding the promotion of SE in schools. Secondary Objective: To compare the results between teachers from different age groups, religious beliefs and academic background in SE. Methodology: The participants in the study were elementary school teachers selected by convenience and the Questionnaire of Sexual Education in School (QUESES) was applied. This questionnaire was developed in Portugal and assesses four dimensions concerning the promotion of SE in schools: knowledge, comfort, motivation and involvement of teachers. For a proper use of the questionnaire, we performed: Study 1 - Cultural adaptation, content validation and reliability and Study 2 - Construct Validation - Exploratory Factor Analysis: by means of a principal component analysis. To estimate the fidelity of the items, Cronbach's alpha was applied. Data analysis: Variables are presented as mean, standard deviation and frequency distribution. For the comparisons of means we used: scatter plots for the analysis of different age groups; ANOVA One-Way and Tukey's Post Hoc Test for the analysis of religious beliefs and Student's T-Test for Independent Samples considering academic background in SE. The effect size (ES), which is recommended in studies with psychological and educational variables, was calculated. Results: In total, 396 teachers participated, 77.5% were women, 63.3% taught in state school, 47.7% were Catholic and 93.1% declared themselves heterosexual. The teachers presented the following indexes for the analyzed variables: knowledge: 8,13; comfort: factor 1 = 4.79 and factor 2 = 4.12; motivation: subscales of importance = 5.16; self-efficacy = 4.61; positive beliefs = 4.88 and neutral / negative beliefs = 4.51; involvement: pedagogical practice = 2.90 and pedagogical function = 2.39. There was no association between age and initial academic background regarding the variables analyzed by QUESES. The ES indicated that religious beliefs had an effect on all analyzed variables, except for comfort. Practical Implications: QUESES is the first instrument validated for Brazilian Portuguese with excellent reliability, capable of verifying the knowledge, comfort, motivation and involvement of teachers in relation to SE in the school environment and can help in the knowledge about the practice of SE in the school, optimizing the involvement in actions, both in daily school life and in the development and continuity of public policies. Conclusion: The teachers have moderate knowledge regarding the legislation and ministerial guidelines related to SE, high comfort and motivation. There is insufficient practical involvement in specific actions as to SE, and teachers agree that it is part of their role to be involved in these actions. Religious beliefs had an effect over the studied variables, but the age and initial academic background in SE of teachers had no effect
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-01-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.