• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.44.1988.tde-10092015-111357
Documento
Autor
Nombre completo
Angela Maria Martins Marques dos Santos
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 1988
Director
Tribunal
Oliveira, Marcos Aurelio Farias de (Presidente)
Choudhuri, Asit
Girardi, Vicente Antonio Vitorio
Título en portugués
Caracterização petrológica dos granulitos básicos da folha de Guaranésia (MG)
Palabras clave en portugués
Minas Gerais
Petrologia
Resumen en portugués
A área de enfoque deste trabalho está localizada na parte sul do Estado de Minas Gerais compreendendo parte das folhas topográficas de Guaranésia e Guaxupé. A NW da cidade de Guranésia têm-se uma faixa de rochas granulíticas bandadas onde são registradas rochas granulíticas de composição básica. O objetivo deste trabalho foi o de estudar este grupo especial de rocha no que se refere a sua mineralogia e química. Além dos estudos petrográficos, foram feitas análises químicas de rocha total para elementos maiores e menores. Pares clino-ortopiroxênios foram analisados sob macrossonda eletrônica. Um mapa litológico esquemático foi montado a partir de dados de campo coletados por alguns autores que fizeram anteriormente um primeiro reconhecimento na área. Nos mapa é possível separar-se duas litologias dominantes: migmatitos a SW de Guaranésia e granulitos a NW. Intercalações de granulitos máficos foram identificados tanto no domínio migmatítico quanto nos granulitos, no entanto são mais freqüntes neste último. Os granulitos básicos de Guaranésia são granulitos gabronoríticos e monzonoríticos. Os granulitos gabronoríticos são constituídos essencialmente por plagioclásio (A'n IND. 40-55-' 43%), clinopiroxênio (salita - 12%), ortopiroxênio (hiperstênio - 10%) e anfibólio (20%). Para os granulitos monzonoríticos têm-se plagioclásio (A'n IND. 20-40-' 59%), clinopiroxênio (salite - 4%), ortopiroxênio (hiperstênio - 6%) e anfibólio (19%) bem como a freqüência em torno de 10% de quartzo e feldspato potássico. Os minerais acenários mais freqüentes são os opacos seguidos pelo zircão e titanita. Foram analisados os pares clino-ortopiroxênios, deste grupo de amostras, sob microssonda eletrônica. Cálculos termométricos, utilizando-se as calibragens de Wood e Banno (1973), Wells (1977) e Kretz (1982) apresentam um valor médio de '780 GRAUS'C '+ OU -' 60 para a temperatura do metamorfismo que afetou este grupo de rochas. A pressão ) estimada é da ordem de 7,5 quilobários, comparativamente aos dados de Wilson (1976), correspondendo a uma profundidade de crosta em torno de 26 km. Com os dados químicos de rocha total e parâmetros de Niggli, foram construídos diversos diagramas propostos na literatura. Os diagramas MgO - CaO - FeO de Walker (1960) e ACF de Orville (1969) indicam uma possível origem sedimentar. Evidências que indicam uma origem ígnea são apontados nos diagramas que relacionam parâmetros de Niggli C versus mg, 100 mg - C - (al-alk) bem como valores de elementos menores como Cr versus mg, Ni versus mg e Cr versus Ti'O IND. 2', todos propostos por Leake (1964). As amostras de granulitos básicos de Guaranésia também se situam no campo ígneo prposto por Van der Kamp (1968). Comparações químicas com as principais séries magmáticas basálticas apontam semelhanças com a série basáltica subalcalina com representantes das subdivisões calco-alcalinas e toleíticas, segundo os limites de MacDonald e Katsura (1964), Irvine e Baragar (1971). Para o diagrama de Jensen (1976) os granulitos de Guaranésia se posicionam no campo dos basaltos toleíticos ricos em Fe. Os valores plotados das amostras de Guaranésia apresentam uma distribuição aleatória e um espalhamento grande pelos campos discriminados nos diagramas propostos por Pearce e Cann (1973) com relação a Ti/100 - Zr - Sr/2 e Ti/100 - Zr - 3y e Pearce e Norry (1979) de Zr/Y versus Zr para os diversos ambientes tectônicos de formação de rochas no Fanerozóico. Foi obtida melhor resposta nos diagramas propostos por Gill (1979). Nos diagramas que relacionam mg*(100 MgO)/(MgO + FeO) versus teores de Ni e Cr os valores dos granulitos de Guaranésia estão comcentrados no campo referente aos basaltos Arqueanos.
Título en inglés
Not available.
Palabras clave en inglés
Nota available.
Resumen en inglés
This paper presents the results of a study of granulite rocks from Guaranésia region on south Minas Gerais State. In this area two main rocks groups are present: migmatites and granulites. Small lenses or bands of basic granulites occur rather in migmatites or granulites. The pyroxene granulites from Guaranésia region show a basic composition with SiO2 mean values about 49,8%. Petrography studies show that the basic granulites have a gabbronoritic to monzonoritic composition made up essencially by plagioclase (an 40-55), clynopyroxene (salite), orthopyroxene (hypersthene) and amphiboles. Opaques, zircon and sphene are accessory minerals. Microprobe analyses of clino and orthopyroxenes are presented. The mineral pairs of clino-orthopyroxenes give an average temperature of 780 '+ ou -' 60°C while a pressure of 7,5 kbar, estimated by Al2O3 content of pyroxenes (according Wilson 1976). Major and traces elements (Cr, Ni, Rb,Sr, Ba) have been determined in 10 samples of basic granulites. Some critical plots are presented. Evidence provided by chemical variation trends suggests that basic granulites of Guaranesia region have probably been derived from basic igneous rocks, rather than calcareous-dolomitic shales. The chemical variation trend of basic granulites are similar to that of subalcalic magma series. Ni (ppm), Cr (p.p.m), Al2O3 (%) and TiO2 (%) as function of mg number (100 Mg/Mg+Fe) diagram, show basic granulites values in the field of Archaean toleiites.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Santos_Mestrado.pdf (9.71 Mbytes)
Fecha de Publicación
2015-09-17
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.