• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.47.2019.tde-03122019-191838
Documento
Autor
Nome completo
Maura Regina Laureano
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Chadi, Gerson (Presidente)
Felicio, Luciano Freitas
Schochat, Eliane
Título em português
Efeito do estímulo sonoro definido na plasticidade neuroquímica da via auditiva do rato. Análise das modificações na imunorreatividade de neurotransmissores"
Palavras-chave em português
Cóclea
Estimulação auditiva
Gaba
Neuropeptídeos
Plasticidade neuronal
Resumo em português
A estimulação auditiva é capaz de interferir na plasticidade neuroquímica e estrutural do sistema nervoso por meio da ativação neuronal, modificando os níveis endógenos de fatores neurotróficos e de neurotransmissores. Neste estudo analisamos as alterações químicas na via auditiva aferente de animais estimulados acusticamente. Ratos Wistar de 60 dias de idade foram submetidos ou não a um estímulo sonoro definido durante 1 hora por um período de 1 ou de 7 dias seguidos. Após a estimulação auditiva, os animais foram sacrificados e seus encéfalos e cócleas processados para imunohistoquímica para a visualização da imunorreatividade da proteína FOS e do ácido glutâmico descarboxilase (GAD) nos núcleos cocleares e da imunorreatividade do glutamato, da neurotensina e do neuropeptídeo Y nos órgãos de Corti, nos neurônios dos gânglios espirais e também nos núcleos coc1eares. O estímulo sonoro consistiu de um tom puro intermitente, na freqüência de 8KHz e na intensidade de 80 dB NPS, apresentado em caixas acústicas posicionadas acima da gaiola de cada animal. A estimulação auditiva promoveu aumento significativo na área de imunorreatividade da proteína FOS e do glutamato na região rostral do núcleo coclear dorsal. Não houve diferenças estatísticas na imunomarcação do GAD no núcleo coclear. Na cóclea, mais especificamente nas células ciliadas internas, foi observado aumento da imunorreatividade do glutamato no giro basal e diminuição da neurotensina no giro apical diante do estímulo sonoro. A análise da intensidade da imunomarcação nos neurônios do gânglio espiral revelou maior número de neurônios tipo II com forte imunorreatividade ao neuropeptídeo Y exclusivamente no giro apical da cóclea dos animais estimulados. A via auditiva periférica e o núcleo coclear respondem de forma plástica a estímulos sonoros. A estimulação auditiva específica, não prejudicial, pode ser uma estratégia para maximizar o potencial plástico das vias neurais relacionadas
Título em inglês
Not informed
Palavras-chave em inglês
Not informed
Resumo em inglês
Acoustic stimulation can modify the neurochesmistry and also the morphological and functional plasticity of the nervous system, changing the endogenous levels of neurotrophic factors and neurotransmitters. It was analysed by this study the chemical changes in auditory pathway of animals acoustically stimulated. Young male Wistar healthy rats (8 weeks) received or not a specific sound stimulation during 1 hour for a period of one or seven days running. After acoustic stimulation the rats were sacrificed and their brains and cochleas were processed for immunohistochemistry for visualization of: i) FOS protein and glutamic acid decarboxlase (GAD) on cochlear nucleus; ii) glutamate, neurotensin and neuropeptide Y on organ of the Corti, spiral ganglion and cochlear nucleus. The stimulus consisted of a pure 8 KHz tone burst (50 ms duration presented at a late of 2 per second) with intensity of 80 dB SPL. The rats received the stimulus from acoustic sound boxes, positioned above the cage of each animal. The acoustic stimulation promoted a significant increase in the areas of FOS protein and glutamate immunoreactivities in rostral region of the dorsal cochlear nucleus. There was no difference in the immunostaining of GAD on cochlear nucleus. In the inner hair cells of cochlea it was observed an increase of glutamate immunoreactivity in the basal rum and a decrease of neurotensin in the apical turn after the sound stimulus. The analysis of the immunostaining intensity on spiral ganglion neurons revealed a greater number of type II neurons with strong NPY immunoreaction especially in the apical turn of the cochlea in acoustically stimulated group. The peripheral auditory pathway and the cochlear nucleus react to sound stimuli in a plastic way. The specific and unlesioned acoustic stimulation may be one strategy to maximize the plastic potential of the related neural pathway
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
laureano_me.pdf (58.46 Mbytes)
Data de Publicação
2019-12-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.