• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.2012.tde-27022013-160004
Documento
Autor
Nome completo
Marcos Saito de Paula
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Cruz Júnior, Francisco William da (Presidente)
Sifeddine, Abdelfettah
Wainer, Ilana Elazari Klein Coaracy
Título em português
Variabilidade do sistema de monções de verão durante os últimos 1500 anos na região de Bonito-MS com base em registros paleoclimáticos de espeleotemas
Palavras-chave em português
Espeleotemas
Holoceno
Isótopos
Mato Grosso do Sul
Monção Sul-americana
Paleoclima
Paleopluviosidade
SMSA
Resumo em português
Utilizando registros isotópicos ('delta' 'POT.18'O e 'delta''POT.13'C) de alta resolução, razões de elementos-traço em relação ao cálcio e taxas de crescimento de espeleotemas, precisamente datados pelo método U-Th, foi feita uma reconstrução da intensidade do Sistema de Monções Sul-Americano (SMSA) nos últimos 1500 anos na região do município de Bonito, Mato Grosso do Sul. O estudo do sinal climático, interpretado por meio de variações geoquímicas dos espeleotemas, foi realizado com base em estudos e comparações com dados instr umentais de uma estação meteorológica de Bonito, com dados de monitoramentos do IAEA - GNIP de Campo Grande e Cuiabá e com informações de modelos computacionais que simulam a variação de 'delta''POT.18'O em relação à intensidade das monções na América do Sul, o qual e stá relacionado com variação regional de pluviosidade. Apesar destes dados mostrarem que o amount effect é um dos fatores determinantes na variação das razões isotópicas dos espeleotemas, outros fatores como o degree of rainout upstream e a fonte de umidade (Amazônia x oceano Atlântico sul) também devem ser considerados importantes. Assim, a interpretação das razões de 'delta''POT.18'O é atribuída à intensidade do sistema de monções e, desta forma, à atuação da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZACS), principalmente associada à propagação de chuvas da região Amazônica para o centro-oeste e sudeste brasileiro. O registro paleoclimático de Bonito mostrou excelente coerência com variados tipos de registros de outros locais da América do Sul, e também com dados do Hemisfério Norte, evidenciando a influência de eventos de escala secular como MCA e LIA na intensidade das monções na América do Sul. A boa correlação entre algumas razões de elementos-traço com a precipitação mostra que o "amount effect" não controla totalmente os registros isotópicos. Análises de estatísticas de séries temporais aplicadas aos registros isotópicos e aos registros de elementos-traço permitiram a observação de vários eventos de freqüêcia decadal a multidecadal influenciando as monções da América do Sul. Os principais destes eventos são a NAO (North Atlantic Oscillation) e a AMO (Atlantic Multidecadal Oscillation), os quais, pelas flutuações de TSM no Atlântico Norte, desencadeiam teleconexões que têm resultados no posicionamento da Zona de Convergência Intertropical (Intertropical Convergence Zone - ITCZ) e da ZACS.
Palavras-chave em inglês
AMO
LIA
Mato Grosso do Sul
MCA
Multidecadal events
NAO
Paleoclimate
pdo
SAMS
South America Monsoon
Speleothems
Stable isotopes
Resumo em inglês
High-resolution isotope records ('delta''POT.18'O e 'delta''POT.13'C), growth rates, elemental ratios in precisely dated speleothems by U/Th method are used to reconstruct the intensity of the South American Monsoon System (SAMS) during the 1500 years in Bonito Region, Mato Grosso do Sul. The interpretations of geochemical variations in speleothems are based on comparative studies with instrumental climatic data and at isotope measurements in rain water at IAEA - GNIP stations in Campo Grande and Cuiabá, as well as from climate model studies using oxygen isotope ratios as tracers of monsoon rainfall intensity. Despite of these data suggest that the "amount effect" is a dominant factor controlling the isotope variations in preci pitation, the "degree of rainout upstream" is considered also important because the distal influence of SAMS and South Atlantic Convergence Zone (SACZ) along the moisture transport tra jectory from Amazon to SE Brazilian Coast. The other significant factor to isotope composition to precipitation, therefore to speleothems, is the difference in moisture source area from Amazon Region (summer monsoonal precipitation) and Atlantic Ocean (extratropical regime). Bonito's paleoclimate Record indicate very good coherence with other records in South America and Northern Hemisphere, particularly in the response to the global scale climate events such as Medieval Climate Anomaly (MCA) e Little Ice Age (LIA) on summer precipitation. In these events were evidenced dryer and wetter conditions, respectively, not just from the stable isotope ratios but also from Sr/Ca and Ba/Ca ratios. Time series statistical analysis in the isotope and trace -element records showed that the SAMS is largely influenced by decadal to multidecadal events. In this regard, the most influent climate modes are the NAO (North Atlantic Oscillation) and the AMO (Atlantic multi Decadal Oscillation), with significant influence on the precipitation variability. In both cases these changes in precipitation are resulted from teleconection with Atlantic Ocean, which impacts the location of ITCZ and consequently the SACZ activity in Central-West Brazil.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Marcos.pdf (5.55 Mbytes)
Data de Publicação
2013-02-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.