• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2014.tde-25112014-114330
Documento
Autor
Nome completo
Carmem Sílvia Carvalhaes de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Gomes, Isabel Cristina (Presidente)
Paiva, Maria Lucia de Souza Campos
Priszkulnik, Leia
Título em português
Os nomes plantados nas árvores genealógicas
Palavras-chave em português
Genograma
Gestante
Psicanálise de casal e família
Transmissão psíquica
Resumo em português
Desde o momento da concepção do bebê, seus pais constroem, através dos seus desejos, toda uma rede simbólica para ampará-lo psiquicamente, a mesma rede na qual fazem parte os seus ascendentes. Por meio do nome que seus pais lhe dão, a criança recebe sua inscrição na família e pode nascer subjetivamente. Esta pesquisa se propôs a refletir acerca das motivações inconscientes que permeiam a escolha dos nomes próprios dos filhos primogênitos, pelas mães gestantes, com o intuito de observar a influência do mecanismo de transmissão psíquica nas gerações, especificamente sobre o lugar que esse filho irá ocupar na família atual e na cadeia geracional, além de contribuir com a construção de conhecimento na área da Psicanálise de Casal e Família. Foi utilizada a metodologia clínica-qualitativa para coleta e discussão do conteúdo obtido em entrevistas semi-dirigidas com cinco gestantes, sendo quatro de bebês masculinos e uma, de feminino. Também foi solicitada a realização por parte das gestantes do genograma psicanalítico. Os resultados obtidos demonstraram que nos casos analisados os nomes dados aos filhos associam-se aos legados familiares, ao mecanismo de transmissão psíquica e aos conflitos intergeracionais. O ato de nomear os filhos com o sobrenome é também uma das formas de assumir a parentalidade, bem como de inserir a criança em sua continuidade geracional e social
Título em inglês
The names planted in family trees
Palavras-chave em inglês
Gernogram
Pregnant woman
Psychic transmission
Psychoanalysis of couple and family
Resumo em inglês
From the moment of the baby's conception, the parents build through their desires, an entire symbolic net to support him psychically, the same net that their ancestors are part of. Through the name the parents give, the child receives its enrollment in the family and can be born subjectively. This research aimed to reflect on the unconscious motivations that underlie the choice of the names of the firstborn child, by pregnant mothers, in order to observe the influence of the psychic mechanism of transmission over generations, specifically about the place this child will occupy in the current family and in the generational chain, beyond contributing to building knowledge in the area of Psychoanalysis of couple and family. The clinical qualitative methodology was used for data collection and discussion of the content obtained from the semi-structured interviews with five pregnant women, of four male and one female baby. The psychoanalytic genogram was also requested to the pregnant women. The results showed that in the analysed cases the names given to the children are associated to the family legacy, to the mechanism of psychic transmission and intergenerational conflicts. The act of naming the children with the surname is also one of the ways to assume parenting as well as to include the child in their social and generational continuity
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
oliveira_me.pdf (1.15 Mbytes)
Data de Publicação
2014-11-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.