• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Taís de Oliveira Nicoletti
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Ribeiro, Marina Ferreira da Rosa (Presidente)
Cintra, Elisa Maria de Ulhoa
Soreanu, Raluca
Título em português
Sofrimentos psíquicos na ascensão social: da ruptura do contrato narcísico à busca por reconhecimento no metaenquadre sociocultural brasileiro
Palavras-chave em português
Classe social
Contrato narcísico
Metaenquadre
Psicanálise
Reconhecimento
Resumo em português
Esta pesquisa é inspirada na grande ampliação da classe C ocorrida no passado recente de nosso país. A inclusão de milhões de brasileiros em ambientes e atividades antes exclusivas das classes mais abastadas, como o estudo em instituições de ensino superior e ocupações profissionais de natureza mais intelectual do que braçal, é algo extremamente positivo para o País. Porém, ela parece ter gerado efeitos colaterais inesperados: indivíduos apresentando sofrimentos psíquicos que os impedem de prosseguir sua vida durante ou após trajetórias de ascensão social. Este estudo pretende compreender como a ascensão social, que muitas vezes se apresenta como um movimento familiar e multigeracional, pode afetar psiquicamente os indivíduos que vivem esse processo. Para isso, são apresentados três fatos clínicos a partir dos quais procura-se estabelecer ligações entre os sintomas observados e conceitos psicanalíticos que possam elucidá-los, em articulação com reflexões de Souza (2018) acerca do cenário sociocultural em que se deu esse movimento de ascensão social. O primeiro conceito é o de enquadre (Bleger, 1977) que, expandido à noção de metaenquadre (Kaës, 2007/2011), explica o fato de os sintomas de sofrimento se apresentarem de forma obscura, quase imperceptível. Em seguida, há uma reflexão sobre a saída do lugar de origem através do conceito de contrato narcísico (Aulagnier, 1975/2001 e Kaës, 2007/2011), para posteriormente se pensar o lugar de (não) chegada e o desejo de reconhecimento (Hegel, 1807/1988, Benjamin,1988 e Safatle, 2017)
Título em inglês
Psychic suffering in the social ascension: from breaking the narcissistic contract to the search for recognition in the Brazilian sociocultural metaframe
Palavras-chave em inglês
Meta-frame
Narcissistic contract
Psychoanalysis
Recognition
Social class
Resumo em inglês
This research is inspired by the large growth of the social class C, which occurred in the recent past of our country. The inclusion of millions of Brazilians into environments and activities which had been, up to a few years ago, exclusive to the wealthier social classes, such as undergraduate education and professional occupations of intellectual nature, rather than those of physical labour, is something extremely positive for the country. Nevertheless, this seems to have generated unexpected side effects: individuals showing psychic sufferings during or after their social ascension trajectories, which prevent them from reaching the objectives they had set for themselves. This study intends to comprehend how social ascension, often being a multigenerational move in the family, can psychically affect the individuals who undertake it. To accomplish that I introduce three clinical facts from which I try to establish liaisons between the observed symptoms and three psychoanalytic concepts to elucidate them. This is done in articulation with Souzas (2018) thoughts on the sociocultural scene where the social ascension takes place. The first concept is frame (Bleger, 1977) which, when expanded into the notion of metaframe (Kaës, 2007/2011), explains the fact that the suffering symptoms present themselves in an obscure, almost imperceptible manner. Following that, there is a reflection on leaving the origin and the inevitable split from several aspects of this birth time-space for that I resort to the concept narcissistic contract (Auglanier, 1975/2001; Kaës, 2007/2011), to then think of the (non-)arrival place and the longing for recognition (Hegel, 1807/1988; Benjamin, 1988; Safatle, 2017)
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
nicoletti_corrigida.pdf (720.10 Kbytes)
Data de Publicação
2019-09-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.