• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.47.2005.tde-09112021-160001
Documento
Autor
Nombre completo
Luciana Armond di Giorgi
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2005
Director
Tribunal
Figueiredo, Luis Claudio Mendonca (Presidente)
Casetto, Sidnei Jose
Loffredo, Ana Maria
Título en portugués
Dos saberes dos mestres à formalização da experiência: o percurso de Freud
Palabras clave en portugués
Freud
Psicanálise
Resumen en portugués
O tema geral da presente dissertação aborda a trajetória da elaboração teórica e clínica de Freud, desde o seu aprendizado como discípulo de Charcot. Bernheim e Breuer até o rompimento com o discurso desses mestres e o conseqüente estabelecimento dos fundamentos de sua própria criação. O período abrangido nesta dissertação vai do estágio de Freud com Charcot, percorrendo as etapas de elaboração pré-psicanalítica até 1895, data da publicação dos Estudos sobre a histeria. Tal período foi selecionado, pois inclui o marco inicial dos estudos de Freud a respeito das neuroses até o momento em que no livro citado, as descobertas provenientes de sua experiência clínica são assinadas em nome próprio, neste momento no capítulo "Psicoterapia da histeria", Freud teoricamente se responsabiliza por uma concepção própria do funcionamento psíquico. Inicialmente, é examinada a importância da experiência dos mestres para o desenvolvimento do pensamento de Freud rumo à invenção da psicanálise a fim de expor como foi constituído o campo psíquico a partir do qual Freud ingressou no estudo das neuroses. Em seguida. a análise se volta para a construção do diálogo que Freud foi estabelecendo com cada uma dessas experiências em consonância com os registros colhidos de sua própria experiência clínica, situando tal interlocução como fundamento para a compreensão do movimento desenhado pela construção de sua lógica. O conjunto de modificações e produções de saber sedimentados a partir de sua experiência própria mostrou-se tão significativo que, nesta dissertação, assumiu o caráter de base para a formação de um discurso próprio, mesmo que a psicanálise, como invenção, não tivesse adquirido uma denominação. assim legitimada e reconhecida publicamente, naquele momento (1895)
Título en inglés
Not informed by the author
Palabras clave en inglés
Not informed by the author
Resumen en inglés
The general theme of the present dissertation is the trajectory of Freuds theoretic and clinical elaboration from his education as disciple of Charcot, Bernheim and Breuer up to the rupture with the masters discourse and the consequent establishment of the basis of his own invention. The period concerned in this dissertation begins with Freuds apprenticeship with Charcot, continuing with the analysis of the stages of pre-psychoanalytic elaboration until 1895, date of the publication of Studies or7 Hysteric7. Such period was chosen because it includes the beginning of Freuds studies on neurosis up to t moment when, in the quoted book, the discoveries derived from his clinical experience are signed by himself at this moment, in the chapter "Psychotherapy of hysteria", Freud assumes the responsibility for his own conception of the psychic function. Initially, the importance of the masters experience for the development of Freuds thought towards the invention of psychoanalysis is examined to expose the construction of the psychic field to which Freud aimed his studies on neurosis. Afterwards, the analysis turns to the construction of the dialogue that Freud managed to establish with each one of the former experiences along with his own evidences taken from his clinical observations, considering such dialogue as the object over which the movement of his logic was structured. The clinical modifications and the theoretical formulations produced during his discoveries based on his own experiences proved to be so meaningful that, in this dissertation, they turned out to be the foundation for the construction of his own discourse, although psychoanalysis, as an invention, hadnt acquired such denomination, publicly legitimated and recognized, at that time (1895)
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
giorgi_me.pdf (82.00 Mbytes)
Fecha de Publicación
2021-11-10
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2023. Todos los derechos reservados.