• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2006.tde-17102014-122252
Documento
Autor
Nome completo
Maria del Pilar Quintero Moreno
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Bottino, Cassio Machado de Campos (Presidente)
Coelho, Lucia Maria Salvia
Gomez, Jacqueline Abrisqueta
Título em português
Perfil neuropsicológico de sujeitos com comprometimento cognitivo leve de uma amostra comunitária da cidade de São Paulo (Brasil)
Palavras-chave em português
Diagnóstico diferencial
Envelhecimento
Testes neuropsicológicos
Transtornos cognitivos
Resumo em português
INTRODUÇÃO: O impacto na saúde pública dos transtornos neuropsiquiátricos como a demência e o comprometimento cognitivo tem aumentado com o aumento da população idosa de países em desenvolvimento como o Brasil. O diagnóstico destas entidades requer confirmação objetiva da presença de prejuízo cognitivo, para a qual recomenda-se o uso de testes neuropsicológicos. OBJETIVO: Comparar o perfil neuropsicológico de sujeitos com comprometimento cognitivo leve (CCL), com um grupo de sujeitos considerados normais, provenientes de uma amostra comunitária identificada em um estudo de prevalência de demência e comprometimento cognitivo na cidade de São Paulo. MÉTODO: A amostra total (1.563 sujeitos de 60 ou mais anos de idade) foi selecionada aleatóriamente em três áreas com diferentes perfis sócio-econômicos em São Paulo. Os sujeitos foram classificados como CCL amnéstico, utilizando critérios adaptados de Petersen et al. (1999) usando os seguintes instrumentos: um questionário de queixas de memória de 10-pontos, Mini Exame do Estado Mental (MEEM), FOME e a escala internacional de atividades da vida diária (ADL-IS). Em uma segunda fase, os sujeitos foram submetidos novamente ao MEEM, ADL- IS, questionário (SRQ 20) para identificar sintomas psiquiátricos, e uma bateria de testes neuropsicológicos para avaliar: atenção (Dígitos de WMS-R, Trail Making Test), memória (Memória Lógica e Reprodução Visual de WMS-R, Selective Reminding Test - Buschke), praxia (desenho do relógio, Cubos do WAIS-R), linguagem (Teste de Nomeação de Boston, fluência verbal - animais) e QI estimado (Vocabulário e Cubos do WAIS-R). RESULTADOS: trinta e sete indivíduos classificados como CCL amnéstico e trinta e um classificados como normais completaram a avaliação. Não foram encontradas diferenças significativas entre os grupos quanto a: idade, gênero, anos de escolaridade, estado civil, classe social ou pontuações no MEEM ou no SRQ-20. Houve diferenças significativas entre os dois grupos nos seguintes testes: Trail Making A, Memória Lógica (evocação imediata e tardia), Selective Reminding Test (aprendizagem total), Reprodução Visual (evocação Imediata e tardia), Nomeação de Boston (nomeação e paragnosias), Cubos e QI Estimado, sendo que os indivíduos com CCL tiveram pior desempenho que os controles. CONCLUSÕES: Os achados sugerem que submetidos a uma bateria neuropsicológica abrangente, os dois grupos estudados apresentam diferenças significativas no desempenho não somente da memória mas também em outros domínios como atenção, linguagem e praxia. Estes achados sugerem que o conceito de CCL múltiplos domínios pode ser mais útil que o conceito de CCL amnéstico, quando são avaliados idosos que pertencem a uma amostra comunitária
Título em inglês
Neuropsychological profile of subjects with Mild Cognitive Impairment from a community sample from São Paulo (Brazil)
Palavras-chave em inglês
Aging
Cognition disorders
Differential diagnosis
Neuropsychological tests
Resumo em inglês
BACKGROUND: The impact on public health of neuropsychiatry disorders as dementia and mild cognitive impairment is growing as the population grows older in developing countries as Brazil. The diagnosis of these entities requires confirmation of cognitive impairment assessed by neuropsychological tests. OBJECTIVE: Compare the neuropsychological profile of Mild Cognitive Impairment (MCI) individuals and Normal subjects from a community sample identified in a Prevalence Study of Dementia and MCI in São Paulo. METHOD: The total sample (1.563 subjects over 60 years old) was randomly selected from three different social class areas of São Paulo. The subjects were classified as amnestic MCI following criteria adapted from Petersen et al. (1999) using the following instruments: 10-point questionnaire on memory complaints, Mini Mental State Examination (MMSE), Fuld Object Memory Evaluation, and Activities of Daily Living - International Scale (ADL-IS). In a second phase, patients were submitted to the MMSE, ADL- IS, Self Reporting Questionnaire (SRQ 20) to identify psychiatric symptom, and Neuropsychological test battery to evaluate: Attention (Digit Symbol from WMS-R, Trail Making Test), Memory (Logic Memory and Visual Reproduction from WMS-R, Selective Reminding Test - Buschke 1973), Praxis (Clock drawing, Block Design - WAIS-R), Language (Boston Naming Test and Verbal Fluency - animal) and Intelligence (Estimated Intellectual Quotient - Vocabulary and Block Design from WAISR). RESULTS: 37 subjects classified as amnestic MCI and 31 Normal controls completed the evaluation. We did not found significant differences between the two groups in age, gender, years of education, civil status, social class, MMSE and SRQ-20 scores. There were significant differences between MCI and controls in the following tests: Trail Making A, Logical Memory (Immediate and Delayed recall), Selective Reminding Test (total learning), Visual Reproduction (Immediate and delayed Recall), Boston Naming Test (Naming and Paragnosias), Block Design, and Estimated IQ in which MCI subjects had a worse performance than the elderly Controls. CONCLUSIONS: Our findings suggest that the two groups evaluated through an extensive neuropsychological battery present differences in memory performance but also in other cognitive functions as attention, language and praxis. Perhaps the MCI multiple-domain concept would be more useful than the amnestic MCI considering individuals coming from community samples
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-10-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.