• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.48.2017.tde-30032017-161341
Documento
Autor
Nombre completo
Maria Emilia de Lima
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2015
Director
Tribunal
Neira, Marcos Garcia (Presidente)
Carvalho, Celso do Prado Ferraz de
Pinazza, Monica Appezzato
Santos, Wagner dos
Souza Neto, Samuel de
Título en portugués
Entre fios, "nós" e entrelaçamentos: a arte de tecer o currículo cultural de educação física
Palabras clave en portugués
Cultura
Currículo
Educação física
Formação de professores
Resumen en portugués
A velocidade em que os conhecimentos são produzidos e disseminados, ultrapassando limites e barreiras, tem levado a um cenário de permanente mutação do mundo. É possível identificar, de modo generalizado, a influência das forças neoliberais nas reorientações no campo da educação e do currículo. No Brasil, o movimento de ajustes se deu no sentido de colocar as prioridades políticas de costas para o social e de frente para o mercado internacional. Tal posicionamento gerou um discurso de necessidade de reestruturação do sistema educativo. Na política educacional do município de São Paulo, ao longo dos anos, identificamos diferentes diretrizes curriculares e distintas formas de conceber o papel dos educadores. Em cada gestão, os professores foram re-trabalhados com vistas não só à implantação de um novo currículo como também para a mudança em suas subjetividades. Nos anos de 2006 e 2007, o Referencial de expectativas para o desenvolvimento da competência leitora e escritora e as Orientações curriculares e proposição de expectativas de aprendizagem instituíram na Secretaria Municipal de Educação o currículo cultural de Educação Física. Buscando êxito na sua implementação, foi definida uma política de formação de professores pautada em pressupostos teórico-metodológicos consonantes com estes documentos. Em meio a um emaranhado de textos e discursos, situamos o professor como responsável pelo desenvolvimento do currículo na escola. Considerando por um lado que a política de formação não atendeu à totalidade dos educadores e, por outro, a falta de dados que apontam seus efeitos, investigamos o currículo em ação. Tomamos por objetivo analisar como um professor de Educação Física que participou dos cursos de formação oferecidos pela Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, no período de 2006 a 2013, significou sua prática pedagógica. Optamos por um enfoque qualitativo para realizar uma etnografia das aulas de Educação Física de uma escola pública. A observação, a entrevista e o método projetivo foram empregados para a produção dos dados. A ênfase percebida na aprendizagem de aspectos motores, secundarizando os sociais e culturais, indicia a incorporação de concepções acessadas pelo docente durante a formação inicial. Também foi possível identificar o processo de recontextualização mediante uma abordagem superficial para desconstruir discursos que permeiam as práticas corporais. Todavia, a produção curricular no contexto da escola deu-se em grande medida pelo entrelaçamento de sentidos/significados. Alinhado aos pressupostos do currículo cultural de Educação Física e à política municipal de formação contínua, o educador estabeleceu um diálogo profícuo entre o repertório dos alunos e as representações de outros grupos sociais. A análise dos dados evidenciou que o professor produziu o currículo de Educação Física a partir dos processos de incorporação, recontextualização e negociação de significados. Com base no estudo realizado e a guisa de proposição, somos favoráveis a uma política de formação articulada com o currículo em ação, de modo que o contexto da prática pedagógica possa emanar temas para serem estudados e debatidos nas ações de formação contínua. Que esta por sua vez, ao se reorganizar a partir do fazer/tecer dos professores, possa oferecer elementos para mudanças nas políticas educacionais.
Título en inglés
Between threads, "knots" and interlacings: the art of weaving the cultural curriculum of physical education
Palabras clave en inglés
Culture
Curriculum
Physical education
Teacher training
Resumen en inglés
The speed at which knowledge is produced and disseminated, surpassing limits and barriers has led to a scenario of constantly mutation in the world. It is possible to identify, in a generalized way, the influence of neoliberal forces in reorientation of education and curriculum field. In Brazil, the adjustments took place in order to turn their back to social priorities electing the international market. This position generated a discourse in order to structure the education system. In Educational policy of São Paulo, over the years, we have identified different curriculum guidelines and distinct ways of conceiving the role of educators. In each administration, the teachers were "re-trained" with a view not only to the implementation of a "new" curriculum as well as the change in their subjectivities. In 2006 and 2007, the expectations of the references for the development of reading and writing competences, deliberation or learning expectation and curriculum guidelines set up the Physical Education Cultural Curriculum in the Educational County. Seeking success in its implementation, it was defined a teacher training policy based on theoretical and methodological assumptions in line with these documents. Among a tangle of texts and speeches, we position the teacher as responsible for the curriculum development at school. Considering on the one hand that the training policy did not respond to all the educators and, on the other, the lack of data showing its effects, we investigated the curriculum in action. We took to analyze as a Physical Education teacher who attended the training courses offered by the Secretary of Education of São Paulo, in the 2006-2013 period, meant to their pedagogical practice. We opted for a qualitative approach to conduct an ethnography of Physical Education lessons in a public school. The observation, interview and the projective method were used for compiling the data. The perceived emphasis on learning motor aspects, subordinating social and cultural, indicates the incorporation of concepts accessed by the teacher during the initial training. It was also possible to identify the process of recontextualization through a superficial approach to deconstruct discourses that permeate the body practices. However, the production curriculum in the school context gave up largely by the intertwining of senses / meanings. Aligned with the assumptions of the Physical Education Cultural curriculum and the county training policy, the teacher has established a fruitful dialogue between the repertoire of students and representatives of other social groups. Data analysis showed that the teacher produced the Physical Education curriculum from the process of incorporation, re-contextualization and negotiation of meanings. Based on the study and the proposition guise, we are in favor of a coordinated training policy with the curriculum in action, so that the context of the pedagogic practice may emanate themes to be studied and debated in the actions of continuing education. This in turn, to reorganize from the making / weaving of teachers, can offer elements for changes in education policies.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2017-04-03
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.