• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.5.2020.tde-13012020-100116
Documento
Autor
Nome completo
Abner Morilha
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Lotufo Neto, Francisco (Presidente)
Elkis, Helio
Alves, Elaine Gomes dos Reis
Kovacs, Maria Julia
Título em português
A prevalência de sintomas de transtornos psiquiátricos em missionários evangélicos/protestantes transculturais brasileiros
Palavras-chave em português
Ansiedade
Copingreligioso
Depressão
Espiritualidade
Missionários transculturais
Missões religiosas
Qualidade de vida
Sinais e sintomas
Síndrome de Burnout
Transtornos mentais
Resumo em português
Fundamento: Alguns estudos identificaram que sacerdotes religiosos em geral faz parte do grupo de risco para o desenvolvimento de Transtornos Psiquiátricos, em particular Transtorno Mental Comum, Transtorno Depressivo, Transtorno de Ansiedade e Burnout, e que há uma associação positiva entre espiritualidade e saúde mental. Dentre os grupos eclesiásticos estudados pouco se pesquisou sobre os missionários transculturais. Objetivo: Investigar a prevalência de sintomas de Transtornos Psiquiátricos e a relação destes transtornos com a espiritualidade em missionários transculturais brasileiros. Método:327 missionários brasileiros residentes em várias partes do mundo pertencentes a diferentes agencias missionárias, igrejas e denominações evangélicas/protestantes responderam questionários estruturados IM (Inventário Ministerial), SRQ-20 (Self-Report Psychiatric Screening Questionnaire), BDI-II (Beck Depression Inventory), IDATE Traço-Estado (Inventory of State-Trait Anxiety), MBI (Maslach BurnoutInventory), SF-36 (Medical e CRE-Breve (Escala de CopingReligioso/Espiritual Breve). Resultados: As frequências absolutas e relativas encontradas para desenvolvimento de sintomas de Transtorno Mental Comum foram: 29,4%, Transtorno de Depressão 22,3%, Transtorno de Ansiedade 35,5%, Síndrome de Burnout16,5, Desengajado 24,5%; Esgotado 0,9%; Ineficaz 28,7% e Engajado 29,4%. Os fatores de risco mais significativos associados ao adoecimento desta população para TMC foram: sexo feminino (84,4%), Casados (50%), Não ordenado pastor (84,4%), Formação missiológica(32,3%), Tempo de missões entre 21 e 30 anos (31,3%), Sobre peso (40,6%), Sedentários (77,1%), sem diagnostico prévio de depressão (51,0%), Sem diagnóstico prévio de Transtornos Psiquiátricos (88,5%). Os resultados mais significativos foram replicados em regressão logística para a associação com o sexo feminino, RC multivariada: 6,7 (IC 95%: 3,65-12,33), sem relação estável, RC multivariada: 1,6 (IC 95%: 1,16-2,25), os não ordenados pastores RC multivariada: 3,4 (IC 95%: 1,9-6,3), os sedentários, RC multivariada: 2,6 (IC 95%: 1,7-3,94), sem diagnostico prévio de depressão, RC multivariada: 1,8 (IC 95%: 1,3-2,5), sem diagnostico prévio de Transtorno Psiquiátricos RC multivariada: 2,2 (IC 95%: 1,5-3,3), com histórico de depressão na família, RC multivariada: 1,5 (IC 95%: 1,0-2,1). Conclusão: Encontrou-se altas frequências de sintomas de TMC, TD, TA e SB entre os missionários revelando que esta população faz parte do grupo de risco para o desenvolvimento de transtornos psiquiátricos. Entretanto, confirmou-se por meio do CopingReligioso que quanto menor o CRE -Negativo, menor a possibilidade de desenvolver transtornos mentais e quanto maior for o CRE -Positivo, maior fator protetivo contra a incidência de transtornos mentais é desenvolvido
Título em inglês
The prevalence of symptoms of psychiatric disorders in Brazilian cross cultural evangelical/protestant missionaries
Palavras-chave em inglês
Anxiety
Burnout syndrome
Cross-cultural missionaries
Depression
Mental disorders
Quality of life
Religious Coping
Religious missions
Signals and symptoms
Spirituality
Resumo em inglês
Background: Some studies have identified religious clergy in general as part of the risk group for the development of Psychiatric Disorders, in particular Common Mental Disorder, Depressive Disorder, Anxiety Disorder and Burnout Syndrome. There also appears to be a positive association between spirituality and mental health. Among the ecclesiastical groups studied, little was researched about cross-culture missionaries. Objective: To investigate the prevalence of symptoms of psychiatric disorders and their relationship with spirituality in Brazilian cross-cultural missionaries. Method:327 Brazilian missionaries living in various parts of the world, and belonging to different missionary agencies, churches and evangelical/protestant denominations, answered the structured questionnaires: MI (Ministerial Inventory), SRQ-20 (Self-Report Psychiatric Screening Questionnaire), BDI-II (Beck Depression Inventory II), STAI (T-S) State-Trait Anxiety Inventory, MBI (Maslach Burnout Inventory), SF-36 (Medical Outcomes Study 36 -Item ShortForm Health Survey)and Brief RCOPE(Brief Religious/Spiritual CopingScale).Results: The absolute and relative frequencies found to develop symptoms of Common Mental Disorder were 29.4%; Depression Disorder 22.3%; Anxiety Disorder 35.5%; Burnout Syndrome 16.5; Disengaged 24.5 %; Over Extended 0.9%; Ineffective 28.7%; and Engaged 29.4%. The most significant risk factors associated with the disease in this population were female sex (84.4%), married status (50%), non-ordained pastor (84.4%), only missional formation (32.3%), time of missions between 21 and 30 years (31.3%), Overweight (40.6%), Sedentary lifestyle (77.1%), No previous diagnosis of depression (51.0%), No previous diagnosis of psychiatric disorders (88.5%). The most significant results were replicatedin our logistic regression, for the association between Common Metal Disorder among the [female population multivariate OR: 6.7 (95% CI: 3.65-12.33), and for without stable relationship, multivariate OR: 1.6 (95% CI: 1.16-2.25), for the non-ordained pastor multivariate OR: 3.4 (95% CI: 1.9-6.3), for sedentary lifestyle, multivariate OR: 2.6 (95% CI: 1.7-3.94), for with no previous diagnosis of depression, multivariate OR: 1.8 (95% CI: 1.3-2.5), for with no previous diagnosis of psychiatric disorder, Multivariate OR: 2.2 (95% CI: 1.5-3.3) and for with a history of family depression, multivariate OR: 1.5 (95% CI: 1.0-2.1)].Conclusion: High frequencies of symptoms of Common Mental Disorder, Depressive Disorder, Anxiety Disorder and Burnout Syndrome were foundamong the missionaries revealing that this population is part of the risk group for the development of psychiatric disorders. However, it was confirmed by Religious CopingScale that the lower the Negative Spiritual/Religious Copingis, the lower the possibility of developing mental disorders, and the higher the Positive Spiritual/Religious Copingis, the greater protective factor against the incidence of mental disorders is developed
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
AbnerMorilha.pdf (14.16 Mbytes)
Data de Publicação
2020-01-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.