• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.1997.tde-06102015-112549
Documento
Autor
Nome completo
Maria Cristina Frascá Spilborghs
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1997
Orientador
Banca examinadora
Casarini, Dorothy Carmen Pinatti (Presidente)
Pacheco, Alberto
Pellizari, Vivian Helena
Título em português
Biorremediação de aquífero contaminado por hidrocarboneto
Palavras-chave em português
Hidrocarbonetos
Hidrogeologia
Poluição da água
Resumo em português
Em função da qualidade inadequada das águas superficiais e dos elevados custos para seu abastecimento, a cada ano é maior a importância das águas subterrâneas como fonte de água de abastecimento, tornando-se a preservação da sua qualidade uma questão de extrema importância, resultando em inúmeros e variados estudos sobre este tema. Entre as muitas fontes existentes de contaminação da água subterrânea, um dos mais impactantes e crescentes problemas são os vazamentos de gasolina oriundos de tanques de armazenamento subterrâneo (TAS). Esse tipo de contaminação de água subterrânea é um problema alarmante no mundo todo. Nos Estados Unidos, a EPA (1986), estima que em 35% do total de TAS existentes no país ocorreram vazamentos. No Brasil, no Município de São Paulo, OLIVEIRA (1991) afirmou que 80% dos TAS estão vazando ou na iminência de vazamento. Uma das principais tecnologias estabelecidas para a remediação da água subterrânea contaminada é a tecnologia de biorremediação "in situ" que pode ser aplicada tanto na zona não saturada como na zona saturada do aqüífero. Este estudo visa principalmente verificar em sistema de microcosmo o comportamento de um vazamento de gasolina na subsuperfície, e aplicar a tecnologia de biorremediação "in situ" através do uso do sistema "air sparging" objetivando a degradação do contaminante. Um total de 4,5 litros de gasolina foi injetado na zona não saturada do microcosmo, simulando um vazamento de TAS. A concentração inicial das compostos BTX no microcosmo era de 289 mg/L de benzeno, 308 mg/l de tolueno e 230 mg/L de xileno. O monitoramento do processo de biorremediação teve duração de 216 dias. Neste estudo todos os compostos BTX foram completamente degradados num período máximo de 126 dias. O tolueno foi biodegradado mais rapidamente, (98 dias) seguido do benzeno, que teve sua completa biodegradação depois de 112 dias, e 126 dias para o xileno que foi o último a ser degradado.
Título em inglês
Not available.
Palavras-chave em inglês
Not available.
Resumo em inglês
Due to the inappropriate quality of the surface Waters in addition to the high costs for its supplying, the groundwaters importance as a water supply has been increasing a lot recently. The high quality of its mantaince is relevant and sorts of searches in this waters are required. Among to the several ways of groundwaters contamination, the gas leaking from the underground storage tanks (UST) has been increased a lot worldwide. After many searches is said that in USA 35%, and in Brazil (São Paulo) according OLIVEIRA (1991) 80% of UST has been leaking or impeding to. The bioremediation "in situ" is known as one of the best technology for groundwater remediation and can be applied in the unsaturated zone as well as in saturated zone. The matter's target is to check in microcosm the underground gasoline leakage conduct and to apply the bioremediation "in situ'" through "air sparging" to raise the contaminant degradation. For a leak simulation, 2,5 litres of gas were injected in the microcosmo unsaturated zone. The initial BTX concentration was 289 mg/L of benzene, 308 mg/L of toluene and 230 mg/L of xylene. The monitoring was conducted for 216 days in the search and all compounds were degraded for 126 days. Toluene was degraded in 98 days followed by benzene in 112 days and xylene in 126 days.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-10-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.