• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2016.tde-08092016-150358
Documento
Autor
Nome completo
Tainah Drumond de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Correa, Benedito (Presidente)
Ishida, Kelly
Taborda, Carlos Pelleschi
Título em português
Biocontrole para fungos e micotoxinas em milho no campo
Palavras-chave em português
Agente de controle biológico
Aspergillus flavus
Contaminação de alimentos
Fungi
Micotoxinas
Zea mays
Resumo em português
Os grãos de milho são expostos, no campo e no armazenamento, à ação de fatores físicos, químicos e biológicos, que interagem entre si, favorecendo a contaminação fúngica, principalmente pelos gêneros Aspergillus, Fusarium e Penicilllium, considerados os mais importantes do ponto de vista toxigênico. O presente trabalho teve como principal objetivo investigar a eficácia do agente de biocontrole Afla-guard® no controle de fungos e de micotoxinas em grãos de milho, no campo, em diferentes estágios de maturidade da planta cultivada no município de Cássia dos Coqueiros, Estado de São Paulo. Visou, também, como objetivos adicionais, a determinação da atividade de água das amostras de milho, a pesquisa de fungos do ar, do solo e do milho, e a influência dos fatores climatológicos (temperatura e precipitação pluvial), no crescimento fúngico e na produção de micotoxinas. A micobiota do milho foi determinada pela técnica da semeadura direta utilizando meio de Ágar Dicloran Rosa Bengala Cloranfenicol (DRBC) e a determinação de micotoxinas por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência. A identificação dos fungos foi realizada utilizando metodologia clássica (morfológica) e molecular (sequenciamento do DNA ribossomal). Nas amostras de milho, constatou-se a predominância de Fusarium verticillioides, em todas as coletas. Entretanto, a presença de Aspergillus flavus foi detectada, nas áreas tratadas com produto, a partir da 4ª coleta. No ar atmosférico, os fungos mais frequentes foram: Cladosporium spp., Trichoderma spp. e Fusarium solani. A. flavus foi isolado, principalmente, na 3ª coleta, do tratamento. No solo, os gêneros Penicillium, Trichoderma e Rhizopus foram os mais isolados em todas as coletas. A. flavus foi isolado a partir da 3ª coleta, somente nas áreas tratadas. Das amostras analisadas, a presença de fumonisinas foi detectada em 33,3 % das amostras tratadas com o agente de biocontrole e em 66,6% das amostras do grupo controle (não tratadas). Em relação às aflatoxinas, a presença da toxina foi detectada em apenas 2 amostras (1 tratamento e 1 controle) na 4ª coleta. Quanto à análise do potencial aflatoxigênico determinado, encontramos em 4 dos 13 isolados de A. flavus, aflatoxinas B1 e B2. Os demais isolados não foram potencialmente produtores, podendo ser, portanto, oriundos do Afla-guard®. Já em relação à temperatura, 26 °C foi a média encontrada e 6,3 mm foi a média detectada em relação à precipitação pluvial. Embora não tenha apresentado resultados estatisticamente significativos, o emprego do agente de biocontrole foi relevante no que diz respeito a diminuição da contaminação por Fusarium verticillioides e fumonisinas. Entretanto, outros estudos são necessários para uma melhor avaliação do produto
Título em inglês
Biocontrol for fungi and mycotoxins in maize in field
Palavras-chave em inglês
Aspergillus flavus
Biological control agent
Food contamination
Fungi
Mycotoxins
Zea mays
Resumo em inglês
Maize grains are exposed, in the field and in storage, the action of physical, chemical and biological agents that interact with each other, encouraging fungal contamination, mainly by Aspergillus, Fusarium and Penicillium, considered the most important from the point of view toxigenic. This study aimed to investigate the effectiveness of Afla-guard® biocontrol agent in control of fungi and mycotoxins in corn grain in the field, at different stages of maturity of the plant cultivated in the city of Cassia dos Coqueiros, state São Paulo. Aimed also as additional objectives, determining the water activity of the maize samples, the research air fungi, soil and maize, and the influence of climatic factors (temperature and rainfall) in fungal growth and mycotoxin production. The mycobiota maize was determined by the technique of direct seeding using means of Dichloran Rose Bengal Chloramphenicol Agar (DRBC) and the determination of mycotoxins by high-performance liquid chromatography. The identification of fungi was carried out using classical methods (morphological) and molecular (sequencing of ribosomal DNA). In samples of maize, there was a predominance of Fusarium verticillioides in all samplings. However, the presence of Aspergillus flavus was detected in the areas treated with product samplings from the 4th. In atmospheric air, the most common molds were Cladosporium spp, Trichoderma spp.. Fusarium solani and. A. flavus was isolated mainly in 3rd samplings, treatment. On the ground, Penicillium, Trichoderma and Rhizopus were the most isolated in all samples. A. flavus was isolated from the 3rd collects only in the treated areas. Of the samples tested, the presence of fumonisin was detected in 33.3% of the samples treated with the biocontrol agent and 66.6% of the control group samples (untreated). Regarding the aflatoxins, the presence of the toxin was detected in just 2 samples (1 treatment and 1 control) in 4th collect. The analysis of the potential aflatoxigenic, found in 4 of 13 isolates of A. flavus, aflatoxins B1 and B2. The remaining isolates were not potentially producers and can therefore be derived from the Afla-guard®. Regarding the temperature 26 ° C was found to average 6.3 mm and the average was detected in relation to rainfall. Although not shown statistically significant results, the use of biocontrol agent is relevant as regards the reduction of contamination by Fusarium verticillioides and fumonisins. However, other studies are needed to better evaluate the product
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-09-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.