• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.5.2011.tde-22092011-133255
Documento
Autor
Nombre completo
Sabrina Thalita dos Reis
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2011
Director
Tribunal
Leite, Katia Ramos Moreira (Presidente)
Antunes, Alberto Azoubel
Canavez, Juliana Moreira de Sousa
Kubrusly, Marcia Saldanha
Loreto, Celso di
Título en portugués
Análise da expressão de MMP-2, MMP-9, MT1-MMP (MMP-14), TIMP-1, TIMP-2, RECK, TGF-Beta e interleucina-8 em câncer de próstata
Palabras clave en portugués
Expressão gênica
Metaloproteinases
MMP-2
MMP-9
Neoplasias prostáticas
Prognóstico
Próstata
Resumen en portugués
Introdução: O câncer de próstata (CaP) é o tumor mais freqüente do homem no Brasil tendo sido estimados mais de 52.350 novos casos em 2010, sendo a segunda causa de óbito por câncer em homens. O prognóstico depende fundamentalmente dos níveis séricos de Prostatic Specific Antigen (PSA) estádio tumoral (TNM) e grau de diferenciação histológica (Gleason). Porém esses têm sido insuficientes na definição do prognóstico da neoplasia. Por isso pesquisas têm sido direcionadas para a identificação de alterações moleculares que possam prever o potencial de agressividade do câncer de próstata. Metaloproteinases da matriz (MMP) são proteínas pertencentes a uma família de aproximadamente 30 enzimas proteolíticas ou endoproteinases que degradam vários componentes da matriz extracelular. A detecção de sua expressão tem sido estudada como marcador sensível e específico de vários tumores, principalmente as MMP pertencentes ao grupo das gelatinases MMP-2 e MMP-9. Objetivo: o objetivo deste nosso trabalho foi avaliarmos pela técnica de qRT-PCR e imuno-histoquímica os níveis de expressão dos genes das MMP pertencentes ao grupo das gelatinases, MMP-2 e MMP-9, bem como outros sabidamente envolvidos em suas vias de ativação (MMP-14, IL-8) e inibição (TIMP-1, TIMP-2, RECK e TGF-) no câncer localizado de próstata. Material e Métodos: O estudo consistiu na análise de espécimes de 79 pacientes com câncer da próstata submetidos a prostatectomia radical entre setembro de 1997 e fevereiro de 2000. Esses oito genes foram então testados quanto a seu valor prognóstico no câncer da próstata através da técnica de reação em cadeia da polimerase quantitativa com transcriptase reversa (qRT-PCR). Análise proteica foi feita a partir de 40 pacientes deste pool. O grupo controle foi composto de tecido de 11 pacientes com hiperplasia benigna da próstata (HPB) tratados cirurgicamente com prostatectomia retropúbica. Resultados: MMP-9 esteve superexpressa e MMP-2, TIMP-1, TIMP-2, MMP 14, IL-8, TGF- e RECK se mostraram subexpressos em tecido representativo de CaP quando comparado com HPB. A análise dos níveis de expressão dos genes com o escore de Gleason, mostrou que MMP-2 e TIMP-2 mesmo mantendo-se subexpressos, tiveram uma expressão maior entre os pacientes que apresentavam Gleason 7 (p=0,04 e p=0,02 respectivamente). De acordo com o valor de PSA préoperatório, encontramos diferenças na expressão de MMP-9. Pacientes que apresentavam um PSA pré-operatório 10 ng/mL possuíam uma mediana de expressão maior que aqueles cujo PSA pré-operatório <10 ng/mL com medianas de expressão de 5,62 e 2,76 respectivamente (p=0,033). Não encontramos diferenças estatísticas entre pacientes que apresentavam ou não recidiva bioquímica quanto a expressão dos 8 genes estudados. Porém o gene da MMP-9 apresentou uma diferença estatística marginal apresentando uma mediana de expressão de 6,29x nos pacientes que apresentaram recidiva bioquímica e de 3,25 nos pacientes que não apresentaram recidiva bioquímica (p=0,090). De acordo com a expressão proteica, encontramos uma maior positividade em MMP-9, MMP-2, TGF-, IL-8 e MMP-14. De acordo com os fatores prognósticos encontramos associação de TIMP-1 com recidiva bioquímica. Conclusão: Encontramos uma superexpressão de MMP-9 e uma subexpressão de MMP-2, TIMP-1, TIMP-2, MMP-14, RECK, IL-8 e TGF- no CaP. Considerando os fatores prognósticos encontramos que aumentados níveis de expressão do gene da MMP-9 associou-se a aumentados níveis de PSA, e mostrou uma tendência de associação com recidiva bioquímica. De acordo com a expressão proteica encontramos que a ausência de TIMP-1 pode ser um indicativo de recidiva bioquímica
