• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.45.2016.tde-10082016-114317
Documento
Autor
Nombre completo
Eduardo Almeida Feijó
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2016
Director
Tribunal
Terada, Routo (Presidente)
Goya, Denise Hideko
Gubitoso, Marco Dimas
Título en portugués
Proteção dos direitos autorais de imagem estática utilizando criptografia visual e marca d'água
Palabras clave en portugués
Criptografia visual
Marca d´água
Proteção de direitos autorais
Resumen en portugués
A tecnologia atual não oferece prevenção contra cópia, adulteração ou plágio de uma imagem estática em meio digital sem autorização do verdadeiro autor. Dado que tais mal feitos não podem ser evitados, resta ao criador da obra original lutar a posteriori por seus direitos nos fóruns adequados (no tribunal, por exemplo). Na época da fotografia analógica com filme, o negativo poderia ser utilizado como prova. Hoje este recurso raramente está disponível e se faz necessária uma solução alternativa. A técnica de Marca d´Água é uma das possibilidades criptográficas existentes para apoiar o autor em sua defesa. O principio da Marca d´Água é o encapsulamento de informações relevantes, preferencialmente de forma imperceptível, na imagem a ser protegida. Tais informações, quando extraídas da imagem marcada, devem revelar o verdadeiro autor num processo de disputa. Soluções de Marca d´Água combinada com Criptografia Visual são encontradas na literatura. A principal vantagem deste caminho é a propriedade Imperceptível por segurança perfeita que a Marca d´Água assume quando tratada por Criptografia Visual. O segredo (neste caso, a Marca d´Água) é segmentado via Criptografia Visual em 2 transparências: uma delas é encapsulada na imagem a ser protegida e a outra é mantida pelo verdadeiro autor. Basta a sobreposição de tais transparências para que a Marca d´Água seja revelada. Nesta pesquisa propomos um novo método, denominado MACV, que combina Marca d´Água, Criptografia Visual e um algoritmo de hashing. O MACV apresenta, entre outras, as seguintes propriedades desejáveis de Marca d´Água: imperceptível por segurança perfeita, alta entropia, armazenamento na própria imagem e sem ambiguidade. Veremos em nossa pesquisa bibliográfica que há uma lacuna de soluções que apresentem, simultaneamente, todas estas propriedades. Esta lacuna torna o MACV único em sua categoria.
Título en inglés
Still image copyright protection using visual cryptography and watermark
Palabras clave en inglés
Copyright protection
Digital image watermarking
Visual cryptography
Resumen en inglés
Current technology does not prevent copy, tamper or plagiarism of a still image in digital media without authorization of the true author. Since such misdeeds can not be avoided, the creator of the original work has to defend his rights a posteriori in the appropriate forum (in court, for example). A negative could be used as evidence in the era of analog photography. Currently this feature is rarely available and an alternative solution is needed. Watermark is one of the existing cryptographic possibilities to support the author in his defense. A Watermark is embedded into the image to be protected, preferably imperceptibly. Such information when extracted from the watermarked image should reveal the true author in a dispute process. Solutions using Watermark with Visual Cryptography are found in the literature. The main advantage of this way is the property Imperceptible by perfect secrecy that the Water- mark assumes when treated by Visual Cryptography. The key (in this case, the Watermark) is partitioned by Visual Cryptography in 2 transparencies: one is embedded in the image to be protected and the other is kept by the true author. The Watermark is revealed by overlapping such transparencies. In this research we propose a new method, called MACV, combining Watermark, Vi- sual Cryptography and a hashing algorithm. The MACV has, among others, the following desirable properties of Watermark: invisible by perfect secrecy, high entropy, stored into the image itself and unambiguously. We will see in our research that there is no solution that presents, simultaneously, all these properties. This fact makes the MACV the first one to show all these properties
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
dissedufeijo.pdf (21.02 Mbytes)
Fecha de Publicación
2016-08-15
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.