• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.47.2020.tde-08012020-165910
Documento
Autor
Nome completo
Carla Jordão Suarez
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Benvenuti, Marcelo Frota Lobato (Presidente)
Aló, Raquel Moreira
Costa, Carlos Eduardo
Melo, Camila Muchon de
Ottoni, Eduardo Benedicto
Pereira, Clarissa Moreira
Título em português
Cooperação e aversão à iniquidade: discussões teóricas e dados experimentais
Palavras-chave em português
Aversão à iniquidade
Cooperação
História experimental
Natureza de reforçadores
Programação de respostas e consequênciasiInterdependentes
Resumo em português
O presente trabalho é composto por três estudos e uma nota técnica que abordam a relação entre cooperação e iniquidade e a aversão a ela. O primeiro estudo revisa a literatura recente de cooperação com o objetivo de enumerar definições e principais metodologias empregadas para o estudo experimental do tema. Com base no levantamento bibliográfico, avaliou-se como os conceitos da Análise do Comportamento poderiam ser integrados ao amplo cenário de discussão sobre cooperação. Concluiu-se que o estudo experimental da cooperação compreende a caracterização e investigação de diferentes fenômenos comportamentais investigados experimentalmente de modo compatível com as noções de contingência, controle de estímulos e reforço social. Os estudos seguintes tiveram como objetivo avaliar explicitamente a participação de processos comportamentais relacionados à cooperação com a aversão à iniquidade. O segundo estudo teve como objetivo analisar como uma interação de cooperação bem-sucedida ou malsucedida poderia afetar as escolhas dos participantes em uma situação de iniquidade. Averiguou-se também se a informação de que os pontos recebidos pelos participantes seriam trocados por dinheiro no final da sessão experimental seria uma variável a mais de controle comportamental. Os resultados indicaram que a informação sobre a natureza de reforçadores não teve efeito sobre a escolha dos participantes, enquanto a interação cooperação bem-sucedida ou malsucedida durante a condição de iniquidade favorável afetou diretamente a escolha dos participantes na condição de iniquidade desfavorável. Isso quer dizer que os participantes foram ou não cooperativos a depender da história experienciada na condição de iniquidade favorável. O terceiro estudo teve como objetivo investigar se, e como a aversão à iniquidade desfavorável e favorável podem ser moduladas a partir de uma interação específica que envolve diferentes magnitudes de reforços. Os resultados sugerem que a aversão à iniquidade desfavorável pode ser modificada a partir de uma interação específica, enquanto que a aversão à iniquidade favorável parece depender de outros fatores, como, por exemplo, a cultura do qual o indivíduo faz parte ou o tipo de tarefa proposto. A nota técnica apresenta o sistema computadorizado desenvolvido para a coleta de dados dos estudos experimentais
Título em inglês
Cooperation and inequity aversion: Theorical discussions and experimental data
Palavras-chave em inglês
Cooperation
Experimental history
Inequity aversion
Interdependent responses and consequences programming
Nature of reinforcements
Resumo em inglês
The present study is composed of three studies and one technical note. The first study reports a bibliographic survey of cooperation with the aim of analyzing the methodologies and concepts used to study the theme and to raise a discussion about how the concepts of behavior analysis could be integrated into the broad scenario of discussion about cooperation. It can be concluded that the study of cooperation includes the characterization and investigation of different behavioral phenomena, most of them possible to be characterized by the concepts of contingency, stimulus control and social reinforcement. The second study aimed to investigate how an experimental history of successful or unsuccessful cooperation could affect participants' choices in a situation of inequity and whether the information that the points received would be exchanged for money at the end of the experimental session would be a variable over behavioral control. The results indicated that information on the nature of reinforcers had no effect on the participants' choices, while the history of successful or unsuccessful cooperation during the advantageous inequity condition directly affected the participants' choices in the condition of disadvantageous inequity. This means that the participants were either cooperative or not depending on the interaction in the previous history. The third and final study aimed to investigate if the inequity aversion is a malleable phenomenon and can be modified depending on a specific interaction involving different magnitudes of reinforcements. The results suggest that disadvantageous inequity aversion can be modified from a specific interaction, whereas advantageous inequity aversion may depend on other factors, such as the culture or type of task used. The technical note presents the software developed for the data collection of the experimental studies
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
suarez_corrigida.pdf (2.11 Mbytes)
Data de Publicação
2020-01-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.