• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.5.2020.tde-20102020-162730
Documento
Autor
Nome completo
Kátia Monteiro de Benedetto Pacheco
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Battistella, Linamara Rizzo (Presidente)
Alves, Vera Lucia Rodrigues
Franco, Maria Helena Pereira
Lotufo, Paulo Andrade
Título em português
A organização psíquica de crianças com má-formação congênita x imagem corporal
Palavras-chave em português
Amputação
Anormalidades congênitas
Classificação internacional de funcionalidade incapacidade e saúde
Imagem corporal
Resumo em português
O presente estudo teve como objetivo elencar o conjunto mínimo de categorias da CIF que possa ser utilizado para avaliação de crianças, com má-formação congênita, que causou amputações e/ou encurtamentos de membros, afim de contribuir para a avaliação da organização psíquica destas e da sua imagem corporal de forma integralizada. Para tanto utilizou-se o método Delphi, visto que este se utiliza do consenso entre especialistas da área para a escolha das categorias mais relevantes na avaliação dessas crianças. Assim, foram enviados questionários à especialistas da área de reabilitação, para que eles pudessem listar quais das categorias da CIF consideram mais relevantes para a população da pesquisa. O consenso de 80% foi estipulado visando o maior nível de consenso possível. Realizou-se um tratamento estatístico para a verificação da porcentagem estipulada. Os indicadores considerados com elevado nível de consenso foram aqueles que atingiram o terceiro quartil na análise, ou seja, corresponderam àqueles que foram indicados por, pelo menos, 75% dos sujeitos com a designação de pertinente. Além do método Delphi, que foi utilizado especificamente com a finalidade de elencarmos as categorias da CIF pertinentes a população estudada, outros instrumentos foram utilizados visando a avaliação da organização psíquica das crianças com má-formação congênita e sua imagem corporal. Foi realizado assim, o estudo de caso baseado em uma análise qualitativa, mediante análise dos dados obtidos através de entrevista semi dirigida com a criança e com um, ou mais, responsáveis desta. Também fora utilizada a observação lúdica, análise do Desenho da Figura Humana- DFH III, o Teste Gestáltico Visomotor de Bender - Sistema de Pontuação Gradua, BSPG e a Escala de Imagem Corporal para Amputados -ABIS. Através da aplicação do Método Delphi, obteve-se consenso de 24 categorias na primeira rodada, somada as 13 da segunda rodada, totalizando-se 37 categorias consideradas pertinentes para a avaliação de crianças com amputação e/ou encurtamento de membro causado por má-formação congênita. O uso das 37 categorias da CIF (conjunto mínimo), somados aos instrumentos utilizados para avaliação qualitativa da criança no estudo de caso, demonstrou como a CIF é relevante na avaliação integral das crianças com má-formação congênita e como o uso clínico e sistemático do instrumento pode ser favorecido pelo uso do conjunto mínimo aqui apresentado. Conclui-se que através do método Delphi, este estudo obteve consenso sobre quais categorias da CIF são as mais relevantes para avaliação de crianças com má-formação congênita, que causou amputações e/ou encurtamentos de membros, contribuindo assim para a avaliação da organização psíquica e da imagem corporal destas de forma integralizada
Título em inglês
Psychic organization of children with congenital malformation x body image
Palavras-chave em inglês
Amputation
Body image
Congenital abnormalities
International classification of functioning disability and health
Resumo em inglês
The present study aimed to list the minimum set of ICF categories that can be used to evaluate children with congenital malformation, which caused amputations and / or limb shortening, in order to contribute to the assessment of their psychic organization, and their body image in a comprehensive way. For this, we used the Delphi method, since it uses consensus among experts in the field to choose the most relevant categories in the evaluation of these children. Therefore, questionnaires were sent to rehabilitation specialists so that they could list which of the ICF categories they consider most relevant to the research population. The 80% consensus was set for the highest possible level of consensus. A statistical treatment was performed to verify the stipulated percentage. The indicators considered a high level of consensus that reached the third quartile in the analysis, that is, those that were indicated by at least 75% of the subjects with the designation of pertinent. In addition to the Delphi method, which was specifically used to list the ICF categories pertinent to the population studied, other instruments were used to assess the psychic organization of children with congenital malformation and their body image. The case study was based on a qualitative analysis, through analysis of data obtained through semidirected interviews with the child and one or more guardians. Playful observation, analysis of Human Figure Drawing - DFH III, Bender Visomotor Gestalt Test - Gradua Scoring System, B-SPG and Body Image Scale for amputees - ABIS were also used. By applying Delphi Method, a consensus of 24 categories was obtained in the first round, among with 13 in the second round, totaling 37 categories considered relevant for the evaluation of children with limb amputation and / or shortening caused by malformation congenital. The use of 37 ICF categories (minimum set), together with instruments used for the qualitative evaluation of the child in the case study, demonstrated how ICF is relevant in integral evaluation of children with congenital malformation and how the clinical and systematic use of ICF instrument may be favored by the use of minimum set here. It is concluded that through Delphi method, this study reached consensus on which ICF categories are most relevant for the evaluation of children with congenital malformation, which caused amputations and / or limb shortening, contributing to evaluation of psychic organization and their body image in an integral way
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-10-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.