• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.48.2020.tde-09112020-171234
Documento
Autor
Nome completo
Fernando de Carvalho Lopes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Almeida, Rogério de (Presidente)
Oliveira, Juliana Michelli da Silva
Oliveira, Louis José Pacheco de
Santos, Marcos Ferreira dos
Umeda, Guilherme Mirage
Título em português
A grafia luminosa do tempo decomposto: ensaio sobre o imaginário das ruínas e dos objetos abandonados
Palavras-chave em português
Abandono e experiência
Devaneio material
Fenomenologia
Fotografia
Poesia
Ruínas
Resumo em português
Devanear, fotografar e poetizar Ruínas e Objetos abandonados e destroçados, eis o objetivo deste trabalho que se constitui como uma pesquisa de antropologia visual, pois pautada no registro expressivo-imagético e poético do abandono e do arruinamento. Expor imagens fotográficas e poemas haicai conjugados a um texto de teor ensaístico, é a tentativa de materializar a experiência radical de adentrar esses espaços preteridos e arruinados, como partilha da força e o choque que se vivencia nas entranhas destes loci misterioso e fascinante; é a tentativa de explicitar como estas edificações e objetos baldios que habitam discretamente nossa geografia existencial e urbana são muito mais do que simples restos e rejeitos, podendo revelar em profundidade sua potência de território de ruptura, de limiar, de mistério e fascínio, de caos e cosmos, de poesia e de prosaico, de natural e artificial, de grotesco e arabesco, de terror e coragem, de vida e morte, de trágico e ilusão, de drama e redenção; é a tentativa de, pela via do devaneio material, da fenomenologia compreensiva e da razão sensível tornar a experiência do arruinamento um canto fotográfico, poético e ensaístico capaz de expressar a ausência, a morte, a vida, o renascimento, a aventura, a perda, o medo e a angústia existencial encarnada no abandono e na destruição da Ruína e dos seus objetos rejeitados.
Título em inglês
The Light Spelling of Decomposed Time: Essay on the Imagination of Ruins and Abandoned Objects
Palavras-chave em inglês
Abandonment and experience
Material daydream
Phenomenology
Photography
Poetry
Ruins
Resumo em inglês
Daydreaming, Photographing and Poetizing Ruins and Abandoned and Shattered Objects is the objective of this work, which constitutes a research of visual anthropology, based on the expressive-imagetic and poetic record of abandonment and ruin. Exposing photographic images and haiku poems combined with a text of essayistic content is the attempt to materialize the radical experience of entering these deprecated and ruined spaces, as sharing the force and the shock that is experienced in the bowels of these mysterious and fascinating loci; It is the attempt to explain how these buildings and wastelands that discreetly inhabit our existential and urban geography are much more than mere remains and rejects, and can reveal in depth their power of territory of rupture, threshold, mystery and fascination, chaos. and cosmos, poetry and prosaic, natural and artificial, grotesque and arabesque, terror and courage, life and death, tragic and illusion, drama and redemption; is the attempt, through material reverie, understanding phenomenology, and sensible reason, to make the experience of ruin a photographic, poetic, and essayistic chant capable of expressing absence, death, life, rebirth, adventure, loss, the fear and existential anguish embodied in the abandonment and destruction of the Ruin and its rejected objects.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-11-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2023. Todos os direitos reservados.