• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Maria Lucia Morrone
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1997
Orientador
Banca examinadora
Sousa, Cynthia Pereira de (Presidente)
Catani, Afranio Mendes
Franco, Marilia da Silva
Título em português
Cinema e educação (1920-1945): a participação da "imagem em movimento" nas diretrizes da educação nacional e nas práticas pedagógicas escolares
Palavras-chave em português
Cinema - educação
Cinema e educação
Cinema e práticas pedagógicas
Igreja - estado
Resumo em português
Esta dissertação tem por objetivo analisar a origem e os fundamentos históricos dos movimentos em defesa da utilização de recursos audiovisuais na educação. A partir do contexto histórico-cultural em que se situa o sistema educacional brasileiro, procura-se resgatar no período compreendido entre 1920 a 1940, a história dos projetos educacionais que buscavam integrar os meios de comunicação e a educação.. Nesse período surgiram as primeiras teorias e discursos favoráveis ao emprego do rádio e do cinema na política educacional brasileira. O cinema emergiu como objeto de importância fundamental nesta pesquisa porque, enquanto imagem-movimento ou projeção animada (SERRANO, Jonathas & VENÂNCIO FILHO, 1930), foi motivo de amplas discussões por parte dos escolanovistas, na primeira metade do século XX, que enfatizavam a sua eficiente contribuição no processo ensino-aprendizagem e na formação da mentalidade no contexto educacional. Por outro lado, sob o ponto de vista da Igreja Católica e do Estado Novo tal aparelho ideológico de informação (ALTHUSSER, Louis, s.d.), poderia difundir a ideologia de reconstrução social e nacional. Esta pesquisa foi direcionada por uma concepção de totalidade, buscando-se compreender a construção histórica das relações Cinema/Educação/Igreja/Estado. A periodização (1920-1945) se justifica porque nessa época, foram encontrados os primeiros debates e críticas a respeito do mau uso do cinema e paralelamente o surgimento da necessidade de se aplicar a cinematografia à educação e consequentemente nas práticas pedagógicas escolares, tendo em vista a veiculação do processo de disciplinarização, moralização, higienização da sociedade, especialmente da juventude, bem como a efetivação do projeto de reconstrução nacional, voltado para a formação de uma coletividade histórica e para a consolidação do nacionalismo.
Título em inglês
The participation of the "moving image" in the guidelines of the National Education and school pedagogical practices
Palavras-chave em inglês
Church - state
Movie - education
Movie and education
Movie and teaching practices
Resumo em inglês
This thesis aims to analyze the origin and historical background of the movements in defense of the use of audiovisual resources in education. From the historical and cultural context in which lies the Brazilian educational system, seeks to rescue the period 1920-1940, the history of educational projects seeking to integrate the media and education. During this period, the first two theories and speeches in favor of the use of radio and film in Brazilian educational policy. The film emerged as crucial object in this research because, while "movement-image" or "animated projection" (SERRANO, Jonathas & SON VENÂNCIO, 1930), was subject of extensive discussions by the New School in the first half of the twentieth century which emphasized its efficient contribution to the teaching-learning process and the formation of mentality in the educational context. On the other hand, from the point of view of the Catholic Church and the New State such "ideological apparatus of information" (Althusser, Louis, s.d.) could spread the ideology of social and national reconstruction. This research was directed by a totality of design, seeking to understand the historical construction of relations Movie/ Education / Church / State. The periodization (1920-1945) is justified because this time, the first debate and criticism about the "misuse of cinema" were found in parallel the emergence of the need to apply the cinematography education and consequently in teaching practices, and a view to serving the process of "disciplining", "moralizing", "sanitization" of society, especially the youth, as well as the realization of the national reconstruction project, aimed at the formation of a historical society and the consolidation of nationalism.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-09-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.