• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.45.2020.tde-16112020-235433
Documento
Autor
Nome completo
Carolina Cavalheiro Crittelli Sousa
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Candido, Claudia Cueva (Presidente)
Fernandes, Solange Hassan Ahmad Ali
Karrer, Monica
Título em português
Uma proposta de introdução ao conceito de equivalência para o ensino de equações de primeiro grau com uma incógnita com foco em estudantes com um histórico de dificuldades de aprendizagem
Palavras-chave em português
Dificuldades de aprendizagem
Ensino de álgebra
Equivalência
Histórico-cultural
Inclusão
Resumo em português
O objetivo desta dissertação é analisar as medidas que podem ser tomadas em sala de aula para contribuir na compreensão do significado de equivalência para o ensino de equações de primeiro grau com uma incógnita, com foco em estudantes que apresentam um histórico de dificuldades de aprendizagem. Para essa análise, foi feito um panorama acerca dos desafios do ensino de álgebra na Educação Básica no Brasil e um panorama geral acerca dos transtornos de aprendizagem na concepção organicista e históricocultural. A linha de pensamento adotada é a histórico-cultural e o referencial teórico escolhido é a teoria histórico-cultural de Vygotsky. Foi criada uma sequência de tarefas com o tema de redes sociais que conta com o uso de tecnologias e de materiais manipuláveis, que passou por modificações ao longo do processo de testes em três turmas diferentes de 7º e 8º ano do Ensino Fundamental, de duas escolas da cidade de São Paulo, uma municipal e outra da rede SESI, com base na metodologia do Design Experiments. A análise foi focada em um subgrupo de 12 estudantes com histórico de dificuldades de aprendizagem da sala em que ocorreu o terceiro ciclo de testes e chegouse às seguintes conclusões: todos os estudantes do subgrupo apresentaram indícios de compreensão da ideia de equivalência e o que pode ter contribuído para isso foi a escolha do tema de redes sociais, o trabalho em grupos colaborativos, a condução da professora, o uso de materiais manipuláveis e a atribuição de premiações em cada tarefa. Entretanto, observou-se que o sentimento de inferioridade entre os estudantes do subgrupo prevaleceu e pode ter sido decorrente de falas e de atitudes de preconceito por parte dos demais colegas da sala. Por fim, é feita uma reflexão a respeito do papel do professor em atender necessidades específicas de seus estudantes e em formar cidadãos que respeitem diferenças.
Título em inglês
A proposal to introduce the concept of equivalence for teaching first degree equations with an unknown factor focused on students with a history of learning difficulties
Palavras-chave em inglês
Cultural-historical
Equivalence
Inclusion
Learning difficulties
Teaching algebra
Resumo em inglês
The aim of this dissertation is to analyze measures that can be taken in the classroom to contribute to the understanding of the meaning of equivalence for teaching first degree equations with an unknown factor, focusing on students who have a history of learning difficulties. For this analysis, an overview was made concerning the challenges of teaching algebra in Basic Education in Brazil as well as a general overview regarding learning disorders in the organic and historical-cultural approach. The historical-cultural theoretical approach was adopted, while the theoretical framework is Vygotskys historical-cultural theory. A sequence of tasks with the theme of social networks was created, with the use of technologies and manipulable materials, which underwent changes throughout the testing process with three different classes of 7th and 8th grades of Elementary School, from two schools from the city of São Paulo, one municipal and one from the SESI network, based on the Design Experiments methodology. The analysis focused on a subgroup of 12 students with a history of learning difficulties in the classroom in which the third test cycle was performed and the following conclusions were attained: all students in the subgroup showed signs of understanding the idea of equivalence, and what may have contributed to this was the choice of the social networks theme, working in collaborative groups, the teachers guidance, the use of manipulable materials, and the attribution of awards in each task. However, we observed that the feeling of inferiority among students in the subgroup prevailed, which may have been due to speeches and attitudes of prejudice from other classmates. Finally, a reflection is carried out about the teachers role in meeting the specific needs of students and educating citizens who respect differences.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-01-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.