• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Lia Novaes Serra
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Silva Junior, Nelson da (Presidente)
Alves, Mara Lurdes Dias Caffe
Knudsen, Patricia Porchat Pereira da Silva
Moretto, Maria Livia Tourinho
Rosa, Miriam Debieux
Título em português
A psicanálise e os crimes de ódio contra população LGBT
Palavras-chave em português
LGBT
Psicanálise
Sexualidade
Violência
Resumo em português
Esta tese busca analisar os crimes de ódio contra a população LGBT a partir de uma perspectiva psicanalítica. O ponto de partida teórico é reconhecimento que um dos grandes legados da análise freudiana está na associação entre patologias psíquicas e processos de socialização dos sujeitos na cultura. Um duplo propósito orienta essa pesquisa. Primeiramente, trata-se de compreender de que maneira o pacto civilizacional descrito por Freud, fundado pela repressão à agressividade e à sexualidade, não é cumprido no que se refere a tais crimes de ódio. Pelo contrário, a pulsão destrutiva presente no ato criminal é consentida por determinadas estruturas sociais, sendo possível dizer que a relação entre crimes de ódio e cultura é, em certa medida, uma relação de retroalimentação. Num segundo momento, explora-se a hipótese de que esses crimes, cometidos em sua maioria por homens, revelariam uma intolerância ainda maior em relação àqueles que teriam abdicado do corpo dito masculino e se aproximariam do que seria compreendido como posição feminina. Como conclusão, notamos, por um lado, que os crimes de ódio resultam de um sistema social perverso. Por outro lado, a violência contra população LGBT estaria baseada na ideia de punição daqueles que abdicaram do estatuto fálico e na opressão histórica à figura feminina
Título em inglês
Psychoanalysis and hate crimes against the LGBT population
Palavras-chave em inglês
Gender
Psychoanalysis
Sexuality
Violence
Resumo em inglês
This thesis intends to analyze hate crimes against the LGBT population from a psychoanalytical perspective. The theoretical starting point is the acknowledgment that one of the major contributions of Freuds analysis is the association of psychic pathologies and the process of cultural socialization of subjects. A double purpose guides this research. First, it aims to understand how the civilization pact, described by Freud and based on the repression of aggression and sexuality, does not properly function regarding these hate crimes. On the contrary, the destructive drive to the criminal act is endured by the social context, and it can be said that the relationship between hate crimes and culture is to some extent a feedback relationship. Secondly, we observe that these crimes, committed mostly by men, reveal a greater intolerance towards those who have seemingly "abdicated" the "male body, choosing what could be understood as a "feminine position". As a conclusion, we have noticed that these hate crimes, on the one hand, is engaged in a perverse social system; and, on the other hand, they are based on the idea of "punishment" of those who have "abdicated" the phallic status, but also based on the historical oppression of the female figure
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
serra_corrigida.pdf (1.35 Mbytes)
Data de Publicação
2019-07-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.