• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2012.tde-21092012-082114
Documento
Autor
Nome completo
Bruna Bizzarro
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Nunes, Anderson de Sá (Presidente)
Báfica, André Luiz Barbosa
Silva, João Santana da
Título em português
Efeito da saliva de Aedes aegypti sobre a diferenciação, maturação e função de células dendríticas e na proliferação de linfócitos T.
Palavras-chave em português
Aedes aegypti
Aedes
Apoptose
Células dendríticas
Extrato da glândula salivar
Glândulas salivares
Linfócitos T
Proliferação de linfócitos
Resumo em português
Mosquitos são os mais importantes vetores de patógenos humanos, transmitindo um amplo espectro de doenças infecciosas emergentes e reemergentes. Nesse cenário, o mosquito Aedes aegypti está entre as espécies mais relevantes. No presente estudo investigamos as atividades do extrato de glândula salivar (EGS) desse mosquito vetor na biologia das células dendríticas e dos linfócitos T. Nossos dados revelam que o EGS não interfere na diferenciação, maturação e função de células dendríticas murinas. Entretanto, componentes salivares desse mosquito possuem um efeito direto sobre linfócitos. O mecanismo de ação do EGS envolveu a apoptose de células T naïve, enquanto células de memória foram mais resistentes a essa atividade. Uma molécula com peso molecular acima de 400 kDa é provavelmente a responsável por esse efeito. Em conjunto, os resultados gerados por esse trabalho contribuem com a elucidação dos efeitos biológicos da saliva de Ae. aegypti na imunidade de seus hospedeiros e, conseqüentemente, seu papel na transmissão de doenças.
Título em inglês
Effect of Aedes aegypti saliva on the differentiation, maturation and function of dendritic cells and on T lymphocyte proliferation.
Palavras-chave em inglês
Aedes aegypti
Aedes
Apoptosis
Dendritic cells
Lymphocyte proliferation
Salivary gland extract
Salivary glands
T lymphocytes
Resumo em inglês
Mosquitoes are the most important vectors of human pathogens, transmitting a wide range of emerging and re-emerging infectious diseases. In this scenario, Aedes aegypti is a relevant mosquito species. In the present study, we have investigated the activities of the salivary gland extract (SGE) of this mosquito vector on the dendritic cell and T lymphocyte biology. Our data reveals that the SGE does not interfere on the differentiation, maturation and function of murine dendritic cells. However, salivary components of these mosquitoes have a direct effect on lymphocytes. The mechanism of action of SGE involved apoptosis of naïve T cells, while memory cells were more resistant to this activity. A molecule with molecular weight above 400 kDa is likely responsible for this effect. .Taken together, the results generated by this work contribute to the understanding of the biological effects of Ae. aegypti saliva on the host and, consequently, its role on the transmission of diseases.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-10-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.