• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.5.2006.tde-30092010-154656
Documento
Autor
Nombre completo
Alessandra Batistela Laragnoit
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2006
Director
Tribunal
Vieira, Joaquim Edson (Presidente)
Benseñor, Fabio Ely Martins
Crivello Junior, Oswaldo
Dias, Reinaldo Brito e
Posso, Irimar de Paula
Título en portugués
Anestesia loco-regional para tratamento odontológico em pacientes cardiopatas: estudo comparativo entre lidocaína 2% sem adrenalina e lidocaína 2% com adrenalina 1:100.000
Palabras clave en portugués
Anestesia local
Epinefrina
Lidocaína
Vasoconstritores
Resumen en portugués
Introdução: Este estudo prospectivo, randomizado, duplo-cego investigou, em valvopatas, alterações hemodinâmicas durante o tratamento odontológico com o uso do anestésico local contendo adrenalina e sem a mesma. Métodos: O estudo foi conduzido na Unidade de Odontologia do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (Brasil 2004-2005). Os pacientes foram alocados em dois grupos através de tabela de números aleatórios: LSA (lidocaína a 2% sem adrenalina, n= 31, 42.2 ± 10.3 anos) e LCA (lidocaína a 2% com adrenalina 1:100.000, n= 28, 40.3 ± 10.9 anos). O volume anestésico foi registrado. Um monitor multiparamétrico DIXTAL (São Paulo- Brasil) registrou os valores da pressão arterial sistêmica, freqüência cardíaca, saturação de oxigênio e traçado eletrocardiográfico. Registrou-se também o volume anestésico aplicado em cada procedimento realizado. Resultados: 22 homens e 37 mulheres foram incluídos. Valores da pressão arterial sistêmica, freqüência cardíaca e saturação de oxigênio, antes, durante e após administração da anestesia local não mostraram diferenças estatísticas entre os dois grupos (P > 0.05). Arritmias observadas em alguns pacientes antes do início do tratamento odontológico não sofreram alterações de morfologia ou gravidade após injeção anestésica. Relatos de dor durante a realização do procedimento odontológico foram mais freqüentes no grupo LSA com conseqüente aumento no volume de anestésico local administrado. Conclusão: lidocaína 2% com adrenalina 1:100.000 mostrou maior eficácia anestésica em comparação com a lidocaína 2% sem adrenalina sem causar alterações hemodinâmicas em pacientes portadores de valvopatias.
Título en inglés
Loco-regional anesthesia for cardiac patients odontologic treatment: comparative study between plain lidocaine 2% and lidocaine 2% with epinephrine 1:100.000
Palabras clave en inglés
Epinephrine
Lidocaine
Local anesthesia
Vasoconstrictors
Resumen en inglés
Introduction: This prospective, randomized double-blinded study investigated hemodynamic changes in valvular cardiac patients during dental treatment with the use of a local anesthesia containing epinephrine. Methods: The study was conducted in the Dental Department of the Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (Brazil 2004- 2005). Patients were allocated into two groups through an aleatory numbered table: PL (plain 2% lidocaine, n= 31) and LE (2% lidocaine with 1:100.000 epinephrine, n= 28). The anesthetic amount was registered. DIXTAL monitor (São Paulo- Brazil) captured blood pressure, heart rate, oxygenation and electrocardiogram records. Results: 22 men and 37 women were included (LE age 40.3 ± 10.9 and PL age 42.2 ± 10.3). Blood pressure, heart rate and pulse oximetry values before, during and after local anesthesia injection did not show any difference between the two groups (P > 0.05). Any arrhythmias observed in some patients prior to dental anesthesia did not suffer alterations of shape or gravity after it. Complains of pain during dental procedure were more often in the PL group with a higher amount of local anesthesia needed. Conclusion: 2% lidocaine with epinephrine 1:100.000 showed a superior anesthetic efficiency without leading to hemodynamics changes in patients with cardiac valvular compromise.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2010-09-30
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.