• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2012.tde-13122012-143150
Documento
Autor
Nome completo
Silmara Rondon
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Andrade, Claudia Regina Furquim de (Presidente)
Guedes, Zelita Caldeira Ferreira
Lopes, Debora Maria Befi
Título em português
Uso de jogo interativo na aprendizagem de estudantes de fonoaudiologia sobre o sistema miofuncional orofacial
Palavras-chave em português
Anatomia
Aprendizagem
Fisiologia
Fonoaudiologia
Instrução por computador
Sistema estomatognático
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi comparar dois métodos de aprendizagem sobre Anatomia e Fisiologia do Sistema Miofuncional Orofacial (SMFO) em estudantes do segundo ano do curso de Fonoaudiologia: método interativo (com uso de um jogo computacional) e método tradicional (com uso de textos resumidos associados a figuras pertinentes), no que se refere à aprendizagem e à retenção de conhecimento. Foram sujeitos do estudo 29 estudantes do segundo ano do curso de Fonoaudiologia os quais estavam cursando uma disciplina sobre Anatomia e Fisiologia do SMFO. A disciplina incluía aulas expositivas e um horário de estudo em que foram aplicados os dois métodos de aprendizagem propostos. Cada estudante foi alocado randomicamente em um dentre dois grupos: Grupo I (GI) 15 estudantes os quais foram submetidos ao método de aprendizagem por meio do jogo computacional; Grupo II (GII) 14 estudantes os quais foram submetidos ao método de aprendizagem tradicional. Os dois métodos foram desenvolvidos com a mesma duração (uma hora, uma vez por semana) e foram aplicados pelo mesmo tutor. O processo de randomização dos grupos foi mascarado. Os estudantes foram avaliados quanto aos conhecimentos prévios (préteste: antes da aplicação dos métodos de aprendizagem); quanto à retenção de conhecimento em curto prazo (pós-teste: imediatamente após a conclusão da aplicação dos métodos de aprendizagem) e quanto à retenção de conhecimento em longo prazo (pós-teste tardio: seis meses após a conclusão da aplicação dos métodos de aprendizagem). A avaliação foi realizada por aplicação de um questionário, contendo 50 questões de múltipla escolha sobre Anatomia e Fisiologia do SMFO. O desempenho dos dois grupos foi comparado considerando-se os três momentos de testagem. Foram realizadas comparações intra e entre grupos, utilizando-se tanto o número total de respostas corretas como o número de respostas corretas de acordo com o assunto abordado (Anatomia ou Fisiologia). Os estudantes que participaram do método de aprendizagem por meio do jogo computacional apresentaram melhor desempenho no pós-teste para as questões sobre Anatomia. Os estudantes que participaram do método de aprendizagem tradicional apresentaram melhor desempenho no pós-teste e no pós-teste tardio, tanto para questões sobre Anatomia como para questões sobre Fisiologia. Neste estudo, os dois métodos de aprendizagem testados foram equivalentes no que se refere à retenção de conhecimento dos estudantes em curto prazo. O método de aprendizagem tradicional mostrou-se mais efetivo para a retenção de conhecimento em curto e longo prazo
Título em inglês
Use of interactive game in speech language and hearing sciences students learning about the orofacial myofunctional system
Palavras-chave em inglês
Anatomy
Computer-assisted instruction
Learning
Physiology
Speech language and hearing sciences
Stomatognathic system
Resumo em inglês
The purpose of this study was to compare an interactive learning method (computer game-based) with a traditional learning method (traditional lecture) as means of teaching Anatomy and Physiology of Orofacial Myofunctional System (OMS) to second-year Speech-Language and Hearing pathology undergraduate students. This study was conducted with 29 second-year Speech-Language and Hearing Science students who were undertaking an Anatomy and Physiology of OMS class. This included weekly teaching sessions and a study schedule developed in the classroom environment where the learning methods were applied. Each student was randomly allocated in one of two groups: Group I (GI) 15 students who were submitted to the interactive learning method; Group II (GII) -14 students who were submitted to the traditional learning method. Both methods had the same duration (one-hour, once a week), and were delivered by the same tutor. The random allocation process was blinded. Students prior knowledge (i.e. before undergoing the learning method); short-term knowledge retention (i.e. immediately after undergoing the learning method) and long-term knowledge retention (i.e. six months after undergoing the learning method) were assessed with a multiple choice questionnaire, containing 50 multiple questions regarding Anatomy and Physiology of OMS. The performance between the groups was compared, considering the three moments of assessment. Comparisons were made using both the total number of correct answers, as well as the number of correct answers regarding Anatomy and regarding Physiology. Students that received the game-based method perform better for the pos test assessment only in Anatomy questions. Students that received the traditional lecture perform better in post test and long-term post test, both for Anatomy and Physiology questions. The game is comparable to traditional learning method in general and in short-term gains. The traditional lecture still seems to be more effective to improve studentsshort and long-term knowledge retention
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
SilmaraRondon.pdf (471.11 Kbytes)
Data de Publicação
2012-12-19
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • JUSTE, Fabiola, et al. Acoustic analyses of diadochokinesis in fluent and stuttering children [doi:10.6061/clinics/2012(05)01]. Clinics (USP. Impresso) [online], 2012, vol. 67, p. 409-414.
  • RONDON, Silmara, SASSI, Fernanda Chiarion, and ANDRADE, C. R. F. Computer game-based and traditional learning method: a comparison regarding students' knowledge retention [doi:10.1186/1472-6920-13-30]. BMC Medical Education [online], 2013, vol. 13, p. 1-8.
  • ANDRADE, C. R. F., et al. Acoustic analyses of diadochokinesis in fluent and stuttering children. In 29the World Congress of the IALP, Torino, 2013. 29th World Congress of the IALP - Where Practice Meets Science - Final Program and Abstract Book.Torino : International Association of Logopedics and Phoniatrics, 2013. Abstract.
  • RONDON, Silmara, SASSI, Fernanda Chiarion, and ANDRADE, C. R. F. Computer game-based and traditional learning method: a comparison regarding students' knowledge retention. In ASHA Convention, Chicago, 2013. ASHA Convention Program Planner.Chicago : ASHA, 2013. Abstract. Available from: http://www.asha.org.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.