• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2013.tde-20082013-155700
Documento
Autor
Nome completo
Aida Duarte Binze
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Kohatsu, Lineu Norió (Presidente)
Barros, Denise Dias
D'Antino, Maria Eloisa Fama
Título em português
Família e deficiência no grupo étnico linguístico Yao do norte de Moçambique
Palavras-chave em português
Deficiência
Família
Yao
Resumo em português
O objetivo da pesquisa foi investigar a relação de uma família do grupo étnico-linguístico Yao com um filho deficiente. Para a coleta de dados foi realizado um trabalho de campo no Distrito de Sanga, província de Lichinga, Moçambique. Foram feitas cinco visitas a uma família, com duração aproximada de duas horas diárias, sendo realizadas observações da rotina e conversas com a família, principalmente com a mãe. A família é constituída por dez pessoas, sendo a mãe, seis filhos, entre eles um jovem de 16 anos com deficiência intelectual, e duas avós, uma materna e a outra paterna e um neto. A família apresenta um nível sócio-econômico baixo, não recebem nenhum auxílio financeiro governamental e o sustento vem basicamente da atividade agrícola de subsistência. Todos os membros da família são analfabetos e só falam a língua Yao, sendo necessário o auxílio de uma intérprete para a coleta de dados. Além das observações e conversas com a família, foram realizadas também entrevistas com o líder da comunidade, o curandeiro, a parteira e os agentes sociais. A partir da sistematização dos dados foram propostos os eixos de análise, a saber: dinâmica familiar e participação do jovem Bernardo na rotina da família e da comunidade; explicação da mãe sobre a condição do filho e aspectos referentes à relação entre a família e a pesquisadora. Sobre a dinâmica familiar pode se notar relações afetuosas entre todos membros da família e inclusive no tratamento em relação à Bernardo. Todavia, segundo relato da mãe, não confirmado pela observação, Bernardo fica acorrentado porque invade as casas da vizinhança e pega seus pertences. As interações entre Bernardo e os membros da família são esporádicos, pois o jovem não se comunica verbalmente e fica praticamente o tempo todo isolado, de pé, parado em um canto do terreno da casa. Não passou pelos rituais de iniciação comuns na cultura Yao. A condição de Bernardo, foi explicada pelo curandeiro à mãe, pois a mesma não obteve esclarecimento satisfatório dos médicos. Segundo o curandeiro, a doença de Bernardo é causada pela presença do espírito do irmão gêmeo falecido no momento do parto. A partir do confronto dos dados coletados com outros estudos pode-se notar que várias manifestações decorrentes da presença da deficiência apontadas pela literatura não foram observadas na relação entre a família o jovem Bernardo. Todavia, o pouco tempo de permanência no campo não permite afirmações mais seguras, assim como se torna difícil avaliar o quanto este jovem está incluído ou não na família e na comunidade sem conhecer mais profundamente as referencias culturais. Nesse sentido, esta pesquisa se encerra apontando a necessidade de se realizar mais estudos para se conhecer os significados da deficiência nos diversos grupos étnico-linguísticos de Moçambique e avaliar mais precisamente as condições necessárias para se promover uma melhor qualidade de vida das pessoas com deficiência
Palavras-chave em inglês
Disability
Family
Yao ethnic
Resumo em inglês
The aim of this work was to investigate the relationship of an ethnic-linguistic Yao family with a disabled adolescent. For data collection a fieldwork in Sanga District, province of Lichinga, Mozambique was done. There were five visits to a family, which last about two hours a day, the visits held routine observations and conversations with the family, especially with the mother. The family consists of ten members, including the mother, six children, a 16 year old with intellectual disabilities, and two grandmothers (one maternal and one paternal). The family has a low socioeconomic status, receive no financial aid from the government. Their support comes primarily from subsistence agricultural activity. All family members are illiterate and only speak the Yao language, requiring the assistance of an interpreter for the data collection. Besides observations and conversations with the family, interviews with community leader, healer, midwife and social agents were also carried out. After data systematization, axes of analysis were set: family dynamics and participation of the young Bernardo in the family routine and in the community; mothers description about the condition of child and aspects concerning the relationship between the family and the researcher. On family dynamics, it can be noted an affectionate relationships between all family members including Bernardo. However, according to the mothers' reports, unconfirmed by observation, Bernardo is chained because he invades homes in the neighborhood and takes their belongings. Interactions between Bernardo and family members are sporadic because he cannot communicate verbally, and is almost constantly isolated, in his feet, standing in a corner of the house; he has not passed the initiation rites of culture Yao. The condition of Bernardo, was explained by the healer to the mother, because she did not obtain satisfactory clarification from doctors. According to the healer, Bernardos illness is caused by the presence of the spirit of his twin brother died at birth. Comparing data collected in this work with other studies it may be noted that various manifestations about the presence of disability by the literature were not observed in the relationship between young Bernardo and his family. However, the short time spent in the field does not allow definite statement , as it is difficult to assess how much this young man is included or not in the family and in the community without a deeper understanding of the cultural references. In this sense, this research concludes pointing out the need to perform more studies in order to know the meanings of disability in various ethno-linguistic groups from Mozambique and evaluate more precisely the necessary conditions to promote a better quality of life for people with disabilities
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
binze_me.pdf (1.30 Mbytes)
Data de Publicação
2013-08-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.