• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.45.2021.tde-02092021-131750
Documento
Autor
Nome completo
Vinícius Bitencourt Matos
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2021
Orientador
Banca examinadora
Wassermann, Renata (Presidente)
Fermé, Eduardo Leopoldo
Freitas, Frederico Luiz Gonçalves de
Título em inglês
Pseudo-contraction operations for description logics
Palavras-chave em inglês
Belief revision
Description logics
Ontology repair
Pseudo-contraction
Resumo em inglês
Knowledge representation in ontologies is based on Description Logics, which are decidable fragments of first-order logic. Since knowledge is not static, it is necessary to deal with the acquisition of new information, which may contradict the existing knowledge. Belief Revision aims to solve this problem, but the classical AGM framework assumes an ideal agent that is able to deal with logically closed sets of sentences, and some of its generalisations for belief bases (such as ontologies represented in Description Logics) may lead to loss of information due to the fact that no sentence can be added when a contraction operation is performed. In this work, we analyse kernel constructions for pseudo-contraction operations and their formal properties. Also, we show the close relationship between concepts and definitions of Belief Revision and Ontology Repair (such as pseudo-contractions and gentle repairs, respectively), and we propose a unified notation for their operations.
Título em português
Operações de pseudocontração para lógicas de descrição
Palavras-chave em português
Lógicas de descrição
Pseudocontração
Reparo de ontologias
Revisão de crenças
Resumo em português
A representação de conhecimento em ontologias é baseada em Lógicas de Descrição, que são fragmentos decidíveis da lógica de primeira ordem. Uma vez que o conhecimento não é estático, é necessário lidar com a aquisição de novas informações, que podem contradizer o conhecimento existente. Revisão de Crenças busca resolver este problema, mas o arcabouço clássico AGM supõe um agente ideal capaz de lidar com conjuntos de sentenças fechados logicamente, e algumas de suas generalizações para bases de crenças (como ontologias representadas com Lógicas de Descrição) podem levar a uma perda de informação, visto que nenhuma sentença pode ser adicionada ao realizar uma operação de contração. Neste trabalho, analisamos construções kernel para operações de pseudocontração e suas propriedades formais. Ademais, mostramos a relação próxima que existe entre os conceitos e definições das áreas de Revisão de Crenças e Reparo de Ontologias (tais como pseudocontrações e reparos brandos, respectivamente), e apresentamos uma notação unificada para suas operações.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Thesis.pdf (1.01 Mbytes)
Data de Publicação
2021-09-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.