• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Doctoral Thesis
DOI
10.11606/T.5.2005.tde-09102014-120009
Document
Author
Full name
Márcia Silva Queiroz
E-mail
Institute/School/College
Knowledge Area
Date of Defense
Published
São Paulo, 2005
Supervisor
Committee
Giannella Neto, Daniel (President)
Camargo, Rosalinda Yossie Asato de
Kimura, Edna Teruko
Giannella, Maria Lucia Cardillo Correa
Maciel, Rui Monteiro de Barros
Title in Portuguese
Efeito do hormônio tireoidiano sobre a expressão do RNAm da proteína desacopladora de prótons 3 (UCP3) em miocárdio e músculo esquelético de ratos
Keywords in Portuguese
Hormônios da tireoide/farmacocinética
Hormônios da tireoide/metabolismo
Miocárdio/efeitos de drogas
Modelos animais de doenças
Ratos
RNA mensageiro/efeitos de drogas
Abstract in Portuguese
INTRODUÇÃO: As proteínas desacopladoras de prótons (UCPs: uncoupling proteins) pertencem à família dos transportadores mitocondriais H+/ácidos graxos e têm distribuição diferenciada nos tecidos. Sabe-se que a UCP1 é responsável pela termogênese, mas o exato papel fisiológico da UCP2 e UCP3 ainda não está completamente estabelecido. Os hormônios tireoideanos (T3 e T4) estimulam a expressão da UCP3 em músculo cardíaco e esquelético, no entanto o mecanismo pelo qual exercem esse efeito não é conhecido. Este projeto visa avaliar se as alterações na expressão gênica da UCP3 são relacionadas a efeito primário do T3 ou são secundárias à estimulação do sistema renina-angiotensina ou do sistema ?-adrenérgico. MÉTODOS: Para a realização do estudo, criou-se um modelo animal de hipertireodismo, em ratos machos Sprague-Dawley, através da 3 administrações de 100 ?g/100 g peso corpóreo de LT3, em dias alternados, associado ou não à captopril (1 mg/100 g de peso corpóreo), ?-bloqueador propranolol (1 mg/100g de peso corpóreo) ou ?2-agonista clenbuterol (0,04 mg/100 g de peso corpóreo). A expressão do mRNA da UCP3 foi semi-quantitativamente determinada por Northern blot em amostras de músculo ventricular cardíaco e músculo esquelético (gastrocnemius e soleus). A expressão da proteína UCP3 foi avaliada por Western blot em músculo esquelético (quadríceps). Os resultados foram expressos em unidades arbitrárias de densitometria óptica. RESULTADOS: O tratamento com LT3 resultou em aumento estatisticamente significativo do conteúdo de mRNA da UCP3 em miocárdio (~3 vezes) e músculo esquelético (~8 vezes) (p<0,05) e esse efeito não foi alterado por nenhuma das medicações usadas concomitantemente. Não houve efeito sinergístico ou aditivo sobre a expressão do mRNA da UCP3 quando o LT3 foi administrado conjuntamente ao ?2-agonista. O aumento na quantidade de mRNA da UCP3, em músculo esquelético, foi associado à aumento na expressão da proteína UCP3. CONCLUSÃO: O efeito do LT3 sobre a expressão da UCP3, nos tecidos analisados, não são dependentes da angiotensina II, nem do sistema ?-adrenérgico, provavelmente refletindo uma ação direta do LT3 sobre a expressão do gene UCP3
Title in English
Effect of thyroid hormone on UCP-3 mRNA expression in rat heart and skeletal muscle
Keywords in English
Disease models animal
Myocardium/drugs effects
Rats
RNA messenger/drugs effects
Thyroid hormone/drugs effects
Thyroid hormones/pharmacokinetics
Abstract in English
Thyroid hormones (T3 and T4) stimulate UCP-3 expression in skeletal muscle. Here, we examined whether thyroid hormone-induced changes in UCP-3 mRNA expression are related to directs effects of T3 or reflect secondary effects of the hormone through stimulation of renin-angiotensin or ?-adrenergic systems. Hyperthyroidism was produced by three injections of 100 ?g T3/100 g body weight on alternate days with or without concomitant treatment with either captopril (an ACE inhibitor), propranolol (a ?-blocker) or clenbuterol (a ?2-agonist). The relative abundance of UCP-3 mRNA was measured in ventricular myocardium and skeletal muscle (gastrocnemius and soleus). T3 resulted in a significant increase in the relative abundance of UCP-3 in heart and skeletal muscle (P < 0.05), and the effect was not altered by captopril or propanolol; the inhibitors alone had no effect of UCP-3 mRNA content. There was no synergistic or additive effect of T3 and clenbuterol on UCP-3 mRNA expression in skeletal muscle. Increased UCP-3 mRNA levels were associated with increased UCP-3 protein expression in skeletal muscle. We conclude that the effect of T3 on UCP-3 expression in cardiac and skeletal muscle is not dependent on either angiotensin II or the ?-adrenergic system and probably reflects a direct action of the hormone on UCP-3 gene expression
 
WARNING - Viewing this document is conditioned on your acceptance of the following terms of use:
This document is only for private use for research and teaching activities. Reproduction for commercial use is forbidden. This rights cover the whole data about this document as well as its contents. Any uses or copies of this document in whole or in part must include the author's name.
MarciaSilvaQueiroz.pdf (490.81 Kbytes)
Publishing Date
2014-10-09
 
WARNING: Learn what derived works are clicking here.
All rights of the thesis/dissertation are from the authors
Centro de Informática de São Carlos
Digital Library of Theses and Dissertations of USP. Copyright © 2001-2021. All rights reserved.