• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.47.2020.tde-14022020-110135
Documento
Autor
Nome completo
Margareth Yuri Takeuchi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Ferreira, Francisco Rômulo Monte (Presidente)
Muniz, Marcelo
Brito, Ana Paula Oliveira Pereira de Morais
Costa, Marcelo Fernandes da
Prestes, Maria Elice de Brzezinski
Queiroz, Francisco Assis de
Título em português
Sobre a centralidade do sistema nervoso nos organismos e a formação da etologia no final do século XIX
Palavras-chave em português
Comportamento animal
Evolução
História da ciência
História da etologia
História da neurociência
Resumo em português
Como uma contribuição para a história do pensamento científico e, especificamente, para a epistemologia da Etologia e da Neurociência, esta pesquisa buscou identificar historicamente o processo de constituição da Etologia a partir do final do século XIX quando foi formulada a ideia de que padrões de comportamento característicos das espécies dos seres vivos (como, por exemplo, os movimentos durante a corte no período de acasalamento), permitiam sua utilização com específico valor taxonômico para a classificação dos seres vivos, que até então se limitava a utilização de padrões de características anatômicas. Esse processo de busca procura resgatar as origens históricas e avaliar o quanto do processo de formação dos conceitos da Etologia está relacionado com o da Neurociência, destacando a tarefa de reconstrução do conhecimento a partir da análise dos acontecimentos nessas duas áreas. O processo de formação da Neurociência está ligado à constituição da teoria (ou doutrina) neuronal, comumente associada ao nome do médico e histologista espanhol Santiago Ramón y Cajal (1852-1934). Os trabalhos de Cajal são considerados ponto de inflexão nas pesquisas em Neurociência, uma vez que a formulação da teoria neuronal era uma oposição à proposta de que o tecido nervoso é constituído por redes contínuas formadas por células nervosas, a teoria reticularista, que tinha como um dos mais fervorosos defensores o médico e histologista italiano Camillo Golgi (1843-1926). Será dada atenção ao reconhecimento dos desenvolvimentos simultâneos de debates e avanços no estabelecimento das duas áreas devido à proeminência de um novo quadro conceitual que inicia o seu processo de formação a partir das teorias evolutivas propostas pelo naturalista britânico Charles Robert Darwin (1809-1882). A partir dessa leitura, visa-se identificar os pontos de intersecção entre o estabelecimento da Etologia e da Neurociência, as quais começaram os seus processos de constituição como novas áreas de pesquisa científicas nas décadas finais do século XIX e que se consolidaram no século XX
Título em inglês
Not informed by author
Palavras-chave em inglês
Animal behavior
Evolution
History of ethology
History of neuroscience
History of science
Resumo em inglês
As a contribution to the history of scientific thought and specifically to the epistemology of ethology and neuroscience, this research sought to identify historically the process of constitution of ethology from the late nineteenth century on when the idea that behavior patterns characteristics of living species (such as movements during courtship during the mating period) allowed their use with specific taxonomic value for the classification of living beings, which until then was limited to the use of anatomical feature patterns. This search process seeks to retrieve the historical origins and evaluate how much of the process of formation of the concepts of ethology is related to that of neuroscience, highlighting the task of reconstructing knowledge from the analysis of events in these two areas. The process of neuroscience formation is linked to the constitution of neuronal theory (or doctrine), commonly associated with the name of the Spanish physician and histologist Santiago Ramón y Cajal (1852-1934). Cajal's work is considered a turning point in neuroscience research, since the formulation of the neuronal theory was in opposition to the proposal that nervous tissue consists of continuous networks formed by nerve cells, the reticularist theory, which had as its of the most ardent defenders the Italian physician and histologist Camillo Golgi (1843-1926). Attention will be given to recognizing the simultaneous developments of debates and advances in the establishment of the two areas due to the prominence of a new conceptual framework that begins its formation process from the evolutionary theories proposed by the British naturalist Charles Robert Darwin (1809-1882). From this standing point, the aim is to identify the points of intersection between the establishment of ethology and neuroscience, which began their processes of constitution as new areas of scientific research in the late nineteenth century and consolidated in the twentieth century
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
takeuchi_do.pdf (2.92 Mbytes)
Data de Publicação
2020-02-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.