• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.45.2016.tde-06092016-143525
Documento
Autor
Nome completo
Fábio Happ Botler
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Wakabayashi, Yoshiko (Presidente)
Lee, Orlando
Martin, Daniel Morgato
Silva, Cândida Nunes da
Szwarcfiter, Jayme Luiz
Título em português
Decomposição de grafos em caminhos
Palavras-chave em português
Alta aresta-conexidade
Decomposição em caminhos
Grafo
Grafo regular
Resumo em português
Uma decomposição de um grafo G é um conjunto D = {H_1,... , H_k } de subgrafos de G dois-a-dois aresta-disjuntos que cobre o conjunto das arestas de G. Se H_i é isomorfo a um grafo fixo H, para 1<=i<=k, então dizemos que D é uma H-decomposição de G. Neste trabalho, estudamos o caso em que H é um caminho de comprimento fixo. Para isso, primeiramente decompomos o grafo dado em trilhas, e depois fazemos uso de um lema de desemaranhamento, que nos permite transformar essa decomposição em trilhas numa decomposição somente em caminhos. Com isso, obtemos resultados para três conjecturas sobre H-decomposição de grafos no caso em que H=P_\ell é o caminho de comprimento \ell. Dois desses resultados resolvem versões fracas das Conjecturas de Kouider e Lonc (1999) e de Favaron, Genest e Kouider (2010), ambas para grafos regulares. Provamos que, para todo inteiro positivo \ell, (i) existe um inteiro positivo m_0 tal que se G é um grafo 2m\ell-regular com m>=m_0, então G admite uma P_\ell-decomposição; (ii) se \ell é ímpar, existe um inteiro positivo m_0 tal que se G é um grafo m\ell-regular com m>=m_0, e G contém um m-fator, então G admite uma P_\ell-decomposição. O terceiro resultado diz respeito a grafos altamente aresta- conexos: existe um inteiro positivo k_\ell tal que se G é um grafo k_\ell-aresta-conexo cujo número de arestas é divisível por \ell, então G admite uma P_\ell-decomposição. Esse resultado prova que a Decomposition Conjecture de Barát e Thomassen (2006), formulada para árvores, é verdadeira para caminhos.
Título em inglês
Decomposition of graphs into paths
Palavras-chave em inglês
Graph
Highly edge-connected
Path decomposition
Regular graph
Resumo em inglês
A decomposition of a graph G is a set D = {H_1,...,H_k} of pairwise edge-disjoint subgraphs of G that cover the set of edges of G. If H_i is isomorphic to a fixed graph H, for 1<=i<=k, then we say that D is an H-decomposition of G. In this work, we study the case where H is a path of fixed length. For that, we first decompose the given graph into trails, and then we use a disentangling lemma, that allows us to transform this decomposition into one consisting only of paths. With this approach, we tackle three conjectures on H-decomposition of graphs and obtain results for the case H=P_\ell is the path of length \ell. Two of these results solve weakenings of a conjecture of Kouider and Lonc (1999) and a conjecture of Favaron, Genest and Kouider (2010), both for regular graphs. We prove that, for every positive integer \ell, (i) there is a positive integer m_0 such that, if G is a 2m\ell-regular graph with m>=m_0, then G admits a P_\ell-decomposition; (ii) if \ell is odd, there is a positive integer m_0 such that, if G is an m\ell-regular graph with m>=m_0 containing an m-factor, then G admits a P_\ell-decomposition. The third result concerns highly edge-connected graphs: there is a positive integer k_\ell such that if G is a k_\ell-edge-connected graph whose number of edges is divisible by \ell, then G admits a P_\ell-decomposition. This result verifies for paths the Decomposition Conjecture of Barát and Thomassen (2006), on trees.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tese.pdf (874.60 Kbytes)
Data de Publicação
2016-09-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.