• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2011.tde-08122011-154630
Documento
Autor
Nome completo
Vanessa Ramos Alves Penterich
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Castro, Fabio Fernandes Morato (Presidente)
Castro, Ana Paula Beltran Moschione
Pereira, Rosa Maria Rodrigues
Sarni, Roseli Oselka Saccardo
Silva, Maria Elisabeth Machado Pinto e
Título em português
Avaliação do consumo alimentar e da densidade mineral óssea de crianças com dermatite atópica
Palavras-chave em português
Criança
Densidade óssea
Dermatite atópica
Dieta
Glicocorticóide tópico
Marcadores ósseos
Resumo em português
A dermatite atópica é uma doença de pele de caráter inflamatório crônico que normalmente precisa de tratamento com glicocorticóide tópico. O objetivo deste estudo foi avaliar o impacto da Dermatite atópica no consumo de nutrientes, no estado nutricional e no metabolismo ósseo de crianças com dermatite atópica moderada e grave comparadas à crianças saudáveis. Foram incluídas neste estudo 60 crianças de 4 a 12 anos com AD moderada/grave e 54 controles. O consumo alimentar foi avaliado por três recordatórios de 24 horas. O estado nutricional foi determinado pelo z-escore de altura para idade, peso por idade e do índice de massa corporal. Os marcadores ósseos séricos foram 25OH vitamina D, fosfatase alcalina óssea, cálcio sérico, fósforo, PTH, osteocalcina, CTX e cortisol. Os pacientes e familiares foram questionados quanto à fraturas, exposição solar e escore de atividade física. Por meio de densitometria dupla de Raio-X avaliou-se o conteúdo mineral ósseo (CMO), a densidade mineral óssea (DMO) e o z-score da coluna lombar, do fêmur total e do corpo inteiro. As crianças com dermatite atópica usavam glicocorticóide tópico em média por 3,9 ±1,81 anos. O tempo de exposição solar foi menor nas crianças com dermatite atópica. O consumo alimentar evidenciou um alto consumo de proteínas em ambos os grupos, e a ingestão de gordura foi mais baixo na crianças com DA. A média consumida de cálcio e vitamina D foi abaixo da recomendação nutricional em ambos os grupos. As crianças com DA apresentaram mais casos de rinite, asma e alergia alimentar do que o grupo controle. Segundo o zscore de altura para idade as crianças com DA foi significativamente mais baixas quando comparadas com o grupo controle. O CTX sérico foi menor no grupo DA. O CMO da coluna lombar foi mais baixo nas crianças com DA, e o CMO, a DMO e o z-score do fêmur total também foram significativamente menores no grupo DA do que no grupo controle. Neste grupo de crianças com DA, estudado o uso do glicocorticóide tópico pode ter diminuído a altura para idade, e a massa óssea.
Título em inglês
Food consumption and bone mineral density evaluation of children with atopic dermatitis
Palavras-chave em inglês
Atopic dermatitis
Bone mineral density
Children
Topical glicocorticosteroids
Resumo em inglês
Atopic dermatitis is an inflammatory allergic skin disease that often requires glicocorticosteroids therapy. The aim of this study was to determine the atopic dermatitis impact on food ingestion, nutritional status and bone mass in children with moderate to severe AD compared with a control group. Food ingestion was evaluated with 3 days 24-hour food recordathory. Nutritional status was determined with height to age z-score, weight for age z-score and BMI z-score. Bone markers measured in serum were 25OH vitamin D, bone phosphatase alkaline, CTX, serum calcium, phosphorus, osteocalcin, PTH and cortisol. Information on lifestyle parameters, bone fractures, sun exposure and physical activity were collected by use of a standardized questionnaire. Lumbar spine, total femur and whole body, bone mineral content (BMC), bone mineral density (BMD) and z-score was measured by dual-energy X-ray absorptiometry in 60 children (age 4-12years) with moderate to severe AD and 54 health controls, with the same age. In children, low BMD was defined as a Z-score less than -2. The AD children used topic glicocorticosteroids for a mean of 3,9 ±1,81 years. The sun exposure was lower in the AD group. Food ingestion showed high protein ingestion levels in both groups, and the fat consumption was lower in the AD children. The calcium and vitamin ingestion were bellow the recommendations in the two groups. Children with AD had more riniths, asthma and food allergy then control group. The CTX was lower in the AD group. The children with AD were significantly smaller according to the height for age zscore. There was significant smaller BMC on lumbar spine, and in the BMC, BMD and z-score in the total femur on the AD children. Low BMD occured more frequently in this population of children with moderate to severe AD compared with the control group. Use of topical glicocorticosteroids in the previous could be 5 years associated with the decrease in BMD.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-12-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.