Título en inglés
Expression of MMP-2, MMP-9, MT1-MMP (MMP-14), TIMP-1, TIMP-2, RECK, TGF-Beta e Interleucina-8 genes in the prostate cancer
Palabras clave en inglés
Gene expression
MMP- 2
MMP-9
Prognosis
Prostate
Prostate neoplasms
Resumen en inglés
Introduction: Currently, Prostate cancer (PCa) is the most common tumor in men in Brazil. It was estimated that more than 52,350 new cases were diagnosed in 2010, being the second cause of death by cancer in man. The prognosis depends mainly on Prostate Specific Antigen (PSA) serum levels, tumor stage (TNM) and histological grade (Gleason), but these parameters, even combined, are insufficient to define the correct prognosis of PCa. Therefore research has been directed towards the identification of molecular alterations that may predict potential aggressiveness of PCa. Matrix metalloproteinases (MMPs) are proteins that belong to a family of about 30 proteolytic enzymes that degrade various components of the extracellular matrix. The analysis of MMPs expression has been studied as a sensitive and specific marker of prognosis of several tumors, and special attention was focused in the group of gelatinases, MMP-2 and MMP-9.Objective: The aim of this study was to evaluate the expression levels of MMP-2 and MMP-9 genes and proteins by quantitative real-time polymerase chain reaction (qRT-PCR) and immunohistochemistry in localized PCa. We also evaluated the expression of genes that are involved in the control of MMP-2 and MMP as activators (MMP- 14, IL-8) or inhibitors (TIMP-1, TIMP-2, RECK and TGF-).Materials and Methods: The casuistic consisted of 79 surgical specimens from patients with localized PCa who underwent radical prostatectomy between September 1997 and February 2000. The control group was composed of specimens from 11 patients with benign prostatic hyperplasia (BPH) treated surgically with retropubic prostatectomy. The results of the 8 genes expression, through qRTPCR and immunohistochemistry, were correlated to the diagnosis and prognosis of PCa. The protein expression analysis was carried out in 40 patients of the casuistic. Results: The MMP-9 was overexpressed, while MMP-2, TIMP-1, TIMP-2, MMP-14, RECK, IL-8, and TGF- were underexpressed in malignant prostate tissue compared to BPH. Patients with Gleason7 had higher expression of MMP-2 and TIMP-2 (p=0.04, p=0.02 respectively). According to the preoperative PSA value, we found that patients with preoperative PSA10 ng/mL had a median of expression of 5.62 compared to 2.76 when PSA<10 ng/mL (p=0.033). There were no statistical differences between expression of the eight genes and biochemical recurrence during follow up. However, the higher MMP-9 expression was marginally associated with recurrence, the median was of 6.29 in recurrence patients compared to 3.25 in those without recurrence (p=0.090). Regarding the protein expression, we found a higher positivity of MMP-9, MMP-2, TGF-, IL-8 e MMP-14 expression in PCa, and a correlation between the lack of TIMP-1 and tumor recurrence. Conclusion: MMP-9 is overexpressed while MMP-2, TIMP-1, TIMP-2, MMP-14, RECK, TGF- and IL-8 are underexpressed in CaP. According to the prognostic factors, we observed that increased level of MMP-9 was associated with pre-surgical PSA10 ng/mL. Also there was a tendency of association between higher MMP- 9 expression and biochemical recurrence. Overexpression of MMP-9 can be explained by the underexpression of their major inhibitors TIMP-1 and RECK. According to protein expression we found that absence of TIMP-1 is correlated with biochemical recurrence in the PCa
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2011-09-22
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.