• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2017.tde-16032017-160038
Documento
Autor
Nome completo
Fernando de Carvalho Lopes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Almeida, Rogério de (Presidente)
Cavinato, Andréa Aparecida
Santos, Marcos Ferreira dos
Título em português
Pintura e alquimia: práticas de ateliê e laboratório na arte-educação
Palavras-chave em português
Alquimia
Arte-educação
Educação de sensibilidade
Itinerário de formação
Pintura
Resumo em português
Trataremos de estabelecer os pontos de relação e contato entre as práticas da pintura medieval e a operatória alquímica, ou, noutras palavras, a relação entre o ateliê e o laboratório alquímico. Investigaremos cuidadosamente algumas receitas para produção de pigmentos presente em manuais de ateliê e técnicas de pintura, situados entre os séculos IX e XVI, procurando indicar como variadas substâncias e ingredientes foram igualmente empregados e manipulados por pintores e alquimistas em busca de perscrutarem os segredos da matéria e realizarem suas Obras. Em um segundo momento, procuraremos explicitar a maneira como pintores e alquimistas se relacionavam com seus ingredientes e operações. Desamparados de conhecimentos cientificamente complexos e sem possuírem sofisticados instrumentos de medição, estes artífices exploraram inúmeras substâncias e realizaram suas obras contando apenas com seus cincos sentido corpóreos tato, paladar, olfato, visão e audição. É, pois, essa dimensão corpórea e sensível que garantirá uma longa série de profundos e sutis conhecimentos sobre as substâncias trabalhadas por esses artífices, e que nos permitirá refletir sobre a dimensão da Arte-Educação. Assim, orientados por uma compreensão fenomenológica, indicaremos como as práticas de ateliê e do laboratório alquímico configuram-se como itinerários de formação que possibilitam a realização e refinamento de uma Educação de Sensibilidade.
Título em inglês
Painting and alchemy: practices workshop and laboratory in art education
Palavras-chave em inglês
Alchemy
Art-education
Education of the sensitivity
Learning itinerary (training routes)
Painting
Resumo em inglês
In a way to establish the touching points and the relationship between the medieval painting practices and alchemical operationd, or, in other words, the relationship between the artistc studio and the alchemical laboratory, it will be carefully investigate some recipes for pigments production in studio manuals and painting techniques located between the ninth and sixteenth centuries, seeking to show how painters and alchemists used and manipulated various substances and ingredients while tryed to unraveld the secrets of matter and perform their Works. Secondly, it will be explained how painters and alchemists were related to their ingredients and operations. Destitute of complex scientifically knowledge and without having sophisticated measuring instruments, these craftsmen explore numerous substances and performed their works with only the five tangible sense - touch, taste, smell, sight and hearing. Therefore, this body and sensitive dimension that will ensure a long series of deep and subtle knowledge of the substances worked by these artificies, it will allow us to reflect on the extent of Art Education. Therefore, guided by a phenomenological understanding, it will indicate how the studio practices and alchemical laboratory are configured as learning itinerary (training route) that enable the performance and refinement of the Education of the sensitivity.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-03-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.