• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Mémoire de Maîtrise
DOI
10.11606/D.5.2010.tde-31052010-164041
Document
Auteur
Nom complet
Patricia Cordeiro Vicente
Adresse Mail
Unité de l'USP
Domain de Connaissance
Date de Soutenance
Editeur
São Paulo, 2009
Directeur
Jury
Lopes, Marco Antonio Borges (Président)
Carvalho, Mário Henrique Burlacchini de
Peraçoli, José Carlos
Titre en portugais
Estudo comparativo do comportamento pressórico em gestantes normotensas antes e após exercício aeróbico realizado no solo e em imersão
Mots-clés en portugais
Exercício
Freqüência cardíaca
Gravidez
Imersão
Pressão arterial
Resumé en portugais
INTRODUÇÃO: O exercício em imersão durante a gravidez é pouco estudado na literatura. Os poucos trabalhos sobre o tema têm metodologia variada e utilizam dados não atuais sobre o comportamento pressórico em imersão. Outrossim, os estudos não contemplam a resposta pressórica nos vários momentos que implicam mudanças na homeostase, tais como no instante de entrada na piscina e da interrupção do exercício, condição que sabidamente induz modificações fisiológicas importantes, as quais, uma vez mapeadas, fornecem subsídios clínicos importantes para o manejo da atividade física em imersão na gravidez. OBJETIVOS: O presente estudo teve como objetivos avaliar e comparar a pressão arterial (PA), a frequência cardíaca (FC) e a percepção subjetiva de esforço (PSE) de gestantes normotensas, em momentos específicos: antes e após exercício aeróbico em solo e imersão. MÉTODO: Foi realizado ensaio clínico randomizado com 29 gestantes normotensas, acompanhadas no pré-natal de baixo risco da Clínica Obstétrica do Hospital das Clínicas da FMUSP, no período entre novembro de 2007 a março de 2009. As pacientes foram submetidas a sessões de 15 minutos de caminhada, em esteira tradicional em solo e esteira em imersão, obedecendo à randomização das sessões entre as participantes. Dados sobre PA, FC e PSE foram coletados em momentos determinados: pré-exercício, repouso ortostático em esteira, durante a sessão, imediatamente na interrupção do exercício e no período pós-exercício, seguindo o mesmo protocolo em ambos os ambientes. RESULTADOS: Verificou-se redução estatisticamente significativa em imersão da Pressão Arterial Sistólica (PAS) a partir da entrada na piscina até 1° minuto, após interrupção do exercício (p<0,001) e no 3º minuto pósexercício, ainda em imersão (p=0,001). A Pressão Arterial Diastólica (PAD) também sofreu redução significativa em imersão, a partir da interrupção do exercício até o 3º minuto pós-exercício, ainda em imersão (p<0,001). O comportamento da FC se mostrou atenuado, em imersão, nos primeiros cinco minutos de exercício (p=0,019) e, também, nos dez minutos finais de caminhada e no 1º minuto de repouso pós-exercício (p<0,001). A PSE demonstrou sofrer influência da imersão com diferença significativa entre solo e imersão em todos os momentos (p=0,003). CONCLUSÕES: Gestantes normotensas apresentam resposta de elevação em imersão de PA, FC e PSE, porém em patamar inferior do verificado em solo, sendo uma opção importante para controle de pressão arterial durante exercício.
Titre en anglais
Comparative study of blood pressure behavior in normotensive pregnant women before and after aerobic exercise on land and during immersion
Mots-clés en anglais
Blood pressure
Exercise
Heart rate
Immersion
Pregnancy
Resumé en anglais
INTRODUCTION: Literature data regarding immersion exercise during pregnancy are scarce, with the few studies available using different methods and non-updated data on blood pressure behavior during immersion. Moreover, the studies do not investigate the blood pressure response at the various time points that implicate changes in cardiovascular homeostasis, such as when entering the pool and at exercise interruption, a condition known to induce important physiological modifications. Once identified, these changes provide important clinical evidence for the management of immersion exercise during pregnancy. OBJECTIVES: To evaluate and compare blood pressure (BP), heart rate (HR) and rate of perceived exertion (RPE) in normotensive pregnant women before and after aerobic exercise performed on land and during immersion. METHODS: A randomized clinical trial was conducted on 29 normotensive pregnant women receiving low-risk prenatal care at the Obstetrics Clinic of the University Hospital, FMUSP, between November 2007 and March 2009. The patients underwent 15-min sessions of walking on a traditional treadmill on land and in water according to the randomization of the sessions to the participants. BP, HR and RPE were collected before exercise, during orthostatic rest on the treadmill, during the session, immediately after exercise interruption, and post-exercise. The same protocol was used for the two environments. RESULTS: Patients submitted to immersion exercise presented a significant reduction in systolic blood pressure between entering the pool and the first minute after exercise interruption (p<0.001) and in the third minute post-exercise still during immersion (p=0.001). Diastolic blood pressure was also significantly reduced during immersion from the interruption of exercise to the third minute post-exercise still during immersion (p<0.001). HR was attenuated during the first 5 minutes of immersion exercise (p=0.019) and also during the final 10 minutes of walking and the first minute of post-exercise rest (p<0.001). The RPE was influenced by immersion, with a significant difference between land and immersion exercise at all time points (p=0.003). CONCLUSIONS: Normotensive pregnant women present elevated BP, HR and RPE during immersion exercise but at a level lower than that observed on land. Water immersion might be an important option for the control of cardiovascular overload during exercise.
 
AVERTISSEMENT - Regarde ce document est soumise à votre acceptation des conditions d'utilisation suivantes:
Ce document est uniquement à des fins privées pour la recherche et l'enseignement. Reproduction à des fins commerciales est interdite. Cette droits couvrent l'ensemble des données sur ce document ainsi que son contenu. Toute utilisation ou de copie de ce document, en totalité ou en partie, doit inclure le nom de l'auteur.
Date de Publication
2010-05-31
 
AVERTISSEMENT: Apprenez ce que sont des œvres dérivées cliquant ici.
Tous droits de la thèse/dissertation appartiennent aux auteurs
Centro de Informática de São Carlos
Bibliothèque Numérique de Thèses et Mémoires de l'USP. Copyright © 2001-2022. Tous droits réservés